PIS/Pasep começa a ser pago na quinta


A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil começam, na quinta-feira, o pagamento do Abono Salarial calendário 2017/2018 do PIS/Pasep , ano-base 2016. Os pagamentos do benefício do PIS são realizados de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, começando com os que nasceram em julho.

O valor do abono varia de R$ 78 a R$ 937, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou em 2016. Os profissionais da iniciativa privada poderão sacar o dinheiro na Caixa Econômica Federal, o os servidores públicos devem procurar o Banco do Brasil.

O trabalhador que possui Cartão Cidadão e senha cadastrada pode sacar em uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou aos terminais de autoatendimento. Caso não tenha o Cartão Cidadão, o valor pode ser retirado em qualquer agência da Caixa, apresentando o documento de identificação.

pis-pasep

Reabertura do último calendário

Quem tem direito e ainda não sacou o abono salarial referente aos meses trabalhados em 2015 terá uma segunda chance. O benefício é para quem trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias naquele ano. Mais de 1,38 milhão de trabalhadores, o que corresponde a 6,42% do total de pessoas com direito ao recurso, ainda não sacaram o abono em todo o país. O valor ainda disponível chega a R$ 695 milhões. No Estado do Rio, 167.047 trabalhadores, 7% do total, ainda precisam sacar cerca de R$ 87 milhões “esquecidos”.

Uma resolução de 28 de junho do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT) permite que os beneficiários realizem o saque, que seria encerrado em 30 de junho, também no período de 27 de julho a 28 de dezembro deste ano.

Mais de 1,57 milhão de trabalhadores, o que corresponde a 6,49% do total de pessoas com direito ao recurso, ainda não sacaram o abono. O valor ainda disponível chega a R$ 1,97 bilhão.

A consulta sobre quem tem direito pode ser feita no site abonosalarial.mte.gov.br. Na página, basta informar o CPF ou número do PIS/Pasep e a data de nascimento. Os recursos que não são sacados retornam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

tabela pis 2017