Nenê está em alta no Vascão


vasco

A boa fase de Nenê pelo Vasco pode ser comprovada em números. O camisa 10 cruzmaltino lidera nada menos do que cinco fundamentos nas estatísticas do Campeonato Carioca, com a curiosidade de, por exemplo, ter o maior número de finalizações certas e erradas.

O meia tem ainda mais assistências junto a Luis Ricardo, do Botafogo (4), cruzamentos certos (18) e dribles certos (8).

No caso das finalizações certas, chama a atenção a disparidade em comparação aos segundos colocados Gegê (Botafogo) e Gustavo Scarpa (Fluminense): 21 contra 13.

Com cinco gols, Nenê também é o segundo colocado no quesito assistências para finalizações e lidera um fundamento negativo: o de perda de posse de bola.

Técnico do Vasco, Jorginho ressaltou a contribuição que o esquema da equipe tem para esse bom momento do meia.

“O sistema é todo montado para que ele contribua. O Nenê é um jogador muito qualificado tecnicamente e seria uma burrice se as jogadas não passassem pelos pés dele. O mais importante é que ele busca o jogo e está sempre próximo da bola. Isso faz toda a diferença”, frisou.

Nenê concorda e destaca a obediência tática do elenco desde o fim de 2015.

“Nós entendemos o que ele queria desde o ano passado. Conseguimos manter a base, a intensidade, e cada jogo é uma final. Isso está sendo um trabalho muito bom. É uma soma de fatores. Ter essa consciência, a união no vestiário também é muito grande e isso faz a diferença”, disse o jogador ao Esporte Interativo.

Prouni tem bolsas remanescentes


As inscrições para as bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (Prouni) começam nesta quarta-feira (23), e devem ser feitas pelo site do programa. O prazo vai até o dia 31 deste mês. O MEC não divulgou o total de bolsas que restaram e serão disponibilizadas. Neste primeiro semestre foram ofertadas 203.602 bolsas de estudo em universidades particulares – uma queda de 4% em relação ao ano passado.
prouni
No total, mais de 550 mil pessoas se inscreveram. De acordo com o ministério, as bolsas remanescentes não terão efeito retroativo, ou seja, são válidas a partir da data de emissão do correspondente Termo de Concessão. Podem participar estudantes egressos do ensino médio da rede pública; estudantes egressos da rede particular, na condição de bolsistas integrais da própria escola; estudantes com deficiência e professores da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrantes de quadro de pessoal permanente de instituição pública.
Neste último caso, não é necessário comprovar renda. É necessário ter participado do Enem 2015 e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas do exame. Não é permitido se inscrever caso a nota da redação tenha sido zero. Os estudantes serão classificados de acordo com as notas obtidas no Enem – e selecionados para apenas uma das opções de curso em que se inscreveram, respeitando a ordem de preferência. Em caso de empate, será classificado aquele com maior nota, nesta ordem: em redação, linguagens, matemática, ciências da natureza e ciências humanas. Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa. (Agência Brasil)

Visa nega contaminação de água em Itabuna


O Departamento de Vigilância Sanitária e Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde (Visa) publicou “Esclarecimento sobre qualidade da água” descartando que a água distribuída pela Emasa apresentam “resíduos fecais”, como veiculado por meios de comunicação de Itabuna. “Entendendo que compete a Vigilância Sanitária exercer a vigilância da qualidade da água para consumo humano, esclarecemos que as informações veiculadas nos meios de comunicação de que 65% das amostras de água distribuída pela Emasa apresentaram “resíduos fecais”, não procedem”, diz a nota.

Captação-de-água-da-Emasa-em-Nova-Ferradas-Foto-Martone-Badaró-2-300x168
Foto: Martone Badaró

E acrescenta e a nota emitida pelo coordenador da Divisão de Vigilância Sanitária e Ambiental, Antonio Carlos Carvalho Pereira: “Vale salientar que são realizadas coletas quinzenais de amostras de água provenientes da rede de distribuição de abastecimento e de soluções alternativas (poços, cisternas) e que os resultados obtidos do Laboratório Central, provenientes da água da Emasa, não apresentaram indicadores de contaminação fecal, sendo o resultado da conclusão do laudo como satisfatório para consumo humano”.

Segundo Carvalho, a cada mês são emitidos laudos pelo Laboratório Central do Estado da Bahia – Lacen com resultados satisfatórios em contraprova às análises laboratoriais dirigidas pela Emasa ao Departamento de Vigilância Sanitária e Ambiental da Secretaria Municipal de Saúde (Visa). Os fiscais sanitários recolhem amostras quinzenais da água tratada na rede de distribuição da Emasa em pontos estratégicos e água bruta em poços artesianos e cisternas cadastrados no programa Vigiágua.

Voce é sincero mesmo ou apenas grosseiro?


Estava no Facebook conferindo e curtindo as postagens de meus amigos, quando me deparei com um post que dizia o seguinte: “Sinceridade é uma arma perigosa. Se você usa demais, as pessoas se afastam. Se utiliza pouco, os falsos se aproximam.” A mensagem ficou um tempo em minha mente, me obrigando a refletir sobre o que seria de verdade a sinceridade, e da sua real importância em nossas vidas.

Garanto que você já ouviu algumas pessoas fazendo a seguinte afirmação: “Sou franco e falo tudo na cara.” Bem, quem sou eu para criticar as pessoas que costumam dizer a verdade sem temer as consequências? Entretanto, devemos tomar muito cuidado, pois ser sincero é necessário, mas saber como falar é demonstração de amadurecimento emocional e intelectual.

sincero

Está comprovado, que as palavras possuem uma força muito grande. Elas podem levar um indivíduo ao céu ou jogá-lo no chão, dependendo da forma que são disparadas. Mas, voltando a minha pergunta inicial: “Voce é sincero mesmo ou apenas grosseiro”? Por que na maioria das vezes quem afirma, com orgulho, ser sincero, o faz nos momentos mais inoportunos possíveis? Atitudes assim acabam levando os demais a ter a certeza de que o tal sincero é na verdade deselegante, agressivo, arrogante e descontrolado, entre outros “predicados” nada edificantes.

Alguém pode até questionar: “Então devo ser falso para agradar?”. Claro que não! Seja apenas cortez e diplomático. Você conseguirá dizer a verdade e ser franco, sem fazer uso de doses desnecessárias de agressividade ao falar.  É óbvio que em algumas situações será necessário pegar pesado e dizer o que se pensa sem rodeios. Porém, isso não acontecerá muito. Espero !

Marcelo Carvalho é jornalista profissional especializado em Marketing Empresarial e Comunicação Corporativa.

 

Itabuna: Minha Casa Minha Vida tem imóveis entregues


A titular do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, Nilma Lino Gomes, o prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, e o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Marcus Vinícius Nascimento, entregaram nesta sexta-feira, 19, às famílias cadastradas no Programa Minha Casa, Minha Vida, os 900 apartamentos do Condomínio São José, no bairro Ferradas. O evento contou com participação da presidente Dilma Rousseff e do governador da Bahia, Rui Costa, em transmissão simultânea de Feita de Santana.

Em Itabuna, a ministra Nilma Lino lembrou que o Minha Casa, Minha Vida é um programa criado pelo Governo federal para assegurar moradias dignas em locais seguros para milhões de brasileiros que durante anos sonhavam com a casa própria. “Hoje é um dia muito feliz para todos nós, que conhecemos a dificuldade do povo carente. Já entregamos mais de 2,5 milhões de unidades habitacionais em todo o país, beneficiando 10 milhões de pessoas e vamos contemplar muito mais”, discursou.

Ministra Nilma Lino Gomes ao lado do prefeito Claudevane Leite e de autoridades faz entrega das chaves- Foto Gabriel de Oliveira
Ministra Nilma discursa na entrega das chaves- Foto Gabriel de Oliveira

O prefeito Vane destacou que o sonho de quase todo o brasileiro é ter um lugar para abrigar sua família com segurança e que Itabuna está entre os municípios com maior volume de recursos investidos na construção de imóveis da Minha Casa, Minha Vida. O prefeito de Itabuna adiantou que ainda neste semestre serão entregues os conjuntos habitacionais Gabriela e Jubiabá, também no bairro de Ferradas. São mais 2.502 unidades habitacionais nos dois condomínios que vão atender às necessidades de famílias da cidade.

Vane destacou a parceria com o Governo federal que possibilitou investimentos de mais R$ 300 milhões em moradias populares para quem mais precisa. “Uma das coisas mais importantes na vida de uma pessoa é terminar o dia cansativo de trabalho e ter um lugar decente para descansar. Ao final do nosso governo serão mais de 20 mil pessoas beneficiadas com moradias em locais com toda a infraestrutura necessária à boa qualidade de vida”, afirmou o prefeito. Além do Gabriela e Jubiabá, também está em andamento o Itabuna Parque, no bairro São Roque.

O superintendente regional da CEF, Marcus Vinícius Nascimento, pediu aos moradores que cuidem bem do local, preservem os imóveis e espaços de recreação e lazer. Ele informou que cada imóvel custa em média R$ 60 mil e que cada beneficiário, no período de 10 anos, pagará em torno de R$ 6 mil. O saldo restante será de responsabilidade do Governo federal. Atualmente, a prestação varia entre R$ 25 e R$ 80 mensais para cada uma das famílias.

SONHO REALIZADO

Entre os contemplados está a aposentada Maria Senhora de Jesus, 82 anos, que recebeu um apartamento todo mobiliado no bloco 23 do Condomínio São José. Ela ganhou da construtora Módulo móveis como sofá, duas camas de solteiro, um fogão, televisor colorido, dois guarda-roupas, mesa, armário de pia e rack. A aposentada não conseguiu segurar as lagrimas ao entrar no imóvel pela primeira vez.

Dona Maria Senhora contou que passou um filme em sua vida, de quando ficou desabrigada após o teto da casa em que mora, atualmente, em Nova Ferradas desabar e destruir quase todos os móveis. “Já não tinha mais esperança de contar com um canto só meu, mas foi uma grande surpresa ao chegar aqui. Tive que esperar mais de 80 anos para ter o meu maior sonho em vida realizado”, comemorou.

Quem também está em clima de festa é a dona de casa Annaieyre Kelly Macedo Conceição, mãe de cinco filhos menores. Representando todos os moradores, a dona de casa recebeu as chaves de sua casa própria das mãos da ministra Nilma Lino Gomes. Contente, afirmou que esta sexta-feira foi o dia mais importante de sua vida. “Não tenho palavras para agradecer a Deus e à presidente Dilma por esse grande presente. Estou muito feliz”, contou Kelly.

MAIS UNIDADES

Além de Itabuna, nesta sexta-feira, por meio de transmissão simultânea, a presidenta Dilma Rousseff entregou unidades do Minha Casa Minha Vida em quatro estados, beneficiando mais de 22 mil pessoas municípios de Feira de Santana (BA), Ananindeua (PA), Itapeva (SP), Suzano (SP), Votorantim (SP) e Teresina (PI). Os 5.684 imóveis entregues hoje são destinados a famílias com renda de até R$ 1,6 mil (Faixa 1).

Em Itabuna, mais de 1.200 pessoas – entre beneficiários e familiares, participaram da cerimônia que contou com a presença do secretário estadual de Relações Institucionais, Josias Gomes, do deputado federal Davidson Magalhães, dos secretários municipais Wenceslau Júnior, de Planejamento e Tecnologia, e Francisco Edes, da Assistência Social. Também prestigiaram a solenidade, o presidente da Câmara de Vereadores, Aldenes Meira, e a vice-reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Joana Angélica Guimarães.

 

Itapé: obra da barragem do Colônia reinicia aos poucos


Aos poucos, a obra da barragem do Rio Colônia volta à ativa. Tendo como responsável o Consórcio Rio Colônia, a construção ocupará uma área de 1.621 hectares, com altura de 19 metros. Os mais atentos perceberam que, nos últimos dias, o número de caçambas circulando na área e de máquinas pesadas aumentou. Mais precisamente no Km 8 da rodovia, sentido Itaju, na sede de uma antiga fazenda de cacau, um grupo de homens trabalham na reorganização de um canteiro de obras. Um novo trecho de rodovia já está sendo cortado.

M--quinas-pesadas-abrem-novo-trajeto-da-BA-120-etapa-essencial----obra-da-barragem-Foto-Lucas-Fran--a
Fotos: Itapé Notícias

Uma empresa terceirizada utiliza máquinas pesadas para vencer uma pedreira e avançar na construção de um novo caminho. A BA-120 vai ganhar um novo trajeto para que os 62 milhões de metros cúbicos das águas da barragem sobre o Rio Colônia possam ocupar parte da pista atualmente existente. Tudo indica que em breve serão contratados cerca de 80 anos para trabalhar no local.

Quando estiver concluída, a barragem vai beneficiar cerca de 250 mil moradores de Itapé e Itabuna. Além de funcionar como reservatório regional por um período de até 30 anos, a obra de engenharia permitirá a contenção de cheias, diluição de efluentes e perenização dos rios Colônia e Cachoeira nos trechos em territórios de Itapé, Itabuna e Ilhéus.

O projeto em execução também prevê planos e programas de conservação ambiental na região sul do Estado. A meta, segundo o Governo do Estado, é oferecer segurança hídrica para a região, sem comprometer a captação do Rio Almada e diminuindo a pressão sobre outros sistemas.

Polícia reduz roubos a bancos em 2016


hqdefault
Imagem de Internet

O trabalho integrado das polícias Militar e Civil, juntamente com o suporte da Superintendência de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e o monitoramento das câmeras através do Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), resultou na diminuição em 63% dos roubos a bancos (explosões de caixas eletrônicos, arrombamentos, dentre outras modalidades) em 2016 na Bahia, numa comparação com o mesmo período do ano passado.

Os dados foram anunciados na reunião de avaliação semanal, realizada na tarde desta segunda-feira (14), na sede da SSP, coordenada pelo secretário Maurício Teles Barbosa. Foram 17 casos registrados em janeiro e fevereiro deste ano, enquanto em 2015, no mesmo período, tinham sido computadas 46 ações criminosas contra estabelecimentos financeiros. A utilização de explosivos nos roubos também teve diminuição: no ano passado foram 35 casos, ao passo que, em 2016, as quadrilhas usaram deste tipo de artefato em 13 ocasiões.

“Reúno a cúpula da polícia baiana toda semana para analisarmos os índices criminais no estado e hoje estamos também comemorando a atuação das unidades especializadas no combate ao crime organizado. As ações integradas de inteligência e a parceria com o Exército na fiscalização da venda de explosivos nos renderam esse excelente começo de ano”, ressaltou Barbosa.

Ele acrescentou que os encontros com representantes dos bancos também resultaram em atitudes para ampliação dos sistemas de seguranças das instituições financeiras. “Estamos com novos efetivos capacitados nas academias das polícias Militar e Civil e colocaremos alguns desses servidores para reforçar o interior”, informou o secretário.

Polícia aumenta em 558% apreensão de artefatos explosivos


A redução de 63% de roubos a bancos nos dois primeiros meses de 2016, comparado ao mesmo período do ano passado, é reflexo das operações policiais, alicerçadas no trabalho de inteligência, iniciadas desde o final de 2014. Em 2015, foram apreendidas 224 bananas de dinamite, índice 558% maior do que no ano anterior, quando foram retirados das mãos de quadrilhas especializadas nesses ataques 34 artefatos explosivos.

A produtividade policial, em relação ao combate aos roubos contra instituições financeiras, teve também um crescimento de 31,4% no item prisão de assaltantes. Foram 180 bandidos capturados no ano passado contra 137 em 2014. Além disso, 49 assaltantes morreram em confronto. “Desarticulamos 19 organizações criminosas, que atuavam na Bahia e em outros estados. O trabalho integrado das forças de segurança federal e estadual nos permitiu desmantelar bandos que invadiam pequenas cidades baianas”, ressaltou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Com essas quadrilhas foram apreendidas 118 armas, número 25,5% maior do que no ano de 2014 (94 armamentos). “Avançamos muito com a implantação do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), das unidades especializadas da Polícia Militar no interior baiano e com o trabalho de inteligência”, enfatizou.

Operação no Oeste

Em mais uma ação que ratificou a integração e o trabalho de inteligência realizado no combate aos roubos a bancos, a polícia desarticulou, na quarta-feira da semana passada (9), uma quadrilha que agia na região Oeste da Bahia. Dez pessoas foram presas, sendo sete nas cidades de Luís Eduardo Magalhães e Barreiras, uma em Jacobina e duas no estado de Tocantins.

Com os criminosos a polícia encontrou três pistolas ponto 40, bananas de dinamite, munição, coletes balísticos e quatro veículos adulterados, dentre outros materiais. “Na semana anterior, numa ação integrada, no município de Santa Rita de Cássia, capturamos três bandidos e um morreu em confronto. Eles faziam parte de um bando que também roubava bancos”, explicou o coordenador da 11ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Barreiras), delegado Rivaldo Luz, acrescentando que “o trabalho feito com a Polícia Militar tem sido ponto importante no combate à violência na região”. (Fotos: Asvom/PC)

Marisqueiras de Maragogipe ganham base comunitária


Lancamentodecampanha_MarisqueirasdeMaragogipe_CreditoMaisaAmaral_02 (1)
Lançamento de campanha       Fotos: Maisa Amaral
“Marisqueira com orgulho, quilombola para sempre”. Esse é o lema das 30 mulheres marisqueiras das comunidades de Capanema e Baía do Iguape, localizadas no município de Maragogipe, na Bahia. A partir de agora, elas passam a cultivar ostras, utilizando estruturas semelhantes a travesseiros, o que irá possibilitar a recuperação do estoque de ostras em vida livre, além de melhores práticas de manejo, e da geração de renda com sustentabilidade e respeito ao meio ambiente.
Foram disponibilizados 30 travesseiros flutuantes, para início do cultivo dos moluscos em estuários, além de kits de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), contendo blusas com filtro solar UV e boné em tactel, que também tem bloqueio de 98% dos raios UVA e UVB.
Marisqueira desde os sete anos, Janete Barbosa Sena, 44, ressaltou a importância do projeto para as mulheres das comunidades, que têm mais de 50% da renda gerada pela mariscagem.
“Uma experiência nova para todas. Sempre pescamos da forma tradicional, e com esse projeto estamos com o pleito de criar ostras, para o aumento da renda familiar e também contribuir para que a espécie não entre em extinção, aumentando assim a quantidade de ostras na reserva extrativista”, explicou Janete.
Lancamentodecampanha_MarisqueirasdeMaragogipe_CreditoMaisaAmaral_01
Apoio ao projeto
A Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM-BA), uma das parcerias do projeto, está realizando curso de formação para as marisqueiras, solicitação das próprias mulheres da região.
Também foram disponibilizados, através do Fundo de Combate à Pobreza, R$46.600,00 (quarenta e seis mil e seiscentos reais) para a compra de mais travesseiros e equipamentos para fortalecer o cultivo das outras.
A Coordenadora Executiva de Ações Temáticas, Jucinalva Peruna, e as assessoras técnicas, Kátia Santos e Flora Brito, marcaram presença no lançamento da campanha, representando a SPM-BA.
O projeto é realizado pela ONG Rare, Fundação Vovó do Mangue e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), e conta com apoio da SPM-BA, Bahia Pesca e da Universidade Federal do Recôncavo (UFRB).

Redição de crimes violentos é tema de evento


1
Fotos: Jorge Cordeiro

índices criminais foram os principais assuntos da reunião técnica realizada, pela Secretaria da Segurança Pública, na manhã desta sexta-feira (18).

Promovida no auditório do Departamento de Apoio Logístico (DAL) da Polícia Militar, localizado no Centro Administrativo da Bahia, participaram do encontro, além da cúpula da SSP, os responsáveis pelas unidades policiais existentes nos 12 municípios que integram a RMS.

Os CVLIs (homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte) na RMS em 2015 tiveram uma redução de 11,8%, em comparação com o ano anterior. Em números absolutos, 97 vidas foram poupadas por conta das ações preventivas, repressivas e investigativas e do trabalho de inteligência do Sistema Estadual de Segurança Pública. No ano passado, a polícia contabilizou 724 casos, contra 821 em 2014.

“Quero parabenizar vocês, que atuam nas 12 cidades da Região Metropolitana de Salvador. Sei das inúmeras dificuldades que enfrentam, daí esse resultado agora obtido ganhar ainda mais importância”, ressaltou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, acrescentando que os policiais, que vêm sendo capacitados nas academias, serão encaminhados para algumas daquelas unidades, “ampliando e qualificando o serviço ali prestado”.