Governo prorroga por mais 3 anos permanência de estrangeiros no Mais Médicos


A permanência de médicos brasileiros formados no exterior e de estrangeiros no Programa Mais Médicos foi prorrogada por mais três anos. A presidenta Dilma Rousseff assinou hoje (29), em cerimônia no Palácio do Planalto, medida provisória que permite que esses médicos continuem atuando no programa sem que o diploma tenha que ser revalidado no Brasil. A lei que criou o Mais Médicos em 2013 previa a dispensa da revalidação do diploma nos três primeiros anos de atuação.

De acordo com o Ministério da Saúde, a medida assinada hoje permite que 7 mil profissionais que sairiam do Mais Médicos neste ano continuem atuando. A MP foi proposta ao governo federal pela Frente Nacional de Prefeitos, pela Associação Brasileira de Municípios e pelo Conselho Nacional de Saúde. As entidades argumentaram que muitas cidade dependem desses profissionais para manter os serviços básicos de saúde.

Ao discursar na cerimônia, o presidente da Associação Brasileira de Municípios, Eduardo Tadeu Pereira, comemorou a permanência dos médicos no programa sem a necessidade de revalidar o diploma. Segundo ele, os prefeitos se sentiram aliviados com a notícia, uma vez que os médicos já conhecem a situação dos municípios.

1016248-dilma_mais medicos-0261
Foto: José Cruz

“Eu, como fui prefeito, sei das dificuldades que era contratar médicos para atenção básica. O programa, além de ter sido salvação para os prefeitos, para a população brasileira eu tenho dito que é o Bolsa Família da saúde. É a possibilidade de garantir saúde para as pessoas que mais precisam e representou para a população a possibilidade de muitos lugares desse país terem o seu primeiro acesso à saúde”, afirmou.

O ministro interino da Saúde, Agenor Álvares, citou os desafios e polêmicas enfrentadas à época do lançamento do programa e disse que só um governo legitimado pela população teria condição de implementá-lo. “Foram enfrentadas indisposições tanto do ponto de vista político como dos órgãos de classe. Só um governo legitimado pela população teria coragem para enfrentar todas essas questões e dizer que o compromisso do governo é com o povo brasileiro, que o compromisso do governo é com a saúde”, disse no discurso. Agenor disse ainda que considera o Mais Médicos uma atividade perene do sistema de saúde e não apenas um programa.

Críticas

Entidades de classe, como o Conselho Federal de Medicina e a Associação Médica Brasileira, criticaram o Mais Médicos. Uma das críticas foi a contratação de médicos cubanos, que participam do programa por meio de cooperação firmada entre o Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana de Saúde.

O programa foi criado com o objetivo de ampliar a assistência à atenção básica de saúde levando médicos para atuarem em cidades com ausência de profissionais como no interior do país e em distritos indígenas. Atualmente, o programa tem 18.240 médicos em 4.058 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas. O programa também tem ações de expansão da formação médica no país.

Fonte: Agência Brasil  *Colaborou Paulo Victor Chagas

Bandeira tarifária das contas de luz continua verde em maio


Pelo segundo mês seguido, a bandeira tarifária das contas de energia elétrica será a verde, ou seja, não haverá acréscimo na conta dos consumidores. A bandeira que vai vigorar em maio foi definida hoje (29) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Segundo a agência, entre os fatores que contribuíram para a manutenção da bandeira verde estão o resultado positivo do período úmido, que recompôs os reservatórios das hidrelétricas, além do aumento de energia disponível com redução de demanda  e a adição de novas usinas ao sistema elétrico brasileiro, como a hidrelétrica de Belo Monte.

Desde que foi implementado o sistema de bandeiras tarifárias, em janeiro de 2015, até fevereiro de 2016, a bandeira se manteve vermelha (com a cobrança de R$ 4,50 a cada 100 quilowatts-hora consumidos). Em março, passou para amarela (com a taxa de R$ 1,50 a cada 100 kWh) e, em abril, a bandeira foi verde.

gastos-com-energia-eletrica-1430313859561_615x300

O sistema é uma forma de recompor os gastos extras com a compra de energia de usinas termelétricas. A cor da bandeira que é impressa na conta de luz indica o custo da energia elétrica, em função das condições de geração de eletricidade.

Por exemplo, quando o nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas está baixo, por causa da falta de chuvas, é preciso recorrer às usinas termelétricas para garantir a energia necessária para o país.

Como a energia gerada por termelétricas é mais cara, o custo da energia fica maior, e a bandeira tarifária passa a ser amarela ou vermelha. Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico, o nível dos reservatórios das regiões Sudeste e Centro-Oeste está atualmente em 57,54% de sua capacidade máxima.

De acordo com a Aneel, a bandeira tarifária não é um custo extra na conta de luz, mas uma forma de cobrar um valor que era incluído na conta de energia, sem acréscimo no reajuste tarifário anual das distribuidoras. “Com as bandeiras, a conta de luz fica transparente e o consumidor tem a melhor informação para usar a energia elétrica de forma mais consciente”, informa a Aneel.

Sétima Semana de Valorização do Trabalho Doméstico tem início


7SemanadeValorizacaodoTrabalhoDomestico_280416_CreditoGuilhermeSilva_02
Fotos: Guilherme Silva
Teve início ontem (28), a 7ª edição da Semana de Valorização do Trabalho Doméstico, realizada pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), e que segue até o próximo sábado (30), no Shopping Center Lapa.
A Secretária Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia, Olívia Santana, marcou presença na abertura. Também estiveram presentes: o Secretário Estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Álvaro Gomes; o representante da Organização Internacional do Trabalho (OIT), José Ribeiro; o Juiz auxiliar do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-5), Sérgio Ferreira Lima; e a professora Cínzia Barreto, do Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge).
As dirigentes do Sindicato das Empregadas Domésticas da Bahia (Sindoméstico), Cleusa Santos, e da Federação Nacional dos Trabalhadores Domésticos (Fenatrad), Creuza Oliveira, também compareceram e foram homenageadas durante o Ato.
Em seu momento de fala, a Secretária Olívia Santana ressaltou a importância de compreender que estamos lidando com mulheres que estão em uma frente de trabalho historicamente precarizada em nosso país, e que é através de muita luta que elas têm realizado grandes conquistas para esta profissão se tornar cada dia mais digna.
A gestora também frisou que é fundamental celebrar a conquista da Lei Complementar 150/2015, sancionada pela Presidenta Dilma Rousseff, que garante o reconhecimento dos direitos das/os trabalhadoras/es domésticos.
7SemanadeValorizacaodoTrabalhoDomestico_280416_CreditoGuilhermeSilva_01
O evento
A 7ª Semana de Valorização do Trabalho Doméstico conta com apoio da Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA), e é voltada às/aos trabalhadoras/es, empregadoras/es e ao público em geral. Acontecerá nos próximos dias (29 e 30), na Praça de Eventos do Shopping Center Lapa, sempre das 10 às 20 horas.
A ideia da Semana é valorizar as/os trabalhadoras/es domésticas/os; orientá-las/los a respeito dos seus direitos; dar visibilidade à profissão no âmbito da sociedade; ofertar serviços gratuitos à categoria; e abrir inscrições para cursos de qualificação, através do Serviço de Intermediação para o Trabalho (SineBahia).

Também serão ofertadas orientações trabalhistas, previdenciárias e de saúde, além de material informativo como cartilhas, folders, informes, dentre outros. Haverá ainda cadastramento de profissionais autônomos; emissão de Carteira de Trabalho; orientação sobre a saúde do trabalhador; prevenção à violência contra a mulher; autonomia e empreendedorismo para mulheres; e combate ao trabalho infantil.

Ilhéus: vencedor do Prêmio Sosígenes Costa de Poesia é anunciado


O I Festival Literário de Ilhéus foi aberto oficialmente nesta quinta-feira, 28, na Academia de Letras de Ilhéus (ALI) e um dos pontos altos foi o anúncio do vencedor do Concurso Literário – Prêmio Sosígenes Costa de Poesia. Wesley Almeida,que não pôde estar presente na cerimônia, ficou em primeiro lugar com a obra Memórias Fósseis. Morador da cidade de Feira de Santana, ele receberá a quantia de mil reais, o troféu Sosígenes Costa,além da publicação do livro de poemas pela Editus – Editora da Universidade Estadual de Santa Cruz.

Wesley Almeida levou o premio Sosígenes Costa de Poesia. Foto divulgação
Wesley Almeida levou o premio Sosígenes Costa de Poesia. Foto divulgação

Participaram da mesa de abertura o presidente da ALI, Josevandro Nascimento, a professora Rita Argollo, representando a reitoria da Uesc, o secretário de Turismo de Ilhéus, Josenaldo Cerqueira, o presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Ilhéus, José Nazal, e o presidente do Conselho Municipal de Cultura, Mestre Ney. A programação do festival foi iniciada também na quinta e prossegue até este sábado, 30.

Promovido pela Academia de Letras de Ilhéus (ALI), o festival conta com o apoio da Secretaria Municipal de Turismo e Esporte (Setur), Fundação Pedro Calmon e  Editus. Após as falas da mesa, o escritor Jorge Araújo apresentou ao público a sua mais recente publicação, o livro Minelvino Trovador: o cordel no sul da Bahia. Lançado pela Editus, o título resgata a história do cordelista grapiúna Minelvino Francisco Silva, retratando sua vida e obra.

A noite de abertura ainda contou com a Feirinha de Livros da Editora e da Livraria Papirus e foi animada pelo sarau literomusical, na Praça Castro Alves, com os músicos e poetas Qila e Múcio, Dr. Imbira e Rita Santana, e Quizila e Heitor Brasileiro.

Programação – A programação do I Festival Literário de Ilhéus prossegue na sexta-feira, 29, com Feirinha de Livros, das 16 às 21 horas; Mesa Literária – Literatura e Memória, das 19 às 20 horas. A última atividade reservada para a sexta-feira será um novo Sarau Lítero-Musical, na praça Castro Alves, no horário das 20 às 23.

No último dia do evento, sábado, dia 30, na sede da ALI, o público regional poderá conferir uma Roda de Conversa: Políticas Públicas para o Livro e a Leitura, das 16 às 17 horas; Feirinha de Livros, das 16 às 21; Mesa Literária – Estantes Musicais, das 17 às 18h30min; e Mesa Literária – Literatura no Palco, das 19 às 20h30min. Concluindo o I Festival Literário de Ilhéus, mais uma vez, das 20 às 23 horas, na praça Castro Alves, um Sarau Lítero-Musical.

Consumidor diz ter encontrado rato morto em embalagem de molho


Era para ser um almoço em família agradável na casa de Gustavo Loureiro, de 36 anos, no Flamengo, na Zona Sul do Rio, na última sexta-feira. No entanto, a preparação do macarrão com almôndegas à bolonhesa virou um verdadeiro pandemônio quando o músico abriu uma das embalagens de molho de tomate da marca Quero e diz ter encontrado um rato morto.

Gustavo contou que chegou a usar uma embalagem e metade da outra no processo de cozimento e se disse bastante preocupado por ter se deparado com o animal. “Estávamos preparando o molho à bolonhesa e já tínhamos usado uma embalagem inteira. Ainda chegamos a usar metade da outra embalagem, mas não havíamos percebido que estava contaminada. Somente quando abrimos todo o produto é que veio a surpresa desagradável. Fiquei muito assustado”, relatou ele sobre o produto de lote  L290536m5-1.

Surpreso com o que viu, o músico tentou ligar para o telefone 1746 para fazer a reclamação com a Vigilância Sanitária, mas não obteve sucesso. Desde então, ele tenta contato com a Quero Alimentos, a mesma empresa da marca Heinz. Em 2013, um laudo técnico identificou que houve fragmentos de pelo de roedor em um lote produzido no México pela empresa norte-americana.

rato morto

Procurada, a assessoria da marca informou que está em contato com o consumidor para agendamento de uma visita técnica para a retirada do produto e análise. Confira o documento na íntegra:

“A empresa esclarece que preza pela qualidade de seus produtos, que são feitos de acordo com rigorosos padrões de segurança alimentar. Desde que tomou ciência do caso, a empresa está em contato com o consumidor para agendamento de uma visita técnica para a retirada do produto e análise. A Quero Alimentos reforça, no entanto, que possui em seu processo produtivo eficazes sistemas de controle que impedem a entrada de qualquer objeto estranho dentro das embalagens de seus produtos. A empresa reafirma seu total respeito, transparência e compromisso com o consumidor, com o foco constante na máxima qualidade de seus produtos, e está à disposição para esclarecer eventuais dúvidas.”

Em nota, a Vigilância Sanitária  informou que vai recolher amostras do produto para análise. Confira o documento na íntegra:

“A Vigilância Sanitária do município do Rio de Janeiro informa que, após denúncia na página oficial do Facebook (Vigilância Sanitária Rio), irá recolher amostras do molho denunciado, para análise no Laboratório de Controle de Produtos do órgão. Caso seja constatada a presença de contaminantes, serão recolhidas, no município, todas as embalagens do lote denunciado. No entanto, a Vigilância afirma que os canais oficiais de denúncia são o telefone 1746 ou o site www.1746.rio.gov.br. Já à rede social cabe a divulgação de ações, dicas, e esclarecimento de dúvidas à população.” 

 

Fonte: Extra

 

SP divulga novas cartas Baralho do ‘Crime’


Brinque e também colabore com o trabalho da polícia. Viu ou conheceu a imagem de alguma das cartas? Ligue para o (71) 3235-0000.

A Secretaria da Segurança Pública divulgou, na tarde desta terça-feira (19), as novas imagens que estampam o ‘Baralho do Crime’, ferramenta lúdica criada pela SSP para que a população fixe na memória a fisionomia dos criminosos mais procurados do estado e colabore com o trabalho policial.

Foram substituídas as cartas Quatro de Espadas, Seis de Paus, Dois de Paus e Seis de Ouros. O novo Quatro de Espadas é o homicidaTarcísio Antônio Silva Itaparica, o “Bibiu”, que atua na Cidade Baixa, na capital baiana, Ele substitui Mizael Siva Santos, o “Miza”, já custodiado.

O naipe de Paus ganhou duas novas cartas: Lázaro Raimundo Dantas da Silva Junior, o “Maré”, homicida e traficante de drogas, é o Seis e o homicida Ânderson Souza dos Santos, o “Baço”, o Dois. Enquanto Maré, que atua no Lobato, substituiu Edmário Lima Cunha, com punição extinta, Baço, conhecido por agir no Pau Miúdo, ocupa o lugar de Everaldo Rocha dos Santos,o “Everaldinho”, morto em confronto.

Thiago Adílio da Silva, o “Coruja”, indiciado por homicídio qualificado e procurado também por tráfico de drogas, irá substituir Rogério de Jesus Santiago, o “Rogerinho”, já preso, como Seis de Ouros.

Criado há cinco anos, o ‘Baralho do Crime’ tem dado resultados positivos. Já foram atualizadas 99 cartas e 65 dos procurados presos, Ao entrarem em confronto com a polícia, 19 criminosos acabaram mortos. Já 15 bandidos tiveram o mandado de prisão revogado ou punição extinta.

Caso você tenha visto um destas imagens, entre em contato com a polícia e colabore para fazer uma Bahia mais segura. O número do Disque-Denúncia é (71) 3235-0000.

Santos Dumont é homenageado 110 anos após voo do 14-Bis


Foi numa engenhoca construída com seda, bambu, madeira e peças de metal que Alberto Santos Dumont, há 110 anos, realizou o sonho da Humanidade de voar com um equipamento mais pesado que o ar. Em outubro de 1906, o 14-Bis mostrou ao mundo que era possível decolar e pousar sem auxílio externo e, no mês seguinte, registrou o primeiro recorde reconhecido pela Federação Aeronáutica Internacional ao sobrevoar a distância de 220 metros em 21 segundos. Para o olhar contemporâneo, a primeira aeronave da História parece uma peça de museu, mas suas contribuições ainda hoje estão presentes na engenharia aeronáutica.

A partir de terça-feira, o Museu do Amanhã abriga a exposição “O poeta voador — Santos Dumont”, com conteúdo audiovisual, jogos e atividades interativas que contam a contribuição do inventor brasileiro para o sucesso da navegação aérea. Entre as atrações, protótipos de modelos e uma réplica em tamanho real do Demoiselle.

— É claro que os materiais evoluíram e a eletrônica sofisticada foi introduzida, mas todos os elementos básicos estão no 14-Bis — diz Henrique Lins de Barros, pesquisador do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e consultor científico da exposição. — A asa e o motor são lógicos, mas o 14-Bis introduz todo o sistema de controle e os ailerons (peças que controlam o movimento de rolamento da aeronave). Os cálculos aerodinâmicos, que indicaram a potência necessária para a sustentação do voo, são usados para qualquer avião. Todos esses elementos estavam presentes, o resto é desenvolvimento.

Em uma década, de 1898 a 1908, Santos Dumont construiu 22 equipamentos voadores. O primeiro foi o Balão Brasil, com apenas seis metros de diâmetro e 30 quilos, o mais compacto da época. Em 1901, o primeiro grande feito: com o dirigível nº 6, Santos Dumont percorreu 11 quilômetros e deu uma volta na Torre Eiffel em menos de 30 minutos. Assim, provou que o voo controlado (contra e a favor do vento) era possível, e venceu o Prêmio Deutsch, de 100 mil francos, uma fortuna na época.

 Os projetos de dirigíveis foram aprimorados até o nº 14, de 1905. Nessa época, surgiram notícias que os irmãos americanos Wilbur e Orville Wright haviam criado uma máquina voadora mais pesada que o ar, atraindo o interesse de Santos Dumont. No ano seguinte, o 14-Bis alçava voo. Barros explica que o inventor reuniu o que havia de mais moderno entre projetos de aviação com o motor Antoinette de oito cilindros, usado originalmente em barcos, e resolveu o principal problema do voo: alcançar velocidade suficiente em solo para gerar força de sustentação para a decolagem.

INFOCHPDPICT000056921506
Fotos: divulgação

O empresário Alan Calassa é uma das poucas pessoas no mundo que já pilotaram um 14-Bis. Para as celebrações do centenário do voo, em 2006, o entusiasta construiu uma réplica com base em fotografias e relatos. Segundo ele, a pilotagem é bastante particular. O comando dos ailerons, usado para estabilizar e fazer curvas, é feito com o movimento dos ombros. O pouso e a decolagem, levantando e abaixando o bico, é feito com um manche, mas a direção é dada por uma roda.

— A mão esquerda comanda a roda, a direita, o manche. E cordas presas nos ombros controlam os ailerons. É um pouco complicado. Para fazer uma curva à direita, você joga o corpo para o lado esquerdo e movimenta o leme com a roda — explica Calassa. — Foi Santos Dumont quem criou os comandos básicos da aviação.

CONHECIMENTO COMPARTILHADO

Uma marca do 14-Bis é a presença do leme na parte frontal. O arranjo, conhecido como canard (pato, em francês), é diferente da maioria das aeronaves comerciais modernas, que possuem o leme na parte traseira. Visto no 14-Bis, parece ultrapassado, mas é cada vez mais utilizado na engenharia aeronáutica, sobretudo em caças de guerra. O Gripen NG, comprado pela Força Aérea Brasileira, é exemplo de uso da tecnologia canard.

— Outros projetos de planadores já utilizavam o canard — explica Paulo Celso Greco Junior, professor do Departamento de Engenharia Aeronáutica da Escola de Engenharia de São Carlos da USP. — Tem vantagens, por gerar mais sustentação, o que facilita decolagem e manobras, por isso é muito usado em caças. Por outro lado, é menos estável.

Após o 14-Bis, outros pioneiros se lançaram ao ar. Em 1907, Robert Esnault-Pelterie também realizou um voo motorizado. Em 1909, o francês Louis Blériot cruzou o Canal da Mancha. E Santos Dumont apresentou o Demoiselle (libélula, em francês) nº 20, seu último projeto, o primeiro ultraleve da História, percursor da aviação moderna.

— Na Primeira Guerra, muitos aviões eram versões do Demoiselle — diz o coronel Denar de Carvalho Soares, do Museu Aeroespacial.

Santos Dumont também teve papel fundamental na popularização da aeronáutica. O projeto detalhado do Demoiselle nº 20 foi publicado revista “Popular Mechanics”. A fabricante de automóveis francesa Clément-Bayard deu início à indústria aeronáutica com a produção de aproximadamente 50 Demoiselles. O projeto se tornou popular nos EUA, com companhias americanas fabricando aviões e peças por muitos anos seguindo o modelo.

A manchete da “Popular Mechanics” era clara: “Santos Dumont doa patentes de aeroplano ao mundo”. E a reportagem esclarecia que “os direitos de patente da máquina foram tornados públicos por Santos Dumont para encorajar a aviação, e qualquer um pode usar esses planos para construir uma máquina similar”.

— Santos Dumont não tinha o compromisso de ganhar dinheiro — avalia Alexandre Figueiredo, diretor de Ensaios da Embraer. — Quando a gente compartilha o conhecimento, a tendência é que o desenvolvimento seja mais rápido.

 

Fonte: Jornal O Globo

Manifestantes fazem ato em frente à casa de Bolsonaro na Barra da Tijuca


O grupo Levante Popular da Juventude realizou um protesto neste domingo, em frente à casa do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC – RJ), na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Com uma faixa com a frase: Bolsonaro golpista, cerca de 50 manifestantes gritavam palavras de ordem contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff e contra apologia à ditadura militar. Ao proferir o voto a favor do impeachment no último domingo, Bolsonaro evocou a memória do coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, que chefiou o órgão de repressão da ditadura militar Doi-Codi de São Paulo de 1971 a 1974.

O protesto aconteceu na orla da praia da Barra da tijuca, onde mora o deputado. Os manifestantes cantavam: “Bom dia Bolsomonstro, como vai? Bom dia Bolsomonstro, como vai? Não aceito retrocesso, muito menos seu facismo. Bom dia Bolsomonstro, como vai?”

Os manifestantes também fizeram uma intervenção em que encenaram o deputado vestido de Hitler com os seus “bolsominions”, em referência aos personagens da animação infantil “Meu Malvado Favorito”, que repetiam o que o Hitler falava (fora PT, fora Dilma e viva a ditadura).

A ideia é fazer uma crítica às ações irrresponsáveis e às ideias facistas do deputado e mostrar que muitas vezes as pessoas repetem os outros sem pensar no que estão falando, como os bolsominions dessa intervenção teatral – conta Breno Rodrigues, do Levante Popular da Juventude, um dos organizadores da manifestação.

Bolsonaro-escracho
Foto: divulgação

– O Bolsonaro representa tudo que vai contra a juventude pobre, negra e LGBT. De forma irresponsável, ele votou a favor do impeachment e elogiou um coronel responsável pela tortura de várias pessoas durante a ditadura. Não podemos deixar isso passar. É por isso que viemos protestar – diz.

Na quinta-feira, o mesmo grupo fez um rápido protesto em frente da casa do vice-presidente Michel Temer, no Alto de Pinheiros, em São Paulo. O ato, conhecido como escracho, durou cerca de 30 minutos. Os jovens pintaram com tinta branca no asfalto a frase “QG do Golpe” e estenderam uma faixa com a inscrição “Temer Golpista”.

O Ministério Público Federal vai analisar os mais de 17 mil questionamentos recebidos contra a conduta do deputado durante a votação do impeachment na Câmara dos Deputados. Todas as reclamações, segundo o MPF, serão tratadas no procedimento, que está a cargo do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, já que o mandato de deputado federal confere a Bolsonaro foro privilegiado.

A Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB-RJ) informou também na semana passada que vai pedir ao Supremo Tribunal Federal a cassação do mandato de Bolsonaro (PSC-RJ). Um grupo de juristas da entidade trabalha na elaboração da peça jurídica, que deve ser encaminhada à alta corte esta semana. Ao GLOBO, o presidente da OAB-RJ, Felipe Santa Cruz, acrescentou que o órgão também acionará a Corte Interamericana de Direitos Humanos, na Costa Rica.

 

Nise – o coração da loucura é uma das estreias da semana


Conheça os filmes que entraram em cartaz essa semana.

caçadorO Caçador e a Rainha do Gelo – Freya é a irmã boa da toda poderosa Rainha Ravenna. Depois de passar por um trauma, no entanto, ela desperta para os poderes mágicos e se isola. Longe da irmã, ela constrói seu próprio reinado – se torna a Rainha do Gelo –, onde recruta crianças para compor seu exército, sob duas ordens: jurar obediência a ela e que os jovens abdiquem de qualquer forma de amor. Dois dos pequenos mais talentosos para o combate, Erik e Sara, crescem e se apaixonam. Quando Freya percebe que foi “traída”, no entanto, separa os dois. Paralelamente, o poderoso espelho mágico é dado como desaparecido. E será preciso impedir que o objeto caia nas mãos da nova rainha. Veja o trailer

 

em nomeEm Nome da Lei -Vitor (Mateus Solano) é um jovem juiz federal recém-chegado na cidade de Fronteira, disposto a desmontar um esquema de contrabando e tráfico de drogas na região. Para prender Gomez (Chico Diaz), ele vai contar com a ajuda da procuradora Alice (Paolla Oliveira), por quem se apaixona, e da equipe do policial federal Elton (Eduardo Galvão). Veja o trailer

 

no mundoNo Mundo da Lua – Richard Carson III, um milionário ganancioso, quer colonizar a Lua. Ele pretende apagar todos os vestígios os feitos dos astronautas da Apollo XI para poder explorar o hélio-3, a energia limpa do futuro, em benefício próprio. Para impedi-lo, a presidenta dos Estados Unidos ordena que a NASA organize o quanto antes uma nova viagem à Lua, de forma a assegurar os feitos do passado e impedir a exploração comercial do satélite. Como não há tempo de construir uma nova nave espacial, um foguete de 40 anos atrás é reaproveitado e, como ninguém sabe operá-lo, vários astronautas do passado são convocados a ajudar nesta nova empreitada. É a chance ideal para que Mike Goldwing, um garoto de apenas 12 anos, possa reaproximar seu pai, o atual astronauta Scott Goldwing, de seu avô, Frank, que abandonou a família após uma missão fracassada. Veja o trailer

 

milagres

 

Milagres Paraíso – Christy (Jennifer Garner) e Kevin Beam (Martin Henderson) são pais de três garotas: Abbie (Brighton Sharbino), Annabel (Kylie Rogers) e Adelynn (Courtney Fansler). Eles vivem em uma confortável casa, junto com cinco cachorros, e acabam de abrir uma clínica veterinária, o que fez com que tivessem que apertar os cintos e hipotecar a casa. Cristãos convictos, os Beam vão à igreja com frequência. Um dia, Annabel começa a sentir fortes dores na região do abdomem. Após muitos exames, é constatado que a garota possui um grave problema digestivo. Tal situação faz com que Christy busque a todo custo algum meio de salvar a vida da filha, ao mesmo tempo em que se afasta cada vez mais de sua crença em Deus.Veja o trailer

 

amor

Amor por Direito – A policial de New Jersey Laurel Hester (Julianne Moore) e a mecânica Stacie Andree (Ellen Page) estão em um relacionamento sério. O mundo delas desmorona quando Laurel é diagnosticada com uma doença terminal. Como sinal de amor, ela quer que Stacie receba os benefícios da pensão da polícia após a sua morte, só que as autoridades se recusam a reconhecer a relação homoafetiva. Veja o trailer

 

niseNise – Ao voltar a trabalhar em um hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro, após sair da prisão, a doutora Nise da Silveira (Gloria Pires) propõe uma nova forma de tratamento aos pacientes que sofrem da esquizofrenia, eliminando o eletrochoque e lobotomia. Seus colegas de trabalho discordam do seu meio de tratamento e a isolam, restando a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma nova forma de lidar com os pacientes, através do amor e da arte. Veja o trailer

 

o tesouroO Tesouro – Costi (Cuzin Toma) leva uma vida tranquila e serena com sua amada esposa e filho. Porém, a calmaria é abalada quando seu vizinho, Adrian (Adrian Purcarescu) afirma que há um tesouro escondido no quiintal deles. Com a aprovação da esposa e o entusiasmo do filho, Costi se junta a Adrian na procura do tesouro, colocando-os em uma sére de acontecimentos inesperados. Veja o trailer

 

historiaUma História de Loucura – Berlim 1921. Talaat Pacha, a principal pessoa por trás do genocídio armênio, é morto na rua por Soghomon Thelirian, cuja família inteira foi exterminada. Sessenta anos mais tarde, Aram, um jovem de ascendência armênia nascido em Marselha, explode o carro do embaixador turco em Paris. Veja o trailer

 

o futebolO Futebol – O filme acompanha a Copa do Mundo de 2014, que aconteceu no Brasil, e mostra as reações dos brasileiros diante do histórico jogo contra a Alemanha, no fim vitoriosa com o inesquecível sete a um. Veja o trailer

 

meu nomeMeu nome é Jacque – A diversidade da narrada através de um olhar sobre a história e a vida de Jacqueline Rocha Côrtes, uma mulher transsexual portadora do vírus da aids, que precisou e que ainda precisa superar grandes obstáculos para viver sua vida da melhor forma possível, quebrando paradigmas e derrubando preconceitos.Veja o trailer

Ibicaraí: CRAS de Ibicaraí e Vila Santa Isabel realizam aula inaugural


A Prefeitura de Ibicaraí, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), realizou na tarde de segunda feira, 18, a abertura oficial das oficinas de Corte de Costura, Pintura, Patchwork (arte de costura com retalhos), Patch Apliquê (técnica que consiste em usar tecidos para decorar tecidos), Tapeçaria, Bordado, Pintura e Feltro.

Ao todo, 137 pessoas estão matriculadas nas diversas oficinas, que serão coordenadas pelos profissionais do CRAS Diones Moura, Edna Oliveira, Ligia Freitas, Maria Santos e Maria de Fátima Figueiredo. Vale lembrar que os cursos são oferecidos gratuitamente para toda comunidade local.

Além do atendimento diário e encaminhamento dos usuários aos serviços assistenciais, começam as oficinas que integram e capacitam a comunidade. Podem participar das atividades pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social ou que já sejam acompanhadas nos Centros de Referência de Assistência Social.

cras-dest
Foto: Antônio Lima

A Coordenadora do Cras, Edcarla Reis, disse que o objetivo principal das oficinas está no desenvolvimento das habilidades manuais e coordenação motora do aluno, oferecendo lugar concomitantemente a novas opções de fonte de renda e também permitir as pessoas a se expressarem e descobrirem as próprias aptidões. “Olhos atentos e anotações sobre tudo que as monitoras ensinam. De segunda-feira a sexta-feira, das 08:00 às 11:30h; e a tarde de 13:30h às 16:30h. Não percam os horários e as aulas”, disse Edcarla.

“O curso tem como objetivo estimular as habilidades artísticas dos alunos, além de ser uma forma de geração de renda”, disse a Monitora Diones Moura.

Estiveram presentes a abertura a coordenadora Edcarla Reis; as coordenadoras pedagógica Evanice Santos e Rosalia Amorim; as monitoras Diones Moura, Edna Oliveira, Maria de Fátima, Maria Santos e Ligia Freitas; as psicólogas Juliana Henrique e Genilda Neta; a assistente social Evaniela Dias; as recepcionistas Clicia Leite e Iara Santos e diversas alunas de vários bairros e distritos.