Fantastic Fair será em março


A terceira edição da feira mágica e medieval urbana de São Paulo já está próxima! Harry Potter, Senhor dos Anéis, Como Treinar Seu Dragão, Dungeon & Dragons, Game of Thrones, Vikings e até um medievalismo de verdade podem estar representados.

A Fantastic Fair – Edição de Equinócio acontecerá dia 16 de março, sábado, das 11h às 19h, em novo local: o salão da Associação Aichi do Brasil (Rua Santa Luzia, 74 – Liberdade – São Paulo/SP, pertinho da Estação Liberdade do Metrô) com ar condicionado, área externa e mais espaço. A entrada será gratuita.

Ilhéus: “município economizará R$19 milhoes por ano”


Entre os 268 servidores afastados pela Prefeitura de Ilhéus, no último dia 07, por força de sentença judicial proferida pelo juiz Alex Venicius, da 1ª Vara da Fazenda Pública, estão os detentores dos mais altos salários da folha de pagamento do município. Com o cumprimento da decisão judicial, a administração municipal economizará R$ 1.590.155,88 mensais, totalizando R$ 19 milhões por ano.

As disparidades entre funções e salários são evidentes na lista incluída no decreto de cumprimento da decisão judicial publicado no Diário Oficial do Município no último dia 7. Assistentes administrativos com salários entre R$7 e R$10 mil, guardas municipais recebendo de R$8 a R$10 mil, técnicos administrativos com remuneração de até R$13 mil, professores com salários acima de R$10 mil, odontólogo recebendo R$ 20 mil, entre outras distinções.

Concursados

A mesma sentença, no entanto, também obrigou o Município a nomear os candidatos aprovados no concurso público realizado em 2016. Com a convocação, serão preenchidas 196 novas vagas em níveis médio e superior, para trabalhar nas secretarias municipais de Administração, Educação, Desenvolvimento Social, Saúde, Agricultura e Pesca, Fazenda, Infraestrutura, Transporte e Trânsito, Turismo, Cultura, Planejamento e Desenvolvimento Sustentável.

Ilhéus: Estado mantém assistência ao Costa do Cacau


O atendimento no Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC) será mantido em plena capacidade operacional durante a fase de transição de gestão. Quem garante é o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, que esteve no hospital na tarde desta sexta-feira (11) e se reuniu com os representantes do corpo clínico. Mesmo estando em fase de transição para uma nova organização social que assumirá a gestão da unidade pelos próximos 60 meses, nenhum serviço no hospital será paralisado. Com um ano em funcionamento, completado no dia 15 de dezembro, o HRCC realizou mais de 180 mil procedimentos, dentre os quais 30 mil atendimentos e mais de 3.500 cirurgias em nove especialidades, destacando-se 1.422 em Ortopedia.

O hospital oferece atendimento à população em 13 especialidades: Clínica Médica Geral, Cardiologia, Saúde Mental, Neurologia, Ortopedia, Infectologia, Urologia, Nefrologia, Terapia Intensiva e Cirurgia Geral, Ortopédica, Neurológica e Vascular. O serviço de diálise implantado na Unidade de Terapia Intensiva reduziu a necessidade de transferências para outras unidades, atendendo exclusivamente os usuários em estado grave e que apresentam quadro de insuficiência renal.

A unidade de saúde é pioneira em serviços de Cardiologia ofertados pelo SUS, realizando procedimentos de colocação de marca-passo; cardiodesfibrilador implantável, além dos serviços de hemodinâmica, como cateterismo, angioplastia e arteriografia.

Localizado em Ilhéus, o HRCC também atende a outros 65 municípios da região sul da Bahia. O hospital, uma das maiores e mais modernas unidades de saúde da Rede Pública do Estado, conta com 225 leitos, 195 destinados a internação e cirúrgicos e outros 30 leitos exclusivos para Terapia Intensiva Adulto; ambulatório, centro cirúrgico, parque de bioimagem completo, com equipamentos de última geração, incluindo ressonância magnética e tomógrafo.

Teto para INSS será de R$5.839,45


Se você é aposentado e pensionista do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), então deve ter reajuste de 3,43% nos benefícios acima do salário mínimo. O percentual é do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), divulgado nesta sexta-feira, 10, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com isso, o teto dos benefícios previdenciários deve ficar em 5.839,45 reais, 193,70 reais a mais do que o atual, de 5.645,80 reais.

A portaria que oficializa o reajuste dos benefícios para 2019 ainda precisa ser publicada no Diário Oficial da União (DOU) pelo governo federal para começar a valer. Porém, é possível estimar de quanto será o benefício na folha salarial de janeiro, o aposentado que recebe mais que o mínimo pode aplicar o índice de inflação em seu salário, multiplicando o valor por 3,43% ou (1.0343).

Por exemplo, um segurado que recebeu aposentadoria de 2.000 reais em 2018 passará ganhar 2.068,60 reais este ano (2.000 x 1.0343). Lembrando que o benefício de janeiro começa a ser depositado aos segurados no fim deste mês e segue até fevereiro.

Por utilizar a inflação, o reajuste nas aposentadorias, pensões e auxílios do INSS costuma ser menor que do salário mínimo. O piso nacional foi reajustado em 4,61% pelo presidente Jair Bolsonaro, passando de 954 reais para 998 reais em 1º de janeiro.

A fórmula do mínimo é diferente pois considera uma projeção da inflação mais o Produto Interno Bruto (PIB) dos anos anteriores.

Bolsonaro quer mudanças na legislação


O presidente Jair Bolsonaro defendeu mudanças na legislação com a participação de todas as esferas de todos os Poderes e da imprensa para impedir o avanço da violência no país. A afirmação foi feita em referência a um vídeo que pode ser visto na conta pessoal de Bolsonaro no Twitter.

Nas imagens, aparece um prédio incendiado no Ceará e uma voz masculina ameaçando o presidente com xingamentos. As ameaças fazem referência às declarações de Bolsonaro no sentido de endurecer a política de combate à violência.

“Note a necessidade mais que urgente de se mudar a legislação com participação de todas as esferas de Poderes e Imprensa”, escreveu o presidente destacando a palavra “imprensa” com letra maiúscula.

Ao se referir ao vídeo, Bolsonaro afirmou que a população precisa ter uma resposta urgente e que não aceita ameaças. “Não porque o marginal ameaça, citando meu nome, mas para mostrar ao povo ordeiros de que lado estão o Executivo, Legislativo e Judiciário.”

Minutos depois, em um novo tuíte, o presidente destacou que os criminosos “sabem exatamente o que fazem”. “Combatê-los é simples e rápido, mas requer que os Poderes permitam mecanismos para realmente defender a população”, acrescentou. Segundo Bolsonaro, “é necessário [adotar] ações para que os agentes de segurança possam dar a efetiva resposta”. 

Fonte: Agência Brasil

Batwoman terá série própria na CW


O projeto Batwoman está muito próximo de sair do papel. Depois de fazer sua estréia durante o crossover “Elseworlds” Arrow-verse, a heroína está pronta para alcançar o status de estrela. A Channel Warner (CW) encomendou oficialmente um piloto para a potencial série de spin-off, que fará com que Ruby Rose, modelo e atriz australiana (The Meg) volte mais uma vez no papel-título de Batwoman / Kate Kane.

De acordo com o The Hollywood Reporter, o piloto da Batwoman será dirigido por David Nutter, que já dirigiu episódios de Arrow, The Flash e Game of Thrones. Caroline Dries atua como showrunner no projeto com Greg Berlanti, Sarah Schechter e Geoff Johns, produtores executivos.ruby-rose

A estréia de Batwoman em Arrow-verse em “Elseworlds” também introduziu Gotham City pela primeira vez no The CW, bem como Arkham Asylum e alguns personagens interessantes que poderiam retornar em algum momento. No momento, no entanto, apenas Rose foi confirmada como aparecendo no piloto.

Em Arrow-verse, Kate Kane foi revelada como a prima de Bruce Wayne. Depois que Wayne / Batman deixou Gotham, ela se levantou com um capuz como Batwoman em uma tentativa de salvar sua cidade do colapso. O crossover “Elseworlds” plantou sementes para o que poderia eventualmente trazer detalhes para a série, incluindo a revelação de Kane de que ela está lançando sua própria empresa de desenvolvimento imobiliário. Batwoman será a primeira série protagonizada por uma super heroína lésbica.

Anatel alerta sobre bloqueio de celulares irregulares


Na próxima segunda-feira, 07/01, terá início o envio de mensagens de alerta sobre bloqueio de celulares para os usuários com aparelhos irregulares habilitados a partir desta data. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a medida vale para a região Nordeste e alguns estados das regiões Sudeste e Norte. Já os bloqueios serão feitos a partir do dia 24 de março.

O celular irregular é aquele que não tem o selo da Anatel, que indica a certificação do aparelho e garante a compatibilidade com as redes de telefonia celular brasileiras. O selo normalmente está localizado no corpo do aparelho, atrás da bateria, ou no manual.

A Anatel alerta que o celular sem certificação ‘pode aquecer, dar choques elétricos, emitir radiação, explodir e causar incêndio, pois não passou pelos testes necessários’.

Com a medida, quem ativar um celular irregular nas redes das prestadoras móveis receberá, em até 24 horas, a mensagem: “Operadora avisa: Pela Lei 9.472 este celular está irregular e não funcionará nas redes celulares em 75 dias”. Da mesma foram, outros alertas são enviados em 50 e 25 dias antes do bloqueio, assim como na véspera do procedimento.

O IMEI é o código composto por 15 números, utilizado internacionalmente, que permite identificar a marca e modelo do aparelho. Todas as mensagens são enviadas pelo número 2828. Os consumidores podem verificar se o celular possuir irregularidades por meio do Portal da Anatel.

 

Estudantes poderão faltar aulas por motivos religiosos


O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que permite aos estudantes faltarem aulas e provas por motivos religiosos. A regra foi publicada no Diário Oficial da União do dia 04/01, e entrará em vigor em 60 dias, em março. A partir desse mês, as escolas terão ainda dois anos para tomar as providências e fazer as adaptações necessárias para colocar a medida em prática.

A nova lei estabelece que estudantes de escolas e universidades públicas e privadas poderão se ausentar de provas ou aulas, em dias que, “segundo os preceitos de sua religião, seja vedado o exercício de tais atividades”. Para isso, os estudantes terão que apresentar um requerimento com a devida antecedência.

Para repor as atividades, as instituições de ensino poderão aplicar prova ou aula de reposição, conforme o caso. Poderão ainda solicitar dos alunos um trabalho escrito ou outra modalidade de atividade de pesquisa. Os estudantes que fizerem essas atividades terão garantida a presença.

A lei não se aplica, no entanto, às escolas militares. Isso porque o ensino militar é regulado em lei específica, admitida a equivalência de estudos, de acordo com as normas fixadas pelos sistemas de ensino.

 

Pastor é preso suspeito de estuprar duas adolescentes


A Polícia Civil prendeu no último dia 4, na cidade de Itiruçu, o pastor evangélico Juvêncio Faustino dos Santos Filho, de 53 anos. O religioso é acusado de estuprar duas adolescentes, uma de 12 e outra de 13 anos. O crime teria ocorrido no ano de 2014, no mesmo município, mas só agora teve o pedido de prisão temporária cumprido.

De acordo com o delegado local, Arão Borges, as duas garotas são filhas de membros da igreja que ele pastoreava. O mandado de prisão preventiva foi expedido  na quinta-feira, 3.

“Os crimes aconteceram naquela cidade e assim que o mandado foi expedido pela Justiça, na quinta-feira, 3, nós o cumprimos”, explicou. Juvêncio será encaminhado ao sistema prisional. A polícia não divulgou maiores informações do caso.

Graduação a distância ganham mais força


Cursos de graduação presenciais poderão ofertar até 40% das aulas a distância. O limite anterior era de 20%. Publicada pelo Ministério da Educação, no último dia 31, a portaria estabelece que os estudantes devem ser informados pelas instituições de ensino superior que parte do curso presencial será ministrada a distância. As instituições devem detalhar, de maneira objetiva, as disciplinas, conteúdos, metodologias e formas de avaliação dessas aulas. Além disso, mesmo que sejam ministradas em formato de educação a distância (EaD), as avaliações e as atividades práticas exigidas devem ser realizadas presencialmente na sede ou em algum dos campus da instituição de ensino. A medida não vale para cursos da área da saúde e de engenharia.

De acordo com a portaria, para ofertar até 40% da carga horária do curso a distância, a instituição de ensino superior deve cumprir alguns requisitos como estar credenciada junto ao MEC nas modalidades presencial e a distância e ter um conceito institucional (CI) igual ou superior a 4. O curso que terá parte das aulas a distância deve ter Conceito de Curso (CC) igual ou superior a 4. Ambos conceitos são calculados a partir de avaliações do MEC e seguem uma escala que vai de 1 a 5.

A instituição deve ainda ter um curso de graduação na modalidade a distância, com CC igual ou superior a 4. Esse curso deve ser equivalente, ou seja, ter a mesma denominação e grau, a um dos cursos presenciais ofertados pela instituição. Para as instituições que não cumprem esses requisitos, o limite da oferta de EaD em cursos presenciais segue sendo de até 20% da carga horária total do curso.