Semana Nacional de Museus vai até o dia 19


 

A 17ª edição da Semana Nacional de Museus de 2019 segue até domingo (19), tendo como tema “Museus como Núcleos Culturais: o Futuro das Tradições”. O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) programou 3.222 eventos nas cinco regiões do país, com a participação de 1.114 instituições culturais.

Museu da República (RJ) Foto: divulgação
Museu da República (RJ) Foto: divulgação

Entre os eventos programados estão mostras, oficinas, visitas guiadas, debates e apresentações musicais. De acordo com o Ibram, a ideia é propor à sociedade “um debate sobre o papel dos museus como centros irradiadores e, igualmente, receptores de práticas, costumes e pensamentos de nossa cultura”.

Por meio desses eventos, o Ibran pretende promover, divulgar e valorizar os museus brasileiros; aumentar o público visitante; e intensificar a relação dos museus com a sociedade. Vale lembrar que o Dia Internacional dos Museus  é comemorado em 18 de maio.

Saiba mais:

http://programacao.museus.gov.br/

22ª OBA tem 800 mil participantes


Nesta sexta-feira, cerca de 800 mil estudantes brasileiros do ensino fundamental e médio fizeram as provas da 22ª edição da OBA (Olimpíada de Astronomia e Astronáutica). Ao todo, quase 8,5 mil escolas foram cadastradas. O gabarito será divulgado amanhã (18).

Dividida em quatro níveis (três para alunos do fundamental e uma para o ensino médio), a Olimpíada é composta por uma prova com dez perguntas: sete de astronomia e três de astronáutica.

“Estamos felizes com essa etapa vencida. Agora, a bola está com os professores, que têm que corrigir as provas, digitar nomes e notas dos alunos. Depois, isso vem para nós classificarmos os estudantes”, explica o coordenador nacional da OBA, João Canalle, professor e astrônomo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Os melhores classificados na OBA representam o país nas olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica e Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica.

A OBA é coordenada por uma comissão formada por membros da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e da AEB, e conta com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Universidade Paulista (Unip).

A hipertensão ainda ameaça a saúde dos brasileiros


A pressão alta é um mal silencioso que atormenta a grande parte dos brasileiros. O Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2018) demonstrou através de pesquisa que a hipertensão atinge 24,7% dos moradores das capitais do Brasil.

Do grupo de entrevistados, 60,9% de pessoas com mais de 65 anos disseram ser hipertensas. É o grupo mais significativo. Entre os entrevistados com idades entre 45 e 54 anos, 49,5% afirmaram ter hipertensão. Os dados foram divulgados hoje (17), no Dia Mundial da Hipertensão. O Vigitel 2018 entrevistou 52.395 pessoas nas capitais brasileiras.

Além disso, a pesquisa mostra que a doença, também conhecida como “pressão alta”, atinge mais pessoas no Rio de Janeiro, Maceió, João Pessoa e Vitória. Já São Luís, Porto Velho, Palmas e Boa Vista são as capitais com menor incidência de hipertensão entre seus habitantes.

O sal de cozinha é um dos maiores vilões da pressão alta. Isso porque o seu principal componente é o sódio, presente também em alimentos industrializados. Dados do ministério revelam ainda que, embora 90% dos homens e 70% das mulheres consumam mais sal do que o máximo recomendado, 85,1% dos brasileiros adultos consideram seu consumo de sal adequado.

O Ministério da Saúde recomenda a adoção de um estilo de vida saudável desde a infância até a terceira idade e a realização dos exames de saúde pelo menos uma vez no ano.  Também é importante evitar o sedentarismo, através da pratica de exercícios físicos.

Bahia lança camisa temática contra LGBTFobia


O Esporte Clube Bahia lançou no dia de hoje, 17/05, a coleção #BahiaClubeDoPovo, a iniciativa marca o Dia Internacional de Combate a LGBTfobia. A camisa em homenagem a data contém a  frase “Não há impedimento” atravessando um campo de futebol, próximo a grande área acompanhando uma linha nas cores do arco-íris.Marrom

As camisas estão à venda na loja oficial da Arena Fonte Nova em frente ao Dick do Tororó, custando R$88 reais, com opções na versão masculina e femininas nas cores cinza e branca. O Sócio torcedor do clube tem direito a desconto de 10% na aquisição da peça.

O garoto propaganda foi escolhido a dedo, trata-se do ativista LGBT e repórter do Correio 24 horas, Osmar Martins, popularmente conhecido em Salvador pelo apelido de Marrom.

Protestos em prol da Educação são mais uma preocupação para Bolsonaro


Inferno astral? Não há como negar, a situação do presidente Jair Bolsonaro não anda nada boa. E, no dia de hoje, seu governo teve de enfrentar um protesto que mobilizou milhares de manifestantes m várias cidades do Brasil.  O ato foi motivado pelos cortes do capitão reformado, na educação, anunciados anteriormente pelo ministro da pasta Abraham Weintraub na educação.

Presidente Bolsonaro critica manifestações Foto: divulgação
Presidente Bolsonaro critica manifestações Foto: divulgação

Os cortes foram anunciados logo depois da decisão do governo federal em não financiar mais os cursos de sociologia e filosofia, a justificativa apresentada foi de que os estudos sobre estas pontos não trariam retornos efetivos à sociedade.

Houve protestos em pontos das cidades do Rio de Janeiro, Niterói, na Região Metropolitana, bem como de Duque de Caxias e Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Além das 63 universidades geridas pelo Ministério da Educação no Brasil atualmente, as unidades de ensino fundamental e médio como o Colégio Pedro II e os IFFs de Educação em Ciência e tecnologia, também serão afetados.

Em terras gaúchas, as escolas da rede pública  e a universidades do Rio Grande do Sul aderiram parcialmente ao movimento. Na UFRGS ( Universidade Federal do Rio Grande do Sul) professores e alunos se mobilizaram e as aulas foram suspensas em parte das unidades. Estudantes e professores da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre também se mobilizaram, com panfletagem e debates sobre o contingenciamento de recursos. Pelo interior do estado, houve paralisação de atividades e protestos nas universidades federais de Pelotas (UFPel), do Rio Grande (Furg), de Santa Maria (UFSM) e em institutos federais.

O Masp foi o ponto de concentração do movimento em SP. Foto: reprodução Facebook
O Masp foi o ponto de concentração do movimento em SP. Foto: reprodução Facebook

Em São Paulo, concentraram em frente ao vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp) e os dois sentidos da via foram interditados por volta das 14h. O ato contou com a adesão de estudantes, crianças, idosos e sindicatos relacionados à educação. Vários cartazes fazeram referência à fala de Weintraub sobre “balbúrdia” em universidades.

O grupo ocupou todas as faixas da Avenida Sete de Setembro, o que deixou o trânsito bastante congestionado no local. De acordo com a Transalvador, os carros ficaram atrás do protesto e avançavam conforme o grupo andava.

Em Salvador (BA) nem mesmo a chuva conseguiu esfriar o ânimo dos manifestantes, que marcharam do Campo Grande  a Praça Castro Alves, um trajeto de cerca de 2,5 quilômetros. O ato encerrou por volta das 13h.

Universitários africanos protestam em Salvador. Fotos: reprodução Facebook.
Universitários africanos protestam em Salvador. Fotos: reprodução Facebook.

Também participaram do protesto entidades de classe, como a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Sindicato dos Trabalhadores em Educação na Bahia (APLB), Sinpro (Sindicatos dos professores das escolas particulares, União Nacional dos Estudantes (UNE), Associação dos Professores Universitários da Bahia (Apub) e Sindicato dos Trabalhadores Técnico e Administrativos da Universidade Federal (Assufba).  Manifestações em prol da Educação foram realizadas em todos os estados do país e no Distrito Federal. Em São Paulo, Porto Alegre e no Rio de Janeiro, os movimentos ainda ocorrem.

Questionado sobre o impasse provocado por sua medida, Bolsonaro afirmou que não gostaria de contingenciar verbas, mas que foi necessário. O governante avaliou os manifestantes como “uns idiotas úteis… uns imbecis”. Vale destacar que o Ministério da Educação e Cultura (MEC) bloqueou 24,84% dos gastos não obrigatórios dos orçamentos das instituições federais. Essas despesas incluem contas de água, luz e compra de material básico, além de pesquisas.  As verbas obrigatórias (86,17%), que incluem salários e aposentadorias, não serão afetadas.

Morre a atriz Doris Day


Um carisma que poucas atrizes possuem e um belo sorriso. Essas são algumas das características mais marcantes dessa maravilhosa estrela, Doris Day, que nos deixou na manhã de hoje, 13 de maio, no Estado da Califórnia, EUA.

A estrela também se destacou na música, emplacando inúmeros sucessos como, por exemplo, a canção “Whatever Will Be, Will Be (Que Será Será)”, do filme ‘O Homem que Sabia Demais’ (1956), dirigido por Alfred Hitchcock.

Em meados dos anos de 1970,  passou a se dedicar à proteção dos animais com a criação de uma fundação.  Com 89 anos, em 2011, produziu seu 29º álbum musical, My Heart. Em 2014, em seu aniversário de 92 anos, cumprimentou seus seguidores de sua casa e também apareceu em público alguns dias mais tarde, em um ato de sua fundação em defesa dos animais. Foi a última vez que foi vista em público.

Power Ranger é encontrado morto


O ator, Pua Magasiva, que interpretou o Ranger Vermelho no seriado Power Rangers Ninja Storm, foi  encontrado morto aos 38 anos, na Nova Zelândia, de acordo com a rede de TV americana FOX. O ator foi um dos protagonistas de Power Rangers Ninja Storm (Power Rangers tempestade Ninja). Ele também atuou em filmes, como 30 Dias de Noite, de 2007.Pua2

Segundo o jornal New Zealand Herald, o corpo de Magasiva foi localizado em uma casa na capital Wellington na manhã deste sábado. Ainda não se sabe a causa do óbito, mas a polícia local já afirmou que “não há circunstâncias suspeitas em torno de sua morte”. Pua era pai de uma menina de 7 anos.

Itapé: workshop trata de inteligência emocional


Bebida, Lazer com Responsabilidade é o tema do workshop de inteligência emocional que terá como palestrante a psicóloga Mariana Gonçalves. O público alvo do evento são os jovens de 15 a 28 anos. O workshop será realizado no dia 13 de maio, às 9h30min, no Centro de Referência de Assistência Social de Itapé. Haverá entrega de certificados, encaminhamento para cursos profissionalizantes e inscrição no ID jovem. Maiores informações poderão ser obtidas através do telefone: (73)98875-7399.

Mexa-se Itapé promoverá atividades físicas com aulas de zumba


Primeira edição do Mexa-se Itapé será realizada, no dia 26 de abril, a partir das 19hs, na Praça Helena Iglessias

 

Proporcionar o bem estar social e físico da comunidade. Esta é a proposta do Projeto Mexa-se Itapé, que promoverá atividades físicas com aulas de zumba e ritmos. A coordenação do evento está a cargo do coordenador da Escola Pingo de Gente, Luan Felisardo e da instrutora Débora Caldas.

Luan Felisardo da Pingo de Gente Foto: CarvalhoNews
Luan Felisardo da Pingo de Gente Foto: CarvalhoNews

Serão duas horas de exercícios, aulão de zumba e ritmos com professores de educação física e instrutores de zumba, com professores de Educação Física e instrutores de Zumba de Itabuna (Débora Caldas, Laíza França, Marcus Mucugê, Camilo Trindade e Isana Macêdo). Haverá, ainda, sorteio de brindes no decorrer do evento.

SERVIÇO

Projeto Mexa-se Itapé promove atividades físicas com aula de zumba e ritmos Data: 26 de abril de 2019

Local: Praça Municipal de Itapé, Helena Iglessias

Horário: 19h

Entrada Franca

Informações à Imprensa: Luan Felisardo ([email protected])

(73) 3248 2512/ (73) 988512429

 

Inscrições no UPT iniciam hoje


prouniIngressar em uma universidade é uma das principais metas de muitos estudantes brasileiros. Um auxílio para alcançar esse objetivo é o  pré-vestibular do programa estadual Universidade para Todos, promovido no Estado da Bahia. As inscrições iniciam hoje, 23 de abril e vão até 2 de maio, exclusivamente pela internet.

O cursinho é feito em parceria com as Universidades Estaduais da Bahia (Uneb), da Santa Cruz (Uesc), de Feira de Santana (Uefs) e dos Sudoeste da Bahia (UESB), sendo totalmente gratuito.

O programa é voltado a estudantes matriculados, em 2019, no 3º ano do Ensino Médio Regular estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes; matriculados, em 2019, no 4º ano da Educação Profissional integrada ao Ensino Médio da rede estadual ou municipal ou suas modalidades correspondentes e egressos do Ensino Médio estadual ou municipal do Estado da Bahia.

No ato da inscrição, o candidato deve fazer opção para um único município, local de funcionamento e turno que deseja cursar, bem como preencher integralmente o formulário de inscrição. O candidato informará, obrigatoriamente, o número do seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e criará uma senha de seis a oito dígitos, o que dará origem a um nome de usuário para acesso ao endereço de inscrição.

Além de poder fazer alterações sobre a inscrição pelo sistema, o candidato também poderá tirar dúvidas sobre o processo pelo telefone 0800 285 8000, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h ou pelo email: [email protected]

A seleção dos candidatos será feita a partir das notas de português e matemática informadas no ato da inscrição. A lista dos contemplados será divulgada no dia 10 de maio no site da Secretaria de Educação. A matrícula está prevista para o período de 21 a 24 de maio, no turno e local para o qual o estudante optou para cursar, com a apresentação dos documentos expressos no edital, entre os quais os documentos pessoais e os históricos escolares do Fundamental II e do Ensino Médio.

As aulas estão previstas para começar no dia 27 de maio e seguem até o mês de dezembro. Além das aulas, os estudantes têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e orientação vocacional.

Saiba mais

Inscrições on line                  http://www.educacao.ba.gov.br/

Edital                                     http://dovirtual.ba.gov.br/egba/reader2/