Voce é sincero mesmo ou apenas grosseiro?


Estava no Facebook conferindo e curtindo as postagens de meus amigos, quando me deparei com um post que dizia o seguinte: “Sinceridade é uma arma perigosa. Se você usa demais, as pessoas se afastam. Se utiliza pouco, os falsos se aproximam.” A mensagem ficou um tempo em minha mente, me obrigando a refletir sobre o que seria de verdade a sinceridade, e da sua real importância em nossas vidas.

Garanto que você já ouviu algumas pessoas fazendo a seguinte afirmação: “Sou franco e falo tudo na cara.” Bem, quem sou eu para criticar as pessoas que costumam dizer a verdade sem temer as consequências? Entretanto, devemos tomar muito cuidado, pois ser sincero é necessário, mas saber como falar é demonstração de amadurecimento emocional e intelectual.

sincero

Está comprovado, que as palavras possuem uma força muito grande. Elas podem levar um indivíduo ao céu ou jogá-lo no chão, dependendo da forma que são disparadas. Mas, voltando a minha pergunta inicial: “Voce é sincero mesmo ou apenas grosseiro”? Por que na maioria das vezes quem afirma, com orgulho, ser sincero, o faz nos momentos mais inoportunos possíveis? Atitudes assim acabam levando os demais a ter a certeza de que o tal sincero é na verdade deselegante, agressivo, arrogante e descontrolado, entre outros “predicados” nada edificantes.

Alguém pode até questionar: “Então devo ser falso para agradar?”. Claro que não! Seja apenas cortez e diplomático. Você conseguirá dizer a verdade e ser franco, sem fazer uso de doses desnecessárias de agressividade ao falar.  É óbvio que em algumas situações será necessário pegar pesado e dizer o que se pensa sem rodeios. Porém, isso não acontecerá muito. Espero !

Marcelo Carvalho é jornalista profissional especializado em Marketing Empresarial e Comunicação Corporativa.