Sisu oferecerá 56,4 mil vagas para o segundo semestre


O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vai oferecer 56.422 vagas em 65 instituições públicas de ensino superior para o segundo semestre deste ano. As inscrições poderão ser feitas de segunda-feira (30) até o dia 2 de junho na internet, no site do Sisu. As vagas já estão disponíveis para consulta.

O número de vagas aumentou 1,5% em relação às cerca de 55,6 mil ofertadas no segundo semestre do ano passado. Podem participar do Sisu os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015 e não tiraram zero na redação.

sisu-99-10-95-03

Vagas remanescentes

Segundo a secretária executiva do Ministério da Educação (MEC), Maria Helena Guimarães de Castro, atualmente há mais de 1 milhão de vagas remanescentes de processos anteriores do Sisu. O ex-ministro da Educação Aloizio Mercadante havia anunciado a criação do Sisu das vagas remanescentes para ocupar pelo menos 150 mil vagas ociosas nas redes federal e estadual de ensino superior.

Perguntada se a pasta manterá a proposta, Maria Helena disse que a questão está sob análise. De acordo com a ministra, cerca de 110 mil dessas vagas foram ocupadas no remanejamento.

“O que faremos é analisar quais são as áreas em que é possível abrir o remanejamento de vagas. O Brasil é um dos mais atrasados do mundo em relação a remanejamento de vagas no ensino superior”, afirmou Maria Helena. “O ministro anterior abriu esse sistema apenas para a área de formação de professores. Pode ser que não seja suficiente para absorver as vagas existentes. O que vamos analisar é como podemos otimizar”, acrescentou.

Passagem da Tocha Olímpica movimenta Sul baiano


Por volta das quinze horas do último sábado (21), o comboio da tocha olímpica Rio 2016, entrou no município de Ibicaraí na Bahia, e, logo foi saudado por atletas de capoeira com seus timbaus e birimbaus, em seguida, foi à vez dos representantes do candomblé, que saudaram a todos e em especial ao fogo olímpico com banho de pipoca e água de cheiro, desejando há todos muito axé.

O fogo olímpico chegou à Terra Santa, pelas mãos de três alunos do colégio Estadual Eduardo Spínola, também estava presente na recepção, o prefeito Lenildo Santana acompanhado do Deputado Estadual Rosemberg Pinto, de vereadores, do prefeito de Firmino Alves Lero Cunha, de secretários de governo e varias outras autoridades regionais.

Durante todo o percurso, aconteceram apresentações, por parte do alunado das redes estaduais, municipais e particulares de ensino, sempre com o tema voltado para os jogos olímpicos.

Foram os condutores, Raimunda do Correio, Alexon Silva, Joel Gomes, Maria Raimunda, Julival Pereira, Cassio e finalizando e grande campeão Pompilio Céo Neto, todos muito aplaudidos em seus percursos.

Em Itabuna, o revezamento da Tocha Olímpica foi repleto de emoção e alegria.  Desde que o símbolo das Olimpíadas Rio 2016 chegou à Vila Olímpica Professor Everaldo Cardoso, no São Caetano, em todo o percurso de cerca de 5,5 quilômetros atletas condutores e o público pode ver um pouco da diversidade oferecido pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC).

Adriely Valter, primeira grávida a conduzir a Tocha
Adriely Valter, primeira grávida a conduzir a Tocha

O evento contemplou a participação de cinco personalidades locais indicadas pelo prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, diante do destacado trabalho de cada um e do empenho e incentivo à prática de esportes ou mesmo pelos resultados alcançados como desportistas. Nesta lista, entraram a professora Oscarlina Magalhães Silva (Kalila), uma das maiores incentivadoras do esporte e atleta de Vôlei do Grapiúna Tênis Clube; Maruse Dantas Xavier, nadadora premiada nacionalmente; Pedro Sebastião Filho (Pedro das Medalhas), medalhista do Atletismo nacional e participante de maratonas; Paulo Roberto da Silva Rezende (Paulão), ex-atleta de Handebol; e Dinamar Guimarães, chefe da Força Tarefa Local que preparou a cidade para o evento.

O momento da passagem da Tocha Olímpica por Ilhéus foi uma oportunidade de mostrar à população e visitantes o potencial artístico-cultural desta terra. No decorrer dos 5,8 quilômetros do percurso, foram realizadas apresentações de diversos segmentos culturais, como as baianas estilizadas, rodas de capoeira, grupos afro e indígena, e talentos da dança e música locais. Na praia do Cristo, a Tocha foi recepcionada pelo show inédito da Orquestra de Berimbau, atração recém-lançada pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult).

A Orquestra de Berimbaus emocionou o público com a interpretação do hino nacional no momento em que a Tocha Olímpica chegou à praia do Cristo. A banda é formada por músicos de vários grupos de capoeira, apoiados por meio do programa Calendário da Capoeira, da Secult, que, desde 2014, apoia eventos, projetos e iniciativas voltadas a esse esporte.

Outra manifestação bastante aplaudida pelo público foi a do grupo indígena Paranã, formado por jovens da aldeia Tupinambá, que se apresentou no palco principal, na Avenida Soares Lopes, antes da chegada da Tocha Olímpica. Outro grupo oriundo de Olivença que também se apresentou foi o da Festa do Divino, que atraiu o público com suas bandeiras e cânticos.

Grande parte das atividades realizadas integra programas desenvolvidos pela Secretaria de Cultura. Para o secretário Paulo Atto, “tivemos a oportunidade de dar visibilidade às ações que já empreendemos na secretaria, e momentos emocionantes marcaram o evento com as nossas apresentações artísticas e culturais. Na ocasião, o lançamento da Orquestra de Berimbaus foi um dos pontos altos da festa”.

O secretário de Esporte e Turismo, Josenaldo Cerqueira, que chefiou a força-tarefa local do revezamento, destacou o apoio de todos envolvidos para o êxito do evento. “Temos que agradecer o empenho de todas as equipes envolvidas, tanto no governo como na sociedade civil. Houve um trabalho conjunto de todas as secretarias, e outros apoiadores como as forças policiais, voluntários, enfim, todos aqueles que se empenharam para que conseguíssemos realizar um belo evento”, concluiu.

 

Justiça da Bahia intermediará atendimento médico de bebês com microcefalia


O surgimento de diversos casos de bebês com microcefalia doados para adoção levou a 1ª Vara da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA) a intermediar o atendimento médico dessas crianças, junto com a Secretaria de Saúde do estado (Sesab).

De acordo com o juiz Walter Ribeiro, titular da Vara do TJBA, as crianças com microcefalia que serão encaminhadas para adoção em Salvador ainda não estão disponíveis oficialmente, já que continuam em tratamento nas unidades hospitalares em que nasceram e foram deixadas pelos responsáveis.

Como as crianças com microcefalia ainda não entraram na lista oficial de adoção da capital, o número pode aumentar e a dificuldade de encontrar famílias para elas, também.

“Já existe uma resistência em relação às crianças com aids e deficiências físicas e mentais. Com a microcefalia, pode acontecer algo parecido. Diante disso, teremos uma senha que dará acesso ao Serviço de Atenção Básica com a Sesab, que vai fazer agendamentos e buscar os auxílios aos quais a criança tem direito e haverá mais ferramentas que facilitem sua volte à família de origem ou seu encaminhamento a uma nova família”, disse Ribeiro.

microcefalia

“Pensando nessa situação [de crianças deixadas pelos pais], deslocamos equipes técnicas, com psicólogos, fisioterapeutas e assistentes sociais aos locais de acolhimento onde elas estão. Em meio a essas discussões, surgiu a parceria com a Sesab, que será um diálogo com a preocupação de que a criança tenha um atendimento diferenciado e mais rápido”, acrescentou o juiz.

Segundo Ribeiro, somente em Salvador, existem 48 crianças disponíveis para adoção e 320 famílias que pretendem adotar. A conta não fecha porque os adotantes preferem crianças do sexo feminino, brancas, com até 2 anos de idade, mas a realidade de Salvador é de crianças do sexo masculino, entre 5 e 17 anos, e negras. Esse fato alertou a unidade judicial, que buscará a garantia na prioridade do atendimento aos bebês (diagnóstico e tratamento) com microcefalia e mais segurança às famílias que vão cuidar deles, ou aos abrigos que os acolherão enquanto não são adotados.

“A maioria dos responsáveis que deixam os bebês nos hospitais e maternidades, ou até mesmo nas ruas, são pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade, como usuários de drogas, álcool ou sem condições de criar uma criança com microcefalia. Com essas facilidades no atendimento que vamos mediar, pode ser que melhore a forma de adoção dessas crianças ou o retorno delas às famílias biológicas”, afirmou Rodrigues.

De acordo com a Sesab, o estado da Bahia registrou, entre outubro de 2015 e 14 de maio deste ano, 652 casos de microcefalia, dos quais 210 já foram confirmados e 99 descartados. O número leva em conta os novos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde, que determina a microcefalia em bebês do sexo masculino com perímetro cefálico menor ou igual a 31,9 centímetros. No caso dos bebês do sexo feminino, a microcefalia é diagnosticada com perímetro igual ou abaixo de 31,5 centímetros.

Na Bahia, 141 municípios já registraram casos da malformação, dos quais 25 resultatam na morte dos bebês. O maior número de óbitos, seis, foi em Salvador.

A Sesab informou que ainda não dispõe do número de bebês com microcefalia que estão nos hospitais e poderão ser adotados.

Quatro regiões metropolitanas apresentam crescimento do desemprego


A taxa de desemprego subiu em quatro das cindo regiões metropolitanas pesquisadas na Pesquisa Emprego e Desemprego (PED) entre março e abril. O estudo foi divulgado hoje (25) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade).

No Distrito Federal, 18,1% da população economicamente ativa estava sem trabalho em março. Em abril eram 18,6%. Em Fortaleza, o número de desempregados passou de 13,1% em março para 13,6% em abril. Em Salvador, o percentual de pessoas sem emprego era de 21,3% e chegou a 23,4%. Em São Paulo, passou de 15,9% para 16,8%.

Em Porto Alegre, o percentual de desempregados ficou praticamente estável, com ligeira queda de 10,7% em março para 10,5% em abril, totalizando 198 mil pessoas sem emprego. Essa região registrou ainda aumento no nível de ocupação. Com o crescimento de 2,2% entre março e abril, totalizando 1,68 milhão pessoas inseridas no mercado de trabalho.

A alta na foi puxada pelo crescimento de 9,4% no nível de ocupação na construção civil na região metropolitana de Porto Alegre. Também houve elevação de 6,3% no número de postos de trabalho na indústria de transformação. O comércio de reparação de veículos fechou 6,2% das colocações disponíveis.

ctps

Em São Paulo e no Distrito Federal, o nível de ocupação permaneceu praticamente estável, com ligeira variação negativa de 0,1% nas duas regiões. Em Fortaleza, ocorreu crescimento de 0,6% na comparação entre março e abril. Esse aumento no número de postos na capital cearense foi puxado pelo setor de serviços, que elevou o nível de emprego em 3,2% no período, enquanto a construção civil chegou a apresentar queda de 6,5%.

O setor de serviços também teve elevação no nível de ocupação no Distrito Federal (1,3%), em São Paulo (0,5%) e em Porto Alegre (3,2%). Em relação a março, a construção civil teve queda no DF de 3% em abril, em Salvador de 6,6% e em São Paulo de 4,3%.

Nos últimos 12 meses, todas as regiões metropolitanas pesquisadas registraram aumento nas taxas de desemprego. Em abril de 2015, o percentual de desempregados no Distrito Federal era de 14,1%, em Fortaleza de 7,9%, em Porto Alegre de 7,3%, em Salvador de 17,5% e em São Paulo de 12,4%.

Suplementos estão proíbidos de serem fabricados, distribuidos e vendidos


Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada hoje (25) no Diário Oficial da União proíbe a fabricação, distribuição e comercialização dos suplementos vitamínico ou mineral das marcas Cerebral Sucess e Genius X, nas apresentações de cápsulas e à base de vitamina C; e suplementos vitamínico ou mineral da marca Focus-X, cápsula.

De acordo com a Anvisa, foram constatadas irregularidades na rotulagem dos suplementos, segundo a qual os produtos contêm substâncias com finalidade medicamentosa ou terapêutica, ingredientes não declarados e não permitidos para a categoria. Conforme a agência, a propaganda dos produtos, divulgada por meio de sítios eletrônicos, também trazia alegações terapêuticas e medicamentosas que não são permitidas para esse tipo de alimento.

Nos produtos das marcas Cerebral Sucess e Genius X, as alegações irregulares são: aumento do desempenho das funções cognitivas; estímulo da concentração e aumento na oxigenação do cérebro; potencializar a capacidade da memória e de aprendizagem; aumentar o poder de foco e concentração e reduzir a fadiga mental, permitindo mais horas de foco.

focux

Já os suplementos da marca Focus-X trazem alegações como melhora do resgate imediato, humor e o tempo de reação; aumento do fator de crescimento dos nervos receptores no cérebro e combate à perda de fibras e células nervosas causada pelo envelhecimento no cérebro.

“Os suplementos vitamínicos e/ou de minerais são alimentos que servem para contemplar com estes nutrientes a dieta diária de uma pessoa saudável, em casos onde sua ingestão a partir da alimentação, seja insuficiente ou quando a dieta requerer suplementação. Devem conter um mínimo de 25% e, no máximo, até 100% da ingestão diária recomendada de vitaminas e ou minerais, na porção diária indicada pelo fabricante, não podendo substituir os alimentos, nem ser considerados como dieta exclusiva”, informou a Anvisa.

A agência determinou ainda que a empresa promova o recolhimento das unidades existentes no mercado.

Bahia produzirá 1° teste rápido do Zika


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu registro permitindo a Bahiafarma (fábrica de medicamentos do governo do estado) a produzir e comercializar o primeiro diagnóstico rápido do Zika vítus no Brasil. Esse é o primeiro teste diagnóstico feito sem a participação da Fiocruz, segundo a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

Por meio do perfil oficial no Facebook, o governado Rui Costa anunciou o feito. “É com orgulho que anúncio que o teste rápido da #‪‎Zika, desenvolvido em parceria entre a ‪‎Bahiafarma e a empresa sul-coreana Genbody Inc., foi aprovado pela Anvisa e poderá ser utilizado no País inteiro para ajudar a enfrentar essa perigosa doença”, publicou.

A Sesab destaca que a realização do teste rápido não apenas confirma o diagnóstico de possíveis pacientes, mas também colabora para o mapeamento de ocorrências da doença, facilitando ações de combate em locais específicos e auxilia nas pesquisas sobre a doença.

O desenvolvimento do teste rápido para Zika vírus teve início no primeiro semestre de 2015, quando começaram a ser detectados casos suspeitos da doença no sul da Bahia e na região de Feira de Santana, a 109 km de Salvador.

Conforme a Sesab, a autorização será publicada no Diário Oficial da União da próxima segunda-feira, 30. No mesmo dia, Rui Costa e o secretário de saúde, Fábio Vilas Boas, revelam mais detalhes sobre a novidade em coletiva à imprensa.

MEC abrirá nos vagas para Fies


O ministro da Educação, Mendonça Filho, informou que garantirá novas inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) a partir de junho – e não mais para o fim do ano, conforme previsão inicial revelada pelo jornal “O Estado de S. Paulo” nesta segunda-feira, 23.

Mendonça afirma que encontrou o programa sem recursos, mas que conseguiu negociar com o Ministério do Planejamento orçamento para novas candidaturas. “Com a garantia de recursos, a equipe técnica do MEC está trabalhando para, até o final de junho, anunciar o processo das novas inscrições do Fies”, disse o ministério, em nota.

o-PILE-OF-BOOKS-facebook

O jornal apurou que o novo ministro assumiu compromisso de dar continuidade aos programas educativos iniciados ou fortalecidos na Era PT (Fies, ProUni e Pronatec), mas que novas vagas dependeriam exclusivamente de um balanço financeiro que, segundo interlocutores do MEC, não seria otimista para este ano.

Mendonça confirma, por exemplo, que o orçamento do Pronatec já está zerado para 2016. Porém, afirmou que o programa não será interrompido. “O MEC está buscando outra solução junto ao Sistema S, o que vai assegurar as novas vagas do Pronatec”, disse a nota.

Reforma da Previdência: texto definitivo está quase pronto


O anúncio de que o governo Temer espera concluir, até o final do próximo mês, o texto definitivo para a Reforma da Previdência gerou uma corrida esta semana à central de atendimentos (número 135) para solicitação de aposentadorias na Bahia.

A procura é gerada pelo receio de que sejam aprovadas as propostas que possam afetar inclusive quem está com pouco mais de cinco anos para se aposentar.

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), entretanto, adverte: só tem agendamento  no estado para daqui a seis meses.

A maior preocupação dos trabalhadores que estão prestes a se aposentar é de que sejam aprovadas mudanças que atinjam quem já está na ativa, mesmo que haja uma transição entre cinco e dez anos. Ou seja: considerando apenas a idade de 65 anos para o homem se aposentar, e de 60 para mulheres (com mínimo de 15 anos de contribuição), todos que estivessem abaixo ou próximos de completar, respectivamente, 60 e 55 anos, já seriam afetados pelas novas medidas, no caso de cinco anos de transição.

secretaria da previdencia
Secretário da Previdência, Marcelo Abi-Ramia Caetano

Mulheres

A reforma seria ainda mais dura para as mulheres. Uma das propostas é de que seja estabelecida idade mínima de 65 anos, limite já atual para os homens na concessão do benefício por idade. Nas aposentadorias por tempo de contribuição, considerando uma transição de apenas cinco anos, só ficariam de fora das novas regras, portanto, a mulher que já tivesse 25 anos de contribuição e o homem com 30, pois as faixas hoje são ampliadas em mais cinco anos.

Primeiro emprego

Se os trabalhadores que já estão no mercado não forem incluídos nas mudanças, elas passariam a valer apenas para aqueles que tiverem as carteiras de trabalho assinadas pela primeira vez, a partir da entrada em vigor das medidas. “O fato é que as mudanças propostas sempre imputam aos aposentados o custo da Previdência, sendo extremamente prejudiciais aos trabalhadores”, afirmou o advogado Marcos Barroso, especialista em Direito Previdenciário.

Presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas da Bahia (Asaprev/Casa do Aposentado), Barroso lembra que, atualmente, para ter direito à aposentadoria integral é preciso atender ainda outra regra: a da fórmula 85/95 (soma de idade e tempo de contribuição). A relação deve ir aumentando a partir de 2018, até atingir 90/100 em dezembro de 2026.

Segundo a assessoria de comunicação do INSS na Bahia, o aumento nas solicitações de aposentadoria já se tornou comum, a cada vez que o governo acena com uma mudança na Previdência. O objetivo de fugir de regras mais rigorosas, entretanto, nem sempre é alcançado, já que atualmente também é preciso atender aos requisitos mínimos exigidos, que vão além da idade de 65 anos para homem e 60 para mulher.

Procura X Concessões

De acordo com os registros do INSS na Bahia, desde 2014, quando já se falava na necessidade urgente de reforma por conta do rombo de quase R$ 200 bilhões, o órgão vem registrando aumento das solicitações de aposentadoria, sem que os requisitantes atendam às exigências atuais. Desde 2014 até então, foram requeridas, aproximadamente, 355 mil aposentadorias no estado, mas apenas 176 mil foram concedidas.

Itapé: Proam oferece curso de monitoramento e avaliação dos PMEs


O Conselho Municipal de Educação de Itapé (CME), através do seu presidente, o professor Sandro Lyra Santos, participou do Curso de Formação para Avaliadores e Monitoramento da Educação, promovido pelo Proam (Programa de Apoio à Educação Municipal), nos dias 16 e 17 de maio, na cidade de Ihéus (BA).

Proam
Sandro Lyra (à esquerda) sentado

O encontro foi ministrado por técnicos do Proam, com o objetivo de estimular as equipes avaliadoras dos PMEs a iniciarem seus trabalhos de monitoramento e avaliação, o mais rápido possível. “Os planos de educação são norteadores de políticas públicas locais, por isso torná-los documentos dinâmicos se faz necessários”, declara Lyra. O professor também ressalta que educação de qualidade é o que norteia as 20 metas apresentadas no Plano Nacional de Educação.

A Jiló TV já está no ar


A criatividade de nossos jovens realmente não tem limites. Ainda bem! Um grupo formado por estudantes do Colégio Comunitário Alzair Martins Silva (CCAMS) e do Centro Educacional de Itapé decidiu criar um canal no Youtube e batizou-o de “Jiló TV”. Segundo Luan Barreto, um dos idealizadores do veículo, o objetivo é alegrar o dia a dia das pessoas que realmente se importam com a juventude. “Diferente dos jovens que se lançam nas drogas temos a proposta de animar as pessoas ou ao menos fazê-los sorrir um pouco”, explica o aluno do 2º ano do ensino médio do CCAMS.

Também compõem a equipe do Jiló TV, Matheus Neves, do 8º ano fundamental, do Centro.  Do CCAMS, Antônio Fernando e Ricardo Teixeira, ambos do 2º ano do ensino médio e Nicolas Silva, do 3º do ensino médio. “Não temos um roteiro propriamente dito, surgem ideias e, com elas, produzimos nossos vídeos. Tudo sem plágio, pois nosso produto é original”, garante Barreto.

13152878_575268599298037_1123529935_n
Luan (à frente) Antônio (E), Nicolas e Ricardo (D) Foto: divulgação

O pastor Eliudes Miranda é um dos espectadores canal. “Os vídeos são bem divertidos e os atores demonstram muito talento e criatividade. É uma pena que eles não possuem um local específico para realizar as gravações”, lamenta.

As postagens na Jiló TV ocorrem todas as sextas-feiras. “Às vezes, chegamos a preparar dois vídeos por semana”, garante Barreto Ficou curioso? Então, não perca mais tempo. Acesse Jiló TV e divirta-se!