Olha o Canal Montezando aí gente!


Interessante, criativo e divertido. Assim podemos definir esse sucesso do Youtube, Canal Montezando. Seu criador, o youtuber Renan Montezano abriu espaço em sua concorrida agenda para falar sobre sua vida de youtuber,  projetos e muito mais. Boa leitura!

14620010_1111724298919518_1197143986_n
Renan Montezano  Fotos: Arquivo pessoal

Blog Carvalho News – O que o levou a criar um canal no Youtube?

Renan Montezano – Sempre gostei de produzir conteúdo. Fazia vídeos curtos com um celular e postava no facebook. Era uma especie de esquetes de humor onde eu interpretava cenas engraçadas na vida de um casal. As pessoas gostavam e diziam: Cara por que você não coloca isso no youtube? Foi assim.

CN – Qual a proposta do Canal Montezando e por que escolheu esse nome?

Montezano – A proposta é entreter pessoas. O nome veio por conta no meu sobrenome “Montezano”. Montezando seria a forma de ver as coisas como eu vejo. Analizando, vendo, fazendo…montezando.

CN – Quais os assuntos que são abordados por você no veículo?

Montezano – No canal eu falo sobre, filmes quadrinhos, causos cotidianos, faço esquetes retratando a vida como ela é, paródias… tento abranger um público variado mas sempre colocando o meu ponto de vista da situação.

CN – Quais os ingredientes necessários para preparar um veículo de sucesso?

Montezano – Acho que não existe a fórmula secreta rs. Pra mim o importante é ser sempre você mesmo. Nunca vamos agradar a todos mas se vc souber expor bem suas idéias as pessoas que se identificam com você vão embarcar na sua ideia. Pra mim esse é o sucesso,atingir o objetivo. Ainda não atingi rs. Mas acho que estou no caminho certo.

CN – Quando seu canal foi criado? Inspirou-se em algum?

Montezano – O canal foi criado em janeiro deste ano (2016). Dentro do youtube tenho como inspiração o Whinderson Nunes. Comecei a acessar o youtube por conta dos vídeos dele. O youtube era uma plataforma que eu não conhecia bem.

CN – Quanto ao investimento, o que é necessário para montar um canal?

Montezano – Isso é bem relativo. No meu caso, no início eu só tinha uma câmera digital, e coragem rs.

CN – Como você seleciona os assuntos que irá abordar em seus vídeos?

Montezano – Os assuntos surgem! Só isso! E procuro falar sobre coisas que acontecem comigo. Hoje meu canal possui quadros diversos. Então a medida que as coisas vão acontecendo e vou observando os temas vão aparecendo.

CN – O que significa para você ser um Youtuber?

Montezano – Na realidade encaro isso tudo como um grande passa tempo. Faço vídeos porque eu gosto da produção. Então pra mim ser um youtuber nada mais é do que expor suas idéias para o mundo.

CN – Podem revelar alguma novidade que vem por ai?

Montezano – Sim, estou planejando fazer entrevistas no canal. Fechar com produtores de conteúdo em crescimento e dividir informações com eles para o público do canal.

CN – Qual a mensagem que gostaria de deixar para o seu público?

Montezano – Gostaria de agradecer a todos que curtem o Canal Montezando, agradecer a galera que apoia e me dá força pra seguir esse caminho. Espero poder retribuir o apoio de todos com mais e mais conteúdo divertido pra vocês!

Acesse: Canal Montezando

Homens vestidos de palhaços assustam moradores no Rio e São Paulo


Roupas coloridas, nariz de plástico vermelho, peruca, maquiagem grotesca, sapatos enormes. A descrição é de um palhaço, mas o intuito de alguns fantasiados tem sido propagar o medo durante a madrugada, em ruas desertas.

Relatos nas redes sociais de pessoas que afirmam ter visto palhaços sinistros perambulando pelas ruas do Rio e de São Paulo têm aumentado a preocupação da população. Nos relatos há até dicas de locais que devem ser evitados. Muita gente questiona a veracidade das imagens.

palhaços2
Foto: divulgação

No bairro Volta Grande, em Volta Redonda, no Sul Fluminense, um morador acordou de madrugada e viu um mascarado na rua. Fez a foto, mas não conseguiu confirmar no dia seguinte se era uma brincadeira entre amigos ou intimidação. O tempo estava chuvoso e a rua deserta. Foi postada no Facebook e muito comentada.

Moradores do Rio estão preocupados. “Estou tensa com a possibilidade de eu ou minha filha encontrarmos mascarado na rua. Só se fala nisso perto da minha casa. Já não saía muito à noite. Agora então”, diz Cleunice Nascimento, 46 anos, que mora em São João de Meriti.

A Secretaria de Segurança do Rio afirma que o 190, número de emergência policial, não recebeu denúncia ou solicitação de alguém sobre os ‘palhaços assassinos’ — como estão sendo chamados. O mesmo diz a secretaria paulista: “não é crime sair fantasiado”, acrescenta.

O número de postagens com fotos de aparições em nas zonas Norte e Sul e na Baixada aumentou na última semana. Até eventos e grupos de redes sociais foram criados para “caçar os palhaços”. Só no Facebook, com datas diferentes, este mês, foram listados, até a noite de ontem, 87 eventos promovendo caçadas no Brasil, principalmente no eixo Rio-São Paulo.

“Vamos acabar com a palhaçada. Quero ver querer assustar crianças agora”, diz um internauta na página ‘Caça aos Palhaços Assassinos de Caxias’, evento programado para amanhã. Em outro fórum, há a marcação de uma atividade em São Paulo, para hoje, com a descrição ‘Bora pra pista pegar esses psicopatas!’.Apocalipse dos palhaços

Um dos relatos diz que um palhaço foi visto no Paraíso, São Gonçalo. Internautas afirmam que a foto é de outra cidade. Outros dizem que é de um senhor que trabalha na região com a fantasia. “Parem de ser levianos em propagar boatos”, criticou outro. O coronel Danilo Nascimento, comandante do Policiamento de Área na cidade, não tomou conhecimento dessas aparições. “Pode ser que alguém tenha visto, mas não formalizou com a polícia ou não virou ocorrência”, comentou.

palhaços
Foto: divulgação

Mulher levou susto e seu bebê nasceu

Quinta-feira, na cidade inglesa de Leicestershire, uma mulher deu à luz prematuramente após levar um susto com um palhaço. No Facebook, uma amiga da vítima apelou: “Estava no oitavo mês de gravidez e um garoto estúpido de 17 anos pulou na frente dela vestido de palhaço. A mãe passa bem. Por favor, pensem: idosos e grávidas não são os melhores para assustar. Essa loucura sem sentido tem que acabar.”

Em nota publicada pelo jornal inglês ‘Metro’, a polícia inglesa disse que “provocar medo, pânico e distúrbio intencionalmente não é aceitável na nossa comunidade e é um crime em potencial”

Ronald sem divulgação

Após relatos e circulação de fotos de palhaços assutadores nas ruas, até a rede de lanchonetes McDonald’s decidiu restringir as aparições públicas de seu mascote, Ronald McDonald. Mascarados assustadores já foram flagrados nas ruas em agosto nos Estados Unidos, Reino Unido, na Austrália e, recentemente, no Brasil.

“Estamos cientes do atual clima gerado pelos palhaços avistados em diferentes comunidades e, por causa disso, estamos sendo cuidadosos com a participação de Ronald McDonald em eventos”, disse o McDonald’s em nota.

Em agosto, moradores de Greenville, na Carolina do Sul (EUA), relataram ter visto uma pessoa vestida de palhaço macabro tentando atrair crianças para a floresta. A polícia australiana prendeu rapaz fantasiado que assustou pessoas. A polícia britânica refroçou o patrulhamento perto de escolas e recomendou a interrupção das vendas de máscaras. No Brasil, houve relatos de aparições em cidades do interior paulista, no Rio e em Goiânia.

 

Apocalipse dos palhaços


Fenômeno pode ter origem em ação de marketing

first-look-at-pennywise-the-clown-from-stephen-kings-it-movi_z1u5
Foto: divulgação

Na Austrália, um homem fantasiado, que segurava um bastão de beisebol, foi espancado mesmo após tirar a máscara e tentar explicar que era uma brincadeira o que fazia.

O chamado ‘Apocalipse dos Palhaços’ pode ter se originado em uma ação de marketing para promover o remake de ‘It- Uma obra-prima do medo’, uma adaptação do clássico filme de 1990, inspirado na obra de Stephen King, que tem o assustador palhaço Pennywise. O lançamento está previsto para 2017.

O diretor da Vértice Inteligência, startup na Universidade Federal Fluminense, Marcelo Alves, diz que o fenômeno do compartilhamento é uma mistura de “curiosidade e folclore”.

“As pessoas que divulgam essas fotos são motivadas pela curiosidade, atração pelo grotesco. Não que elas realmente acreditem ou tenham medo daquilo, ou tenham a intenção de propagar o medo. Na verdade, é mais algo curioso que toma uma dimensão rápida de compartilhamento nas redes, mesmo sem saber sua veracidade.”

Itapé: lançamento de “Sou uma pessoa bonita” movimenta Câmara de Vereadores


Nem mesmo o clima preguiçoso, com direito a uma chuva moderada, do último sábado, (08/10), conseguiu ofuscar o brilho do lançamento de “Sou uma pessoa bonita”, da geógrafa e professora de Ensino Médio, Eliana Trindade.

O evento foi realizado entre 15h e 16h, nas dependências da Câmara de Vereadores de Itapé, com a presença do vice-prefeito eleito e atual presidente da Câmara de Vereadores, Júlio Borges e sua esposa Luisa, do presidente do Conselho de Educação de Itapé, Sandro Lyra, da coordenadora da Associação dos Professores de Itapé (API), Tilda Tamar, da secretaria da API, Maria Gorete Santos, da coordenadora do Pacto Jucivane Alves, da missionária Lígia Freire, do vereador Jorge Costa Cruz (Jorge de Jó), além de alunos, ex-alunos, professores e outros participantes.

Segundo a escritora, um dos grandes diferenciais da obra é sua abordagem diferenciada (toda baseada na Bíblia). “O livro é composto por oito capítulos baseados em versículos bíblicos que tratam de imagem, aparência, corpo, beleza, satisfação pessoal e comparação, dentre outros”, explicou, agradecendo aos presentes pelo carinho. De acordo com ela, o “Sou uma pessoa bonita” levou um certo tempo para ficar pronto pois precisou convencer as editoras da viabilidade comercial do produto. (Fotos: Marcelo Carvalho)

 

 

Por que algumas despedidas doem tanto?


Deveria existir uma forma menos dolorosa de dizer adeus

Hoje a gatinha de um casal amigo faleceu! A bichinha era idosa, estava debilitada em virtude da operação a qual foi submetida, mas vinha lutando como uma guerreira pela vida. Seus donos não pouparam esforços para ajudá-la nesse período. Entretanto, não houve jeito. Após idas e vindas ao veterinário, a Kit (vou chamá-la assim) se foi. Eles ficaram tão tristes, arrasados mesmo. Deu dó vê-los daquele jeito.

Seus amigos mais chegados também sentiram o abalo. Todos gostavam muito daquela bolinha de pelos amarela e branca, e sabiam da sua importância para o casal e sua filha. Tenho certeza que a Kit foi para o céu dos gatinhos. Ah sim! Acredito que Deus em sua infinita bondade reservou um lugarzinho especial para eles despois que cumprem sua missão aqui na Terra. Afinal, também são filhos do Pai!

349572-Gato+Amarelo+e+Branco+no+Sofa

Esse fato me fez pensar em uma coisa: não estamos preparados para algumas despedidas. A morte é algo que vamos enfrentar querendo ou não. Ela tem ou deve ter a sua função, mas na maioria das vezes é tão dolorosa, cruel, implacável e, por isso, quase nunca é vista como uma amiga.

Você pode até pensar que estou exagerando, pois essa reflexão iniciou a partir do falecimento de um animal de estimação. Tudo bem, não vou censurá-lo por isso. Entretanto, poderia ter acontecido com um pai, um irmão, uma avó, uma mãe, filho… Não importa. O sofrimento iria existir e seria complicado digeri-lo.

Por isso, é tão importante dar o carinho e o valor merecido a quem amamos enquanto temos essa possibilidade. De nada adianta chorar, se descabelar e culpar a sorte depois que aquela pessoa partiu. Faça hoje, agora, diga você é muito importante para mim ou eu te amo. Valorize que é importante em sua vida. Assim ambos terão um incentivo a mais para serem mais felizes.

Marcelo Carvalho é jornalista profissional especializado em Marketing Empresarial e Comunicação Corporativa.

Criador do Capitão R.E.D., lança novos projetos em quadrinhos nacionais


Reunião de super-heróis brasileiros e superequipe sombria estão entre os planos futuros.

14284862_1377306838965251_574432211_o

O roteirista Elenildo Lopes não para. Depois de criar o herói brasileiro Capitão R.E.D. em 2012 e lançar neste ano o projeto inédito Protocolo: A Ordem, que reúne mais de 20 super-heróis nacionais numa mesma história, o autor lança novos projetos para balançar o mercado nacional de quadrinhos.

Lopes aproveitou as Olimpíadas realizadas no Rio de Janeiro para anunciar seu mais novo super-herói, Velox, que também é um atleta olímpico. A novidade no personagem é que ele é o primeiro personagem solo assumidamente homossexual nos quadrinhos brasileiros. Passado o furor esportivo, o criador arregaça as mangas e anuncia seus planos futuros.

Para começar, ele retoma o antigo projeto A Ordem, que esteve em captação de recursos no Catarse no ano de 2014, mas não alcançou o valor estipulado. “Mesmo não atingindo a quantia proposta, tivemos um bom alcance midiático em todo o Brasil. Por isso, o projeto foi reformulado e relançado em 2015 como a HQ Protocolo: A Ordem. Desta vez, superamos a meta”, relembra Lopes.

Com a boa aceitação da revista, o autor decidiu tirar sua ideia original da gaveta, rebatizando-a como A Primeira Ordem. “Novamente, a revista trará a reunião dos maiores e mais clássicos super-heróis brasileiros atuando em conjunto numa novíssima saga cósmica. Mas a história se passará após os eventos em Protocolo: A Ordem” explica ele. Inicialmente, a publicação terá 80 páginas, mas esse número pode subir para 100, dependendo da arrecadação atingida.

A revista será impressa em formato americano (16 cm x 25 cm), capa cartonada com brilho e papel com gramatura de 170g. Dependendo do valor arrecadado, o miolo pode ser colorido ou em preto e branco. O editor e idealizador do projeto será o próprio Elenildo Lopes e contará com diversos autores e seus respectivos personagens (Veja lista em anexo).

A previsão é que A Primeira Ordem seja lançada para captação de recursos em novembro deste ano no site Catarse (www.catarse.me) e, caso a meta seja atingida, a distribuição acontecerá no segundo semestre de 2017. Em um segundo momento, também estão previstos o lançamento de um jogo RPG (Role-playing Game) de A Primeira Ordem, bem como a tradução da HQ para a língua inglesa.

Um segundo projeto do autor é o lançamento da superequipe Liga Apocalíptica, que reúne alguns dos maiores e mais clássicos super-heróis sobrenaturais brasileiros. “Seria algo semelhante à Primeira Ordem, mas bem mais sombria e sobrenatural. São projetos diferentes”, define Lopes. A Liga Apocalíptica está prevista para 2017.

 

Autores participantes da HQ A Primeira Ordem com seus respectivos personagens

A seguir, uma lista dos autores confirmados no projeto A Primeira Ordem e suas respectivas criações (lista sujeita a alterações):

Rodrigo Dos Santos e Alan Pavan – Anjo Urbano
Denilson Reis – Bruce
Pedro Campos – Capitão 7
Gian Danton – Capitão Gralha
Elenildo Lopes – Capitão R.E.D
Jorge Araujo – Ciclone
Alcivan Gameleira – Corcel Negro
Daniell Abrew – Corrupião
Eloyr Pacheco – Escorpião de Prata
Mike Deodato Jr. – Flama
Heraldo Wilson – Ginasta
João Luiz Vital – Homem Trator
Altemar Domingos – Jaguara
Lincoln Nery – Jou Ventania
Gabriel Rocha – Lagarto Negro
Alan Yango – Maximus

Gedeone Malagola – Raio Negro
Luís Carlos Nunes – Supraion
Emir Ribeiro – Velta
Wellington Santos – Vulto
Equipe técnica:
Editor: Elenildo Lopes

Selo editorial: MeuHerói
Argumentos: Elenildo Lopes e Gian Danton
Roteiristas: Gian Danton e Alexandre Magno
Desenhista: Marcio Abreu

Cores: Daniel de Oliveira

Programa Criança Feliz tem orçamento de R$ 300 milhões


Em seu primeiro discurso como embaixadora do Programa Criança Feliz, a primeira-dama Marcela Temer disse hoje (5), durante lançamento no Palácio do Planalto, que os cuidados a serem dirigidos às crianças brasileiras serão importantes para o desenvolvimento do país, e que atuará de forma a mobilizar grupos com o objetivo de melhorar a vida das pessoas. Com orçamento inicial de R$ 300 milhões, o Criança Feliz foi criado pelo Ministério do Desenvolvimento Social Agrário (MDS), tendo como foco o desenvolvimento integral da criança.

Brasília - O presidente Michel Temer preside a cerimônia de lançamento do Programa Criança Feliz, no Palácio do Planalto (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Michel Temer no lançamento do Programa Criança Feliz Fotos: Antonio Cruz/Agência Brasil

Entre os seus objetivos está o de apoiar e acompanhar o desenvolvimento infantil na primeira infância até os 3 anos. No caso de crianças em situação de vulnerabilidade ou de necessidades especiais, esse apoio poderá se estender até os 6 anos de idade. O Criança Feliz ajudará também as mães e a família na preparação para o nascimento da criança, ainda na fase de gestação, e, posteriormente, com o desenvolvimento de atividades lúdicas envolvendo outros membros da família.

“Cada brasileiro, desde a gestação, importa para o desenvolvimento do Brasil. Meu trabalho será voluntário para sensibilizar e mobilizar setores da sociedade em torno de ações que possam garantir a melhoria na vida das pessoas”, disse Marcela Temer durante a cerimônia de lançamento do programa. Segundo ela, a bandeira mais relevante do Criança Feliz está voltada aos cuidados e ao estímulo ao desenvolvimento da criança durante a primeira infância, “o momento mais importante para o desenvolvimento das habilidades humanas”.

“O que nós mães percebemos instintivamente tem sido comprovado pela ciência: nós influenciamos a crianças nos seus primeiros anos de vida. Cercada de carinho, uma criança terá mais possibilidade de aprendizado quando chegar à escola e será um adolescente mais preparado para a vida”, acrescentou.

De acordo com o MDS, o Criança Feliz tem como público-alvo gestantes, crianças de até 3 anos e suas famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família; crianças de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e suas famílias; e crianças de até 6 anos afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medidas de proteção.

Brasília - O presidente Michel Temer preside a cerimônia de lançamento do Programa Criança Feliz, no Palácio do Planalto (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Cerimônia de lançamento do Programa Criança Feliz 

A participação das famílias no programa está condicionada à manutenção atualizada do cadastro único, principalmente quando há grávidas e crianças de até 3 anos na família. As ações do programa serão executadas de forma descentralizada e integrada. Será, portanto, necessária a adesão também das unidades federativas – estados, municípios e o Distrito Federal. Um comitê gestor ficará responsável por estruturar, elaborar e implementar as estratégias de promoção do desenvolvimento infantil integrado.

O acompanhamento pelas equipes do Criança Feliz será feito por meio de visitas domiciliares às famílias participantes do Programa Bolsa Família. Formada por profissionais de áreas como saúde, educação, serviço social, direitos humanos e cultura, essas equipes ficarão encarregadas de dar aos beneficiários orientações visando ao fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários.

Fonte: Agência Brasil

Itapé: Eliana Trindade lança livro que ensina você a reconhecer sua própria beleza


O objetivo da obra é ajudar as pessoas, principalmente as cristãs, a se perceberem bonitas em suas singularidades.

elianalivrofoto
A autora Eliana Trindade     Foto: divulgação

O livro “Sou uma pessoa bonita” nasceu da necessidade de comunicar as pessoas o quanto elas são bonitas em suas particularidades. Nele, a autora Eliana Trindade destaca que a certeza da própria beleza se apresenta como um desafio na atualidade, pois a sociedade prega o contrário.

Um dos grandes diferenciais desta bela obra é sua abordagem diferenciada (toda baseada na Bíblia). Sou uma pessoa bonita é composto por oito capítulos baseados em versículos bíblicos que tratam de imagem, aparência, corpo, beleza, satisfação pessoal e comparação, dentre outros.

De acordo com Eliana Trindade, o objetivo é ajudar, principalmente aos cristãos, a se perceberem bonitos em suas singularidades. “Não escrevo para pessoas que se acham belas por uma questão de simetria, peso, tamanho ou cor, mas para as que são bonitas, de fato, porque são filhas amadas de Deus”, garante.

Sou uma pessoa bonita

Lançamento: dia 08 de outubro

Horário: 15h às 17h

Local: Câmara de Vereadores de Itapé

Entrada: um quilo de alimento não perecível

Brasil é o quarto maior produtor de resíduos


A quantidade de resíduos sólidos urbanos gerada no país em 2015 totalizou 79,9 milhões de toneladas, 1,7% a mais do que no ano anterior. No período, foi registrado também aumento de 0,8% na produção per capita de resíduos sólidos: de 1,06 quilo (kg) ao dia em 2014, para 1,07 kg ao dia em 2105. Os dados foram divulgados hoje (4) pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe).

“O resultado coloca o Brasil como o quarto maior gerador de resíduos sólidos no mundo, é muita coisa, e o que nós percebemos é uma rota ascendente, que tem vindo dessa forma na última década, e que ainda não demonstrou uma linha de reversão. É um dado preocupante”, disse o diretor presidente da Abrelpe, Carlos Roberto Vieira.

residuos

De acordo com o levantamento, houve uma leve melhora nos números sobre a destinação final dos resíduos sólidos. Em 2015, 58,7% do lixo produzido foi destinado para locais adequados, como aterros sanitários. Em 2014, esse índice foi 58,4%. No entanto, os dados mostram que cerca de 60% das cidades brasileiras ainda destinam seu lixo inadequadamente, ou seja, para lixões ou para os chamados aterros controlados.

“Uma das pistas que temos para explicar esse problema, essa nossa deficiência e porque temos levado tanto tempo para avançar, está no volume de recursos aplicados no setor de resíduos sólidos, que em 2015 foi de R$ 10 por habitante por mês para fazer frente a todos os serviços de limpeza urbana”, ressaltou Vieira.

Os serviços de coleta mantiveram o alto índice observado nacionalmente nos anos anteriores, de 90,8%. No entanto, ainda persistem as diferenças regionais: no Sudeste, 97,4% do lixo produzido é coletado; em seguida vêm as regiões Sul (94,3%); Centro-Oeste (93,7%); Norte (80,6%); e Nordeste (78,5%).

Neta e avô são um casal


Uma recém-casada de 24 anos, que mora em Miami, na Florida, Estados Unidos, descobriu três meses depois de casar que o homem de 68 anos com quem havia se unido é seu avô paterno. A descoberta ocorreu ao olhar álbuns da família do marido e “dar de cara” com o próprio pai nas fotos, segundo o “The Sun”.

O casal se conheceu através de um site de namoro. O homem, que não quis se identificar, é milionário e buscava uma companheira. “Eu senti algo estranho quando vi as fotos. Foi como um deja vu, mas naquele momento não identifiquei por que ela parecia tão familiar”, disse ele ao “Florida Sun Post”.

hqdefault
Imagem da internet

Segundo o homem, os dois não pretendem se separar, mas fazer a relação dar certo, já que ele “fracassou” em outros dois casamentos.

Ele contou que perdeu o contato com os filhos do primeiro casamento após a separação. Já no segundo casamento, teve outros herdeiros, mas se separou em 2009 depois de ganhar na loteria.