Coleta dos dados do Censo Escolar 2016 começa no dia 25 de maio


Escolas poderão enviar, pelo Sistema Educacenso na internet, os dados para o Censo Escolar da Educação Básica de 2016, a partir de 25 de maio e até  29 de julho. O cronograma do Censo deste ano foi divulgado hoje (8), no Diário Oficial da União, e o resultado final será anunciado no dia 31 de janeiro de 2017.

O Censo Escolar é um levantamento de dados nacionais, realizado todos os anos e coordenado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). O preenchimento das informações é de responsabilidade dos diretores e dirigentes das escolas. A partir das informações coletadas pelo Censo é possível formular, implementar, monitorar e avaliar políticas públicas. Além de elaborar análises e estudos sobre as características da educação básica pública e particular no Brasil.

De acordo com o cronograma, os dados preliminares serão enviados pelo Inep para a publicação no Diário Oficial da União no dia 31 de agosto. A partir da publicação, as escolas terão 30 dias para fazer, também pela internet, a conferência dos dados e, se necessário, correções. Os dados finais serão enviados para a publicação no Diário Oficial no dia 12 de dezembro. Os resultados finais serão divulgados no dia 31 de janeiro de 2017.numeros1

No ano que vem, começa uma segunda etapa, na qual as escolas informam se os alunos foram aprovados ou reprovados e se deixaram a escola. O prazo para que isso seja feito é de 1º de fevereiro a 17 de março de 2017. A divulgação será no dia 12 de maio do ano que vem.

Censo 2015

Antes da coleta do novo Censo, os diretores devem informar até o dia 1º de abril a situação dos alunos matriculados no ano passado. Devem informar pelo Sistema Educacenso se os alunos foram aprovados ou reprovados e se deixaram a escola por algum motivo. Os dados estarão disponíveis para conferência dos gestores estaduais e municipais de educação em 15 de abril, na internet. As escolas terão 15 dias para conferir ou corrigir as informações, caso seja necessário.

Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional está em debate


Gestores e técnicos do governo federal se reúnem hoje (9) e amanhã (10), em Brasília, para discutir os desafios do acesso de todos os brasileiros a uma alimentação adequada e saudável. O encontro tem por objetivo a elaboração do Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (PlanSan) para o quadriênio 2016-2019.

A primeira edição do PlanSan foi realizada entre 2012 e 2015. Nesta quarta-feira, Arnoldo de Campos, secretário de Segurança Alimentar e Nutricional do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), apresentou as principais conquistas alcançadas pelo PlanSan.

“Nos últimos anos ocorreu uma redução muito forte da pobreza e da desigualdade, insegurança alimentar, desnutrição e da mortalidade infantil. Houve o aumento do poder de compra de alimentos pela famílias e, ao mesmo tempo, novos fenômenos se intensificaram no país, como o aumento do excesso de peso, obesidade e doenças crônicas decorrentes da má alimentação”, afirmou Arnoldo de Campos.

Alimentos-comprar-saudaveis230215

Insegurança alimentar

Elaborado pela Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan), o plano prevê ações do governo para reduzir a pobreza rural, ampliar a disponibilidade hídrica, o acesso ao consumo da água, promover a produção, o abastecimento e o consumo de alimentos saudáveis, entre outras.

Os debates para construção do plano para o quadriênio 2016-2019 terão como pontos principais o combate à insegurança alimentar e nutricional de grupos populacionais como quilombolas e indígenas, a produção sustentável com foco na agroecologia e o enfrentamento à obesidade.

Segundo dados da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2013, o excesso de peso já atingiu 55,6% dos homens adultos e 58,2% das mulheres adultas, dos quais 16,8% e 24,4%, respectivamente, estavam com obesidade.

Uma em cada três crianças entre 5 e 9 anos já estão com sobrepeso no Brasil. Em números, estima-se que o excesso de peso já atingiu cerca de 74 milhões de brasileiros.

A Caisan elaborou uma estratégia de controle da obesidade que visa à valorização dos alimentos regionais, estímulo ao consumo de grãos integrais, leguminosas, oleaginosas, frutas, hortaliças e pescados, além da prática habitual de atividades físicas.

Em sua apresentação, Arnoldo Campos destacou que cinco Objetos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) têm relação com o direito humano a uma alimentação adequada, entre eles acabar com a fome, com a pobreza e garantir o manejo sustentável da água.

Cooperação internacional

Uma das prioridades do plano é expandir a participação do Brasil em ações de cooperação internacional no combate à fome e à pobreza, com ênfase na integração latino-americana. Alan Bojanic, representante da FAO no Brasil, afirmou que o Brasil canaliza, por meio da FAO, ao menos US$ 50 milhões em projetos de cooperação com outros países.

Maria Emília Pacheco, presidenta do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), informou que não há soberania e segurança alimentar e nutricional no país sem o fortalecimento dos agricultores familiares e das populações tradicionais.

Secretária de Políticas para Comunidades Tradicionais da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Givânia Maria da Silva disse que os negros são as pessoas que ainda vivem com maior grau de insegurança alimentar.

A Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional é integrada por 15 ministérios, além da Casa Civil e das secretarias de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos e da Secretaria Geral da Presidência da República.

Nova etapa do Pronatec tem 2 milhões de vagas


O governo federal lançou hoje (9) nova etapa do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), com a meta de oferecer 2 milhões de vagas, em 2016: 372 mil para cursos técnicos e 1,627 milhão para cursos de qualificação profissional.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), um dos destaques desta etapa do programa é o fortalecimento do Pronatec EJA (Educação de Jovens e Adultos). A ideia é que os jovens e adultos que interromperam seus estudos tenham a oportunidade de participar do programa, tendo seus conhecimentos – oriundos do trabalho e de experiências anteriores – valorizados e aproveitados ao longo dos cursos.

“Temos que dar a oportunidade que esse país não deu para os trabalhadores e trabalhadoras que quiserem voltar a estudar. Vamos associar o ensino técnico e a qualificação profissional com a educação de jovens e adultos. Ao mesmo tempo em que ele está se qualificando no Pronatec, ele pode concluir o ensino fundamental, pode concluir o ensino médio. Nós queremos que eles voltem a estudar regularmente junto com a qualificação profissional”, disse o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, durante cerimônia de lançamento do programa, no Palácio do Planalto.

Aloizio Mercadante      Foto: Divulgação
Aloizio Mercadante                                    Foto: Divulgação

 

O MEC também informou que os estudantes poderão optar pelo e-Pronatec, que permite à pessoa estudar online onde e quando preferir, de acordo com sua disponibilidade. Segundo a pasta, o aluno vai estudar por meio de plataformas digitais, simuladores, animações e outros métodos de aprendizagem na internet, na TV Escola e em outros canais educativos, oferecidos principalmente pelos institutos federais e pelo Sistema S.

“Junto com o Senai estamos criando uma plataforma muito moderna que é o ‘MecFlix'”, disse Mercadante. “Vamos ter videoaulas lá, exercícios sempre disponíveis para fazer os cursos. Vai ter simuladores, orientação dos professores, uma sala para os estudantes poderem dialogar entre eles.”

O Pronatec foi criado em 2011 pelo governo federal com o objetivo de ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica. De 2011 a 2015, o Pronatec registrou 9,4 milhões de matrículas entre cursos técnicos e de qualificação profissional. No ano passado, foram 1,3 milhão de matrículas.

Desagravo a Lula

O ministro da Educação disse que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi o presidente brasileiro que mais contribuiu para a educação técnica e profissional nesse país. “Ele ampliou os institutos tecnológicos federais, criou o Prouni [Programa Universidade para Todos], organizou o Enem [Exame Nacional do Ensino Médio] e mudou a história de educação no Brasil. Acho que por tudo que ele fez nesse país, não só pela educação, mas se fosse só pela educação, merecia mais respeito e mais consideração”, disse Mercadante.

Na sexta-feira (4), Lula foi levado a prestar depoimento à Polícia Federal, em São Paulo, no âmbito da 24ª fase da Operação Lava Jato. A Polícia Federal conduziu coercitivamente o ex-presidente, que estava em casa, em São Bernardo do Campo (SP), a uma unidade da polícia no Aeroporto de Congonhas para tomar seu depoimento. A medida da PF foi duramente criticada pelo ex-presidente, que disse jamais ter se negado a prestar esclarecimentos à Justiça

Fonte: Agência Brasil

Mulheres de Itapé ganham dia da Beleza


Dia de beleza reuniu 53 itapeenses Foto: Itapé Notícias
Dia de beleza reuniu 53 itapeenses Fotos: Itapé Notícias

O Dia Internacional da Mulher ganhou um encanto especial para 53 itapeenses. A Prefeitura Municipal de Itapé, através da Secretaria de Assistência Social, ofereceu um dia de beleza com várias atividades em comemoração a data de 08 de março. O evento foi promovido no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS). Lá, elas puderam desfrutar de serviços com cabelereiro, manicure, maquiagem, assistências e muito mais.

De acordo com a secretaria de Assistência Social, Maria Cristina Almeida Barbosa Santos, o objetivo principal da iniciativa foi melhorar a autoestima das cidadãs. “O Crás oferece, durante todo o ano, outras ações em que as mulheres podem usufruir de serviços como passeios, assistência psicológica, encaminhamentos e etc.” destaca.

O prefeito de Itapé, Pedro Jackson (Pedrão) destacou que as atividades foram apenas uma forma singela e justa de levar mais bem-estar às mulheres do município. “Mães, avós, filhas, netas, trabalhadoras, batalhadoras, profissionais competentes, dentre tantas outras funções que exercem ao mesmo tempo e que lutam com toda dedicação para preservação do que temos de mais importante em sociedade: a família. Aproveito também para parabenizar a toda a nossa equipe da Assistência Social envolvida nesta bonita ação”, finalizou.

 

Ilhéus: fiscalização orienta comerciantes da Praia do Cristo


Fiscalização ocorreu na praia do cristo, em Ilheus. Foto Sedic Ilheus (1)
Fiscalização ocorreu na praia do cristo. Foto Sedic Ilheus

 

Uma força tarefa composta por funcionários do Serviço de Vigilância Sanitária da secretaria de Saúde (Sesau), da Fiscalização de Posturas da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Sema), acompanhada pelo secretário municipal de Indústria e Comércio, Roberto Garcia, realizou vistorias em pontos de vendas de alimentos e bebidas disponibilizados na Praia do Cristo, região central de Ilhéus. Segundo Garcia, o trabalho, realizado no último domingo, 6 de fevereiro, faz parte dos esforços para capacitar os comerciantes que atuam na orla do município.

O secretário informou que, dessa vez, não foi realizada apreensão ou aplicada multa aos comerciantes que tiveram problemas com armazenagem ou manipulação verificados naquela vistoria. “A nossa intenção, desde o ano passado, tem sido de orientar, capacitar, justamente para estimular a adequação desses trabalhadores e evitar penalizações”.

Durante a fiscalização, os agentes verificaram as condições em que alimentos e bebidas estavam armazenados e o modo de como os comerciantes manipulavam os alimentos, principalmente aqueles frescos, como pescados e frutos do mar. O secretário de Indústria e Comércio, Roberto Garcia, aalerta que está proibida, à beira mar, a comercialização de espetos para churrasco, assim como de bebidas em garrafas de vidro.

Reconhecimento – Esse trabalho de orientação prévia e fiscalização aos ambulantes têm sido realizado desde o ano passado, cujo projeto motivou a indicação do prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, à classificação para fase final do 9º Prêmio Prefeito Empreendedor, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae).

Roberto Garcia acrescenta que, nesse contexto de estímulo ao empreendedorismo, soma-se o esforço da administração municipal em formalizar essa categoria de trabalhadores. Até o ano passado, mais de 5 mil pequenos comerciantes já possuíam CNPJ no município.

Ilhéus: novo PA amplia atendimento


Novo PA pode atender ate 300 pessoas ao dia em Ilheus - Foto Alfredo Filho Secom Ilheus (4)
Novo PA pode atender ate 300 pessoas ao dia em Ilheus – Foto Alfredo Filho Secom

 

A secretaria municipal de Saúde de Ilhéus instalou, no centro da cidade, mais um Pronto Atendimento (PA) específico para pacientes com sintomas de doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti. Aberto na última quinta-feira, dia 3, o novo PA funciona no antigo prédio da Clínica Sacro, na Avenida Vereador Marcus Paiva (antiga Avenida Bahia), com capacidade para atender 300 pessoas por dia. O espaço possui 30 leitos para medicação e aplicação de soro, com salas climatizadas, e equipe formada por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

Atualmente, a população de Ilhéus conta com duas unidades de Pronto-Atendimento (PA). O primeiro, aberto em fevereiro, funciona na travessa Santa Isabel, próximo ao Centro de Convenções, cuja equipe conta com supervisor, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, além de salas de coleta de sorologia e de reidratação. Nesse PA, a média de atendimento diária é de 215 pessoas. As duas unidades funcionam de segunda a sábado,  das 7 às 17 horas, com ambulância de plantão.

Notificações – Segundo informação do diretor de Vigilância à Saúde da Secretaria de Saúde, Antônio Firmo, até o dia 29 de fevereiro, Ilhéus notificou 1.537 casos de dengue, 1.437 de zica e 703 de chikungunya. Porém, ele ressalta que as notificações estão sob investigação laboratorial. “As amostras de sangue seguem para o Laboratório Central de Saúde Pública professor Gonçalo Moniz (LACEN-BA), em Salvador, e como a demanda tem sido grande, o tempo de espera para confirmar os casos varia muito”. Mesmo assim, Firmo afirma que os bairros que demonstram um número maior de casos notificados das três doenças são a Conquista, Esperança, Malhado e alguns pontos da zona sul.

O secretário de Saúde de Ilhéus, Antônio Ocké, afirma que, embora o governo municipal se esforce no sentido de reduzir os casos de dengue no município, por meio de sua equipe de endemias, e agora oferecendo dois locais para atendimento à população com sintomas de dengue, zika vírus e chikungunya, “é extremamente importante que a comunidade faça a sua parte e promova, de forma rotineira, faxina nos quintais de suas casas, com o objetivo de acabar com focos de infestação no município”.

Pará Caribe abre inscrições com novas oficinas na programação


Estão abertas as inscrições presenciais para as oficinas do projeto Pará Caribe, na Casa das Artes (antigo IAP), incluindo três novas oficinas: baixo, guitarra e sopro. As aulas iniciam no dia 14 de março e seguem, aproximadamente, até o dia 15 de abril. A taxa de inscrição é única (R$ 20), com gratuidade para estudantes de escolas e universidades públicas. A partir de amanhã (9/3) as inscrições também poderão ser feitas através de formulário no site da Fundação Cultural do Pará (www.fcp.pa.gov.br). Mais informações: 4006-2900.

Foto: Ascom Pará
Foto: Ascom Pará

Ilhéus lança programa de fortalecimento do turismo


Foi lançado em Ilhéus na última sexta-feira, 4, o programa Lidera Turismo, iniciativa do Sebrae que conta com parceria entre instituições públicas e privadas, e busca impulsionar a competitividade turística dos destinos por meio de atividades de aprimoramento, consultorias eworkshops. Participaram da solenidade, realizada em um hotel da orla sul da cidade, o vice-prefeito Carlos Machado (Cacá), que representou o prefeito Jabes Ribeiro, o secretário municipal de Turismo e Esporte, Josenaldo Cerqueira, além da prefeita de Una, Diane Russioleli e empresários do ramo turístico regional.

Para o vice-prefeito, o programa do Sebrae em parceria com a Prefeitura terá importância fundamental na Costa do Cacau, “principalmente pela experiência de sucesso em outros estados do Brasil, considerando principalmente que que será um grande treinamento para todos tendo como maior beneficiado o turista”.

Lidera Turismo foi lançado em Ilhéus - Foto Alfredo Filho Secom Ilheus
Lidera Turismo foi lançado em Ilhéus – Foto Alfredo Filho Secom Ilheus

 

O lançamento do Lidera Turismo contou com a palestra do consultor da Barcelona Media, o espanhol Pere Munhoz, que falou um pouco da sua experiência com o turismo na cidade de Maiorca (Espanha), e de como intensificar a atividade turística nas cidades.

Para o secretário Josenaldo Cerqueira, as ações que o município já vem desempenhando no sentido de atrair cada vez mais visitantes “só tem a ser somado com as novas experiências que essa iniciativa do Sebrae nos trará, aprimorando nossa vocação para o turismo, seja o de praia, rural, de negócios”.

Ilhéus tem novo PA para casos de dengue, chikungunya e zika


O segundo Pronto Atendimento (P.A) em Ilhéus será aberto nesta quinta-feira, 3. A unidade, montada especialmente pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) para atender casos suspeitos de dengue, zika vírus e chikungunya, está localizada à Avenida Bahia, 367, bairro Cidade Nova, onde funcionou a clínica médica Sacro. O local terá capacidade para atender até 300 pessoas diariamente, das 7h às 17h.

O primeiro PA, localizado nas imediações do Centro de Convenções, continuará funcionando e já atendeu, de 11 a 29 de fevereiro, cerca de 3300 pessoas. A descentralização do atendimento foi uma determinação do prefeito Jabes Ribeiro, visando dar melhor atenção à população que tem sido vítima das doenças causadas pelo aedes aegypti.

 

Novo PA vai está no espaço da antiga clinica SacroFoto: Street View
Novo PA vai está no espaço da antiga clinica Sacro Foto: Street View

 

“Com esse novo equipamento, ampliaremos o número de pacientes atendidos, podendo chegar a mais de 500 a cada dia”, salientou o prefeito. A superintendente técnica da Secretaria de Saúde, Gleiciane Birschner, informou que a nova unidade irá funcionar de segunda a sexta-feira, com equipe formada por três enfermeiros por dia, dois médicos, além de quatro técnicos de enfermagem.

O secretário de Saúde, Antonio Ocké, informou que após a abertura do segundo P.A no centro da cidade, será iniciada a preparação para funcionamento de unidades em bairros, como o Nelson Costa, na zona sul, e Teotônio Vilela, na zona oeste, “dando continuidade ao processo de descentralização do atendimento”.

Ilhéus tem atividades físicas para idosos e hipertensos


Projeto De bem com a vida reúne idosos, hipertensos e diabéticos em Ilhéus para a prática de atividades físicas. Foto Isabele Massaranduba Secom Ilheus
Projeto De bem com a vida      Foto: Isabele Massaranduba

 

O projeto “De bem com a vida”, iniciativa do Centro de Atenção ao Diabético e Hipertenso de Ilhéus (Cadhi) com o apoio da Secretaria Municipal de Turismo e Esporte (Setur), busca proporcionar atividades que melhorem a qualidade de vida de idosos, hipertensos e diabéticos através da prática regular e assistida de atividades físicas.

Com mais de 20 anos existência, o projeto acontece todas às terças e quintas-feiras, das 7h30min as 9h, no Ginásio de Esportes Herval Soledade, no centro de Ilhéus. O grupo se reúne para aulas com atividades como alongamento, relaxamento, caminhadas, oficinas lúdicas e esportes. Além disso, os integrantes do projeto participam de passeios em datas comemorativas.

Dona Albertina Pain dos Santos tem 86 anos e está no grupo desde que começaram as atividades. Ela conta que se sente muito feliz em participar e que as ações melhoram a sua saúde. Jogar bola é o que Dona Albertina mais gosta, além dos passeios. Já Dona Ilda Carvalho, de 82 anos, está no grupo há nove anos, onde ela considera se sentir bastante querida e ativa, na companhia das professoras e colegas.

Acompanhamento – O grupo ainda conta com o acompanhamento de médicos, enfermeiros, nutricionistas, psicólogo, educadores físicos e assistentes sociais. Nágila Pinheiro, educadora física que coordenas as atividades no ginásio de esportes, explica que para participar do grupo é preciso estar cadastrado no Cadhi, onde é feita u triagem e em seguida é encaminhado por profissionais para o grupo.