Punição para quem estaciona em vaga de deficiente aumentou


Quem tem o costume de estacionar em vagas para deficientes deve ficar atento. A multa para o motorista que utiliza vaga de idoso ou de pessoas com deficiência física vai mais que dobrar.

Pela lei do trânsito, estacionar na vaga sem ser deficiente ou idoso era infração considerada leve, somando três pontos na carteira.  A partir de agora, o desrespeito às vagas de deficiente físico e idosos é considerada infração grave com cinco pontos na carteira de habilitação. E também a multa que era de R$ 53,20 passa para R$ 127,69.

Em dezembro, foram 30 multas dessas por dia. Já pelas ruas de São Paulo, de janeiro a novembro do ano passado, a Companhia de Engenharia de Tráfego registrou 18 mil infrações por desrespeito às vagas destinadas aos idosos e mais de 6 mil autuações por estacionamento irregular em vagas para deficientes.

As novas regras passam a valer na próxima quinta-feira (7). As punições também vão atingir quem estacionar nas vagas especiais dentro de shoppings e supermercados. A fiscalização varia de estado para estado.

E segundo o Detran, motoristas que transportam crianças de colo, como a mulher que estacionou em uma vaga de deficientes em Palmas, mostrada na reportagem, não têm vaga especial.