Itabuna: Cláudia Leite, Banda Vingadora e Harmonia do Samba são atrações do Carnaval Antecipado


Ao destacar que tem um compromisso com Itabuna e o projeto de fazer o maior governo da sua história, marcado pela realização de obras como a passarela da Ilha do Jegue, construção de uma nova ponte sobre o rio Cachoeira e conclusão das obras do Teatro Municipal de Itabuna, o prefeito Fernando Gomes anunciou que a parceria com o governo do estado é decisiva para a realização do Carnaval Antecipado de Itabuna, no período de 18 a 21 de janeiro. O prefeito também anunciou entre as atrações da festa Harmonia do Samba, Cláudia Leitte, Durval Lélys, Babado Novo, Duas Medidas, Vingadora, Fabrício Pancadinha, Lordão, além de Sinho Ferrary e Verônica Santos de Souza, da banda Di Rólex, que participaram da entrevista coletiva no Centro Administrativo Firmino Alves.

O encontro do prefeito com jornalistas teve a participação do vice-prefeito Fernando Vita; dos secretários de Governo Maria Alice Araújo; de Administração, Dinailson Oliveira; de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, Jorge Vasconcelos; de Saúde, Lísias São Mateus; de Segurança, Transporte e Trânsito, Cláudio Dourado, além do presidente da Câmara de Itabuna, Chico Reis e da Fundação Ester Gomes, Sérgio Gomes; dos vereadores Beto Dourado, Manoel Raimundo Alves Júnior, o Nel do Bar; Alex Alves Melo, o Alex da Oficina; Charliane Souza da Silva, Edmilson Cabral, Gidevaldo Lauro dos Santos, Zico; José Erivânio Sobreira dos Santos, Babá Cearense e o líder do governo na Câmara, Robson Santos Sá, o Robinho.

carnaval Itabuna 2018dadad
Muitas atrações no Carnaval Antecipado

Lembrando que o Carnaval Antecipado será para a família itabunense e deve atrair milhares de foliões da região Sul da Bahia, o prefeito Fernando Gomes destacou que sem a ajuda do governo do estado a festa não seria possível, uma vez que o município enfrenta problemas com a falta de recursos. O estado contribui com as grandes atrações anunciadas para a folia, que teriam um custo estimado de R$ 1 milhão e também com a segurança da festa, que terá reforço de policiais da Caerc, Rondesp, Cavalaria e da Polícia Rodoviária Estadual e Federal.

Ele anunciou ainda que o governador Rui Costa visitará Itabuna nos dias 19 e 20 de janeiro, devendo participar da inauguração da Passarela da Ilha do Jegue e da folia momesca. Além de apoiar o Carnaval antecipado, o governador assinou um protocolo liberando recursos para retomada das obras do Teatro Municipal, em fase de licitação nos próximos dias e volta a Itabuna em abril, para inauguração da barragem do Rio Colônia em fase de conclusão. O governo do estado também deve iniciar no próximo mês a duplicação da BR 415, trecho Ilhéus-Itabuna.

Na entrevista coletiva o prefeito Fernando Gomes falou das dificuldades enfrentadas pelo governo que teve de renegociar uma dívida de R$ 70 milhões com o FGTS e teve de pagar R$ 2,8 milhões de multa por dívidas deixadas pelos seus antecessores, o que comprometeu este mês o pagamento do salário dos servidores. Também anunciou a construção da nova ponte sobre o rio Cachoeira, com quatro pistas e um custo estimado de R$ 18 milhões já incluídos no orçamento da União.

Um outro projeto importante, segundo ele, é o estudo da Fundação Getúlio Vargas para concessão da Emasa, o que viabilizaria o projeto de despoluição do rio Cachoeira, “que não pode morrer”. Para o Carnaval Antecipado, o prefeito destacou que além da parceria com o governo do estado, a prefeitura também enviou ofício para a Bahiagás e para empresas privadas como a Rota e distribuidoras de bebidas que podem investir no apoio ao evento.

Itapé: Controladoria identifica fraudes no Bolsa Família


Uma auditoria da Controladoria-geral da União (CGU), no programa social Bolsa Família, divulgada na última quinta-feira 04, revelou fraude em cadastros em quase todos os municípios do sul da Bahia, com data base inicial de revisão de outubro de 2016. Para se ter uma idéia, na Bahia, Na Bahia, 55.675 famílias tiveram o cadastro cancelado. Em Itapé, segundo o levantamento, 34 benefícios foram fraudados nos últimos anos. Itapé têm atualmente 1.756 famílias recebendo o bolsa família.

A Prefeitura Municipal tem ajudado o governo federal no envio de informações e no aumento do número de cadastros do Cadunico, o que agiliza na identificação de fraudes.

Após o cancelamento dos cadastros fraudulentos, agora o CGU investiga quem são exatamente às 34 famílias que recebiam o benefício irregularmente. O governo federal promete acionar os beneficiários legalmente, pedindo a devolução do valor acumulado e a impossibilidade de retornar ao programa.

Para chegar a esses números, a CGU comparou a renda registrada em outras bases de dados oficiais, como a do Imposto de Renda e o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), com as que foram declaradas no Cadunico.

O Bolsa Família foi criado em 2003 para atender famílias em condições de extrema pobreza. Tem direito ao benefício a família que tem renda de R$ 170 por pessoa. Algumas famílias apontadas na fiscalização de forma geral da CGU tinham renda de mais de R$ 1.900 por pessoa.

fraude bolsa familia

Outros municípios da região também caíram na malha fina da CGU que encontrou irregularidades em cidade como Almadina (53), Aurelino Leal (61), Arataca (68), Barro Preto (57), Buerarema (67), Camacan (154), Canavieiras (127), Coaraci (147), Floresta Azul (42), Ibicaraí (117), Ibirapitanga (62) e Itacaré (106), Itajuípe (65), Itapitanga (40), Jussari (51), Mascote (58), Pau Brasil (52), Santa Luzia (52), Ubatã (46), Una (119), Uruçuca (98) e Ubaitaba (75).

Acesse o relatório na íntegra

Acesse os dados por Município

Fonte: Itapé Notícias

Congresso alheio aos direitos humanos


O Congresso Nacional tentou ao longo de 2017 avançar com ao menos 200 pautas e projetos que ferem e representam retrocessos para os direitos humanos do país, alertou a Anistia Internacional nesta quarta-feira em avaliação após os encerramentos dos trabalhos legislativos.

“Nossos direitos estão sob ataque. Durante o último ano, o Congresso tentou aprovar diversas propostas que, na prática, significam um enorme retrocesso em direitos humanos já conquistados há décadas”, disse Jurema Werneck, diretora-executiva da Anistia Internacional no Brasil, em comunicado.

Segundo a entidade, as crises política e econômica funcionaram como uma “cortina de fumaça” para que fossem colocadas na pauta da Câmara dos Deputados e do Senado projetos que atentam contra direitos já assegurados pela legislação brasileira.

Os projetos citados pela organização tiveram alvos variados, como o direito à manifestação, o direito à terra de povos indígenas e comunidades quilombolas e os direitos sexuais e reprodutivos das mulheres.

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Um exemplo apontado pela Anistia é a aprovação e sanção da lei que transfere para a Justiça Militar a responsabilidade de julgar crimes cometidos por militares contra civis. Na avaliação da entidade, a medida tem como consequência alimentar a cultura da impunidade.

Em outros casos, no entanto, avaliou a Anistia, a mobilização popular teve efeito para conseguir barrar ou pelo menos adiar a votação de algumas medidas.

A votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado foi adiada e ficará para 2018 e a mobilização de grupos feministas, de mulheres e profissionais da saúde também conseguiu evitar a criminalização total do aborto, tema que é alvo de ao menos 30 projetos, disse a entidade.

“Através de protestos dentro das audiências do Congresso ou durante sessões de comissões específicas, de mobilização nas mídias sociais, de ações de e-mails diretos e vídeos com participação de artistas e influenciadores, as mulheres fizeram de suas vozes ferramentas potentes para proteger direitos”, afirmou a organização de defesa dos direitos humanos.

Para 2018, a expectativa da Anistia Internacional é que parlamentares continuem submetendo e avançando com projetos que atinjam os direitos humanos, o que continuará a ser combatido com mobilização popular.

“A agenda legislativa do Congresso para o próximo ano certamente irá retomar o ataque aos direitos humanos. Temos que estar preparados para resistir e proteger de forma digna, as vidas e os direitos de milhões de brasileiras e brasileiros”, disse Werneck.

Atenção redobrada com crianças e idosos


Idosos e crianças costumam ser mais vulneráveis a determinadas moléstias, incluindo a dengue, zika e chikungunya, todas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti. Com isso, a preocupação com estas duas parcelas da população deve ser redobrada, defendem especialistas. A causa se deve ao sistema imunológico que protege o organismo contra doenças, mais frágil nesses grupos.

Os sintomas das três doenças, como febre alta, dor de cabeça, dores nas articulações e manchas pelo corpo, são agravados, o que pode ser fatal para muitos idosos. É o que explica o cardiologista e clínico-geral Fábio Akio Nishijuka:

– A febre alta pode levar à desidratação e à insuficiência renal. E esses fatores, em um sistema fisiológico já enfraquecido, podem ser fatais – explica.

Nas crianças, o risco também é grande. Segundo José Henrique Pilotto, médico e pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), os pequenos podem ter convulsão e hemorragia.

– Os idosos têm que ficar em estado de alerta. Desidratação, hemorragia, choque de pressão arterial e pneumonia, agravados pela transmissão do vírus pelo Aedes, têm grandes possibilidades de ocorrerem e levam à morte – constata Pilotto.

Como a maioria dos idosos já possui doenças pré-existentes, como cardiopatias, diabetes, hipertensão e artroses, é importante procurar um médico já nos primeiros sintomas.

As doenças cardiovasculares necessitam de medicamentos que deixam o sangue mais fino. E a dengue, zika e chikungunya podem agravar o quadro de sangramento. Para os pacientes com artrose, a chikungunya agrava os sintomas de dores nas articulações. A zika ainda tem ligação com a Síndrome de Guillain-Barré, uma doença neurológica grave, e causa microcefalia nos bebês ainda no período da gestação.

Foto: divulgação
Foto: divulgação

A demora no diagnóstico aumenta os riscos em idosos e crianças. Os sintomas, como a febre alta, podem se agravar.

– Pessoas com febre alta, por exemplo, que tomam pouco líquido, podem ter desidratação. As três doenças se confundem muito. É preciso um exame físico muito bem feito – ensina Pilotto.

A prevenção das três doenças é a mesma: evitar a picada do mosquito Aedes aegypti contaminado com os vírus. Ajudam muito a mantê-lo longe o uso de roupas escuras e compridas (roupas finas não impedem a picada) e a aplicação de repelentes continuamente (lembrando que somente bebês acima de 6 meses de vida podem usá-los e apenas os que tiverem a substância IR 3535). Outras medidas importantes são, sempre que possível, fechar as janelas, principalmente no início da manhã e no fim da tarde, período de maior atuação do mosquito, ou usar telas de proteção nelas, e se proteger na cama com mosquiteiros.

Mantenha o Aedes afastado com a limpeza de criadouros próximos da sua casa. O inseto usa a água parada para se reproduzir, sobretudo no verão, estação que concentra a maior quantidade de chuva e de umidade..

Concurso da Transpetro oferece 321 vagas


Atenção concurseiros de plantão! Serão abertas na próxima terça-feira, 9, as inscrições para o concurso da Petrobras Transporte S.A, (Transpetro), que oferece 321 vagas para preenchimento imediato e outras 3.210 de diversos cargos para cadastro reserva. As remunerações variam de R$ 1.419,12 a R$ 6.619,90.

As vagas disponíveis são para auxiliar de saúde, condutor bombeador, cozinheiro, moço de convés e de máquinas, condutor mecânico, eletricista e taifeiro. As inscrições devem ser realizadas pelo site da Fundação Cesgranrio até as 23h59 (horário de Brasília) do dia 31 de janeiro. A taxa é de R$ 47. Pedidos de isenção poderão ser feitos entre 9 e 16 de janeiro, até as 23h, também no horário Brasília.logo_transpetro

As provas serão aplicadas em Salvador e nas cidades de Belém (PA), Fortaleza (CE), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ) e em São Sebastião (SP). Datas e locais serão divulgados no dia 23 de março. Mais informações estão disponíveis no edital.

Além do valor de remuneração, a Transpetro também oferece benefícios educacionais, assistência médica, odontológica, psicológica e hospitalar, auxílio-farmácia, além da participação nos lucros e/ou resultados e complementação do auxílio-doença, entre outros.

Rio Grande do Norte: calamidade pública na segurança pública


O governo do Rio Grande do Norte decretou estado de calamidade no sistema de segurança pública. De acordo com o decreto, publicado no dia 6 último, no Diário Oficial do estado, o motivo é a paralisação dos policiais civis e militares, além do aumento dos índices de violência.

O decreto tem vigência de 180 dias e, com o estado de calamidade, o governo pode adotar medidas emergenciais para superar a crise no estado.

Segundo a publicação, enquanto perdurar a situação, ficam disponíveis para atendimento aos serviços necessários do sistema de segurança pública todos os bens, serviços e servidores da Administração Pública Direta ou Indireta.

As autoridades administrativas poderão requisitar ou contratar “quaisquer serviços e bens disponíveis, públicos ou privados, com vistas ao reestabelecimento da normalidade no atendimento aos serviços de segurança pública”.secretariaRGN

As mobilizações dos agentes da segurança pública começaram no dia 20 de dezembro por causa do atraso no pagamento dos salários de dezembro e 13º salário. Além disso, eles reivindicam melhores condições de trabalho, como equipamentos adequados e manutenção de viaturas, consideradas sem condições para rondas.

Policiais civis paralisaram parte dos serviços e passaram a trabalhar em escala de plantão. Policiais e bombeiros militares realizam operações-padrão, como patrulhamento apenas em veículos em condições adequadas. A redução da atividade policial motivou o envio de tropas do Exército e da Força Nacional ao estado.

Policiais e bombeiros militares e policiais civis decidiram, no dia 5 último,  manter a paralisação. Uma nova reunião com a Secretaria de Segurança Pública do estado ficou prometida para o dia 10.

Naeliton Rosa Pinto


O atual prefeito do Município de Itapé, Naeliton Rosa Pinto concedeu gentilmente uma entrevista para o Blog Carvalho News. Na pauta está uma análise sobre seu primeiro ano à frente da prefeitura, críticas, planos para o futuro, desafios na administração, como a população pode auxiliar na gestão e muito mais. Curioso (a) para ouvir o que o prefeito vai dizer? Então não perca tempo!

 

Pressão total para aprovar a Reforma da Previdência


Novo chefe da articulação do governo Michel Temer (MDB), Carlos Marun (MDB-MT) tem usado da pressão para conseguir a adesão de deputados à reforma da Previdência.De acordo com a coluna Estadão, faz parte da estratégia adotada pelo ministro ameaçar barrar empréstimos aos estados caso os deputados não referendem a matéria.O primeiro a sofrer pressão foi o governador de Sergipe, Jackson Barreto (PMDB), que deixou o Planalto na última quarta-feira (20) reclamando.“Marun me falou que há vários contratos com a Caixa, mas o governo só vai liberar após a votação da reforma. Achei uma coisa fora de propósito. Me deixou frustrado”, disse.

Já não fazem mais Macgyver como antigamente


merendolina
Critica de TV com Vivi Merendolinna

Ai gente, estamos na semana do Natal! É época de ser generoso, distribuir amor, presentes e perdoar nossos desafetos. E falando em perdoar, as emissoras continuam castigando a gente com uma programação para lá de chinfrim!  Outra coisa, que pode ser ótima e ao mesmo tempo péssima. A onda dos remakes chegou e parece para ficar. Um seriado que fez um enorme sucesso nas décadas de 1980 e 1990 voltou, mas sem o mesmo vigor. Estou falando do “Profissão Perigo”, que agora é apenas: Macgyver. O enredo é o seguinte: também chamado de Mac, Angus MacGyver, é um agente secreto de uma organização do governo dos EUA, que usa seu talento extraordinário para resolver o problema e seu amplo conhecimento da ciência para salvar vidas. Com habilidades que são limitadas apenas pela sua criatividade, Mac salva o dia usando clipes de papel em vez de pistolas, velas de aniversário em vez de bombas, e goma de mascar, em vez de armas.

MacGyver
Lucas Till é o novo MacGyver Foto: divulgação

Bom, a empolgação para por ai gente! Na versão antiga, quem dava vida ao MacGyver era o formidável Richard Dean Anderson, o mesmo que fez Stargate e outros filmes. Agora o ator Lucas Till que assumiu o papel, e, sinceramente, não agrada nem um pouco. Outro dia, coloquei no Universal Chanel para assistir a serie. Fiquei decepcionada. A história beira o humor pastelão, com o personagem principal em cenas para lá de ridículas. Os atores não passam nenhuma credibilidade. Aventura é fraca, me senti como se eles estivessem maculando a memória do primeiro Macgyver. Fiquei louquinha de vontade de ir ao Procon! Quem quiser ver para crer a serie vai ao ar todas as quintas- feiras, as 22h, no Universal Chanel.