Itapé: decreto proíbe fogueiras durante eventos e comemorações de festejos juninos


Marcelo Carvalho

Com muita alegria, porém sem fogueira durante os festejos de junho! Assim determina o prefeito do Município de Itapé, Naeliton Rosa Pinto. A informação consta no Decreto Municipal Nº 140, De 17 DE Junho de 2021.

O gestor municipal atendeu a Decretação de Emergência em Saúde Pública pelo Governo do Estado da Bahia, através do Decreto nº 19.586 de 27 de março de 2020, que prescreve medidas restritivas para o enfrentamento da disseminação do COVID19. “É dever do Poder Público Municipal zelar pela garantia do bem-estar e conservação da saúde pública dos seus munícipes devendo, quando necessário adotar medidas, ainda que restritivas, que buscam minimizar os riscos à saúde”, declarou Rosa Pinto.

Naeliton Rosa Pinto em seu gabinete. Foto: Marcelo Carvalho

Vale lembrar, que também está proibida a comercialização, bem como, o uso de fogos de artifício dentro dos limites do município!

A classe médica apoia esse tipo de iniciativa. “A fumaça de fogueira e o cheiro da combustão dos fogos de artifício causam irritação nas vias aéreas, podendo desencadear mecanismos biológicos que facilitam a entrada da Covid-19 no organismo ou agravar o quadro de pacientes que já estejam infectados”, explica a médica clínica da S.O.S. Vida Patrícia Bagano.

Luciano Huck anuncia que vai substituir Faustão aos domingos; saiba mais


As especulações sobre quem seria o novo nome para assumir o cargo já podem ser encerradas

Thais Paim

Durante participação no programa “Conversa com Bial”, Luciano Huck afirmou que vai assumir o comando de um programa aos domingos na Globo depois que Fausto Silva deixar a emissora em 2022.

Huck demonstrou muita afeição ao apresentador e afirmou: “Tenho enorme respeito pelo Faustão. Ele sempre foi muito generoso. Será um privilégio enorme ocupar o horário dele”.

Mudança

Em janeiro deste ano, Fausto Silva anunciou que deixará o “Domingão do Faustão” e a TV Globo no fim de 2021. Em nota, a emissora afirmou que Fausto decidiu “encerrar sua jornada à frente de programas semanais” neste último ano de seu contrato. Foram 32 anos comandando o programa.

Por sua vez, Huck, escolhido para o programa aos domingos, é o apresentador do “Caldeirão do Huck”, que vai ao ar aos sábados na Globo, desde 2000. Ele tinha sido contratado pela empresa em 1999, depois de iniciar sua carreira na Band, onde ficou conhecido pelo programa “H”.

Segundo o apresentador, a fórmula para o novo programa ainda é estudada e não existe um novo para a nova atração que acontecerá aos domingos.

“É página em branco. Vamos trabalhar. Mas vamos respeitar o hábito do telespectador”, explica ele.

Huck político?

Huck também já participou de rumores sobre uma possível vida política e durante a entrevista não fugiu de responder perguntas sobre o assunto.

“Iria ele seguir como um dos comunicadores mais importantes, talentosos, e admirados do país e de quebra ocupar as tardes de domingo na Globo? Ou mesmo sem trajetória na política partidária, iria se lançar como candidato à presidente?”, questionou o apresentador.

Após a introdução de Bial sobre o convidado da noite, Huck negou que será ou seria candidato a qualquer cargo na política.

“Vou ser muito franco: nunca me lancei candidato a nada, por isso não estou retirando candidatura”, afirmou. “Não consigo enxergar esse cargo [de candidato] como oportunidade. Não seria responsável da minha parte”. E emendou: “minha melhor contribuição é como cidadão, e não como candidato”.

Por sua vez, o comunicador fez questão de ressaltar sua participação no debate político e afirmou gostar de debater ideias.

“O futuro a Deus pertence. Não tenho desejo incontrolável pelo poder, mas tenho desejo incontrolável para ajudar. Gosto do debate”, concluiu ele.

Turismo LGBTQIA+: conheça os 5 melhores destinos que acolhem a diversidade


Apesar do preconceito existente na sociedade, diversos lugares investem e incentivam um turismo de inclusão e diversidade

Thais Paim

No mês de junho é celebrado Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, mas você sabe o que significa essa sigla? O termo agrega Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Queers, Intersexuais, Assexuados e as demais classificações de orientação sexual e identidade de gênero.

Com tanto preconceito e discriminação, o turismo voltado para esse público vem sendo fomentado nas últimas décadas como consequência dos avanços dos direitos LGBT ao redor do mundo e tem como objetivo proporcionar experiências inclusivas.

O Turismo LGBTQIA+

O viajante LGBTQIA+ busca destinos em que vá se sentir acolhido, respeitado e, principalmente, seguro. Mesmo que para muitos pareça algo óbvio, ainda existem lugares que não garantem esses princípios básicos para todo mundo.

Mas quais lugares são esses que possuem destinos e serviços que abraçam o público LGBTQIA+ sem preconceitos? Onde ficam e quais experiências eles oferecem? Confira agora uma lista com os cinco melhores destinos no Brasil e no exterior.

A maior cidade da América Latina possui a maios Parada LGBTQIA+ Foto: divulgação

1 – São Paulo (SP): a capital da maior Parada LGBT do mundo

Além de ter uma vida noturna agitada e mundialmente conhecida, a capital paulista também é famosa por ser um dos melhores destinos LGBT friendly. São muitos os bares e boates LGBT+, além de farta hospitalidade com muito respeito e cortesia. É válido lembrar também que São Paulo tem a maior Parada do Orgulho LGBT do mundo.

Museu da Diversidade Sexual

Diversas são as atrações em São Paulo, mas uma que merece destaque é o Museu da Diversidade Sexual (MDS), no Largo do Arouche, coração LGBT da cidade.

Criado em 2012, o MDS fica próximo à estação de metrô República e é o primeiro equipamento cultural da América Latina relacionado à temática LGBT.

2 – Belo Horizonte (MG) desponta no turismo LGBT

Em 2014, juntamente com Rio de Janeiro e Brasília, Belo Horizonte lançou na Espanha o projeto “¡Trae Tus Colores!” (traga suas cores!) para promover as cidades brasileiras. Além disso, a Associação de Turismo LGBT e a Câmara de Comércio LGBT, também foram criadas especialmente para pensar o cenário LGBT na cidade.

Se você se interessou por essas características, o bairro Savassi é uma ótima opção de hospedagem. Além de super bem localizado, o lugar é repleto de hotéis, academias, baladas e muitos bares com ótima acolhida.

3 – Salvador (BA): diversidade, carnaval e calor

Salvador é conhecida internacionalmente por sua diversidade e acolhimento e não seria diferente na hora de oferecer excelentes condições para o turismo LGBTQIA+. A capital da Bahia conta com praias, bairros que concentram a cena LGBTQIA+ local e outros pontos turísticos imperdíveis. O Centro e os bairros de Rio Vermelho, por exemplo, são paradas obrigatórias com muita diversão e uma vida noturna agitada.

Não podemos deixar de citar que a cidade é destaque no mês de fevereiro, por sediar uma das mais tradicionais e calorosas festas do país. O Carnaval em Salvador recebe turistas de vários países e é uma atração à parte para o público LGBT.

4 – São Francisco (Estados Unidos)

Se você deseja viajar para fora e busca um lugar acolhedor, São Francisco pode ser o lugar certo. Bastante popular entre o público LGBT, é considerada por muitos como a capital LGBT do mundo. É possível encontrar bandeiras arco-íris por todos os lados! O bairro Castro talvez seja o local mais LGBT friendly de todos, com comércios e bares voltados para o público.

O bairro é tão atrativo que sedia o GLBT History Museum, um incrível museu localizado na 18th Street e que reúne mais de 100 anos da trajetória LGBT em São Francisco.

5 – Sydney (Austrália)

Além de toda a sua beleza, marcada por lindas praias e muito sol, a cidade australiana é conhecida por ser um local bastante LGBT friendly. Isso porque Sydney é um lugar muito acolhedor, com visitantes do mundo todo.

A cidade sedia, anualmente, um dos maiores eventos turísticos do país: o Mardi Gras LGBT Sydney, com desfiles e diversas atrações, o evento recebe pessoas de vários países.

Baiana se reinventa após queda da demanda para costura de roupas juninas; conheça essa história


Analice da Paixão precisou mudar de foco para não sofrer grandes perdas em sua renda

Thais Paim

A empreendedora Analice da Paixão, de 46 anos, relembra como o trabalho de costureira foi movimentado no último São João, em 2019. Da sua casa, na zona rural de Serrinha, a 190 quilômetros de Salvador, ela costumava produzir roupas juninas para quadrilhas e quem mais batesse à sua porta.

Com o cenário de pandemia, tudo está diferente. Analice relembra a grande demanda que sempre teve em busca do seu trabalho e conta como foi o início da sua trajetória. “Em 2005 comecei a ser requisitada para coisas de São João. Fizemos uma festa de São João aqui em Mandacaru [zona rural de Serrinha], e um foi falando para o outro, foi o boca a boca, até que um monte de gente foi me conhecendo”, lembra ela.

Mudança e adaptação

Costureira há mais de 10 anos, a paixão aprendida com a mãe deu espaço a outra coisa que ela também herdou: o amor pela plantação. Após sofrer com a redução dos trabalhos de costura, foi esse amor que fez com que Analice não encontrasse problemas financeiros para sobreviver.

Se reinventar para encontrar uma nova fonte de renda trouxe bons frutos para a empreendedora, que afirma: “Graças a Deus não sofremos impacto nesse sentido [econômico]”.

Há dois anos ela decidiu focar na plantação de frutas, verduras e legumes, por meio de uma horta em casa, que cuida junto com o marido. “A agricultura familiar traz vida para o agricultor. A gente que vive na zona rural não tem oportunidade. É uma força e tanto para nós que vivemos da roça”, destaca.

Histórias de mulheres empreendedoras

Com 35 anos de fundada, a Associação Comunitária Agropastoril de Curral Novo e Jacaré, em Juazeiro, no norte da Bahia, nunca havia passado por uma crise como a causada pela pandemia da Covid-19. Para não reviver o cenário do ano passado, a solução encontrada foi a venda dos produtos pela internet.

“Vendemos somente para a Bahia, e no São João tinha muita saída. Mas com a crise, essas vendas pararam e a gente foi para a internet. Foi o que salvou a gente. Temos vendido bastante, até para Salvador, e acredito que nosso faturamento já é 50% maior do que no ano passado”, conta Marineide Arcanjo, que faz parte da associação.

Ainda segundo Marineide, os produtos que mais têm saída são o doce de umbu e o licor tamarindo.

Quem também gera renda com uma iguaria muito apreciada no período de festejos juninos é a Associação das Mulheres Empreendedoras de Buerarema (Ameb). As integrantes produzem balinhas de genipapo no município de Buerarema, no sul da Bahia.

Mesmo sem São João existe a expectativa de maior procura das balinhas para este ano. Elas também produzem licores variados e esperam aumento de vendas neste período junino.

“A nossa demanda, há dois anos, é direcionada para a loja da Cesols, mas a gente quer expandir e ter essa demanda no período junino, caso seja possível”, explica Maria das Graças Silva Santos, presidente da Ameb.

Além desse doce, as mulheres da Ameb produzem geleia de mel de cacau, farinha de Buerarema, balas de cupuaçu, mel de cacau, torrão de cacau no pilão, nibs de cacau e barrinhas de chocolate com semente do cupuaçu, entre outros produtos orgânicos.

Programa Live Tour Salvador é iniciado e promete promover o turismo na capital


Primeiro episódio foi ao ar nesse domingo (13)

Thais Paim

Que Salvador é repleta de belezas naturais, riqueza cultural e história, muitos já sabem. Tendo como objetivo divulgar ainda mais as belezas da capital baiana, foi assim que o programa Live Tour Salvador surgiu e contou com sua primeira apresentação ontem (13).

A transmissão do projeto foi feita pelo jornalista José Raimundo e exibida ao vivo na manhã a partir da Praça Municipal. O vídeo, com duração média de 30 minutos, está disponível para acesso no canal Visit Salvador da Bahia no YouTube, Facebook e Instagram.

Programação

O jornalista José Raimundo falou um pouco sobre a iniciativa desenvolvida pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), em parceria com a Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav). Além disso, o bate-papo contou com a participação de Louti Bahia, urbanista e publicitário responsável pelo perfil das redes sociais Amo a História de Salvador.

Bahia comentou sobre diversas curiosidades da capital, incluindo um pouco da história da sede do governo-geral do país, situada na Praça Municipal, a construção das muralhas da cidade e suas ruínas ainda presentes, o surgimento do Forte São Marcelo e um pouco da história da alfândega e do porto da cidade, que até o século 19 foi o maior porto da América do Sul.

Como a intenção é aproximar as pessoas do valor histórico e riquezas da região, o público também teve a oportunidade de interagir ao vivo com perguntas direcionadas aos participantes.

O jornalista comentou sobre a sensação de participar do projeto e reconheceu o valor que ele representa para capital. “Eu me sinto muito honrado em apresentar essas lives. Eu, que sempre passei a vida inteira fazendo reportagens pelo Brasil, agora estou tendo a oportunidade de aprender, interagir e perceber a reação das pessoas de uma forma descontraída. Eu não tenho dúvidas de que esse é um projeto que vai revolucionar e vai ser copiado por muitas outras cidades”, concluiu ele.

Importância do turismo

O urbanista Louti Bahia ressaltou alguns dos motivos pelos quais o turista interno não deve deixar de vivenciar a cidade. “Quem vem a Salvador conhece o começo da história. É claro que temos Porto Seguro, mas o Brasil começa a se desenhar do ponto de vista político e urbano a partir de 1549, com o governo geral. Foi a partir desse momento que o Brasil realmente ganhou a cara de Brasil e quando a história embalou de fato. Então, Salvador é um ponto essencial para compreender todo o processo da história do país”, relatou.

Conteúdo e diversidade

Os programas vão contar sempre com um guia turístico, cadastrado no Ministério do Turismo (MTur), um historiador e um apresentador mostrando atrações e opções de roteiros sugeridos por agências de receptivo filiadas à Abav e contam com a curadoria da Secult.

Inicialmente, estão previstas a realização de 11 lives com o pouco da história, curiosidades de alguns dos lugares mais marcantes da cidade, roteiros e atrações turísticas. É importante lembrar que as apresentações ocorrerão sempre às 16h das terças e sextas-feiras e a próxima será realizada dia 15, tendo como cenário o bairro de Itapuã.

Além disso, o público que acompanhar a programação vai poder vivenciar as experiências da capital soteropolitana durante uma hora, com passeios e atrações turísticas da cidade, contemplando os segmentos de sol e praia, história e cultura, gastronomia e esportes náuticos.

Se você assistir algum dos episódios e quiser ter mais informações sobre as experiências e roteiros turísticos apresentados, pode entrar em contato com a agência de receptivo para adquirir sua viagem para a cidade. É só acessar salvadordabahia.com.

Tem um negócio inovador? Copa do Mundo de Empreendedorismo pode ser uma ótima oportunidade


Inscrições estão abertas até 27 de junho

Thais Paim

Se você está buscando uma chance para realizar o sonho do seu empreendimento, essa pode ser sua grande chance. O motivo? Copa do Mundo de Empreendedorismo (Entrepreneurship World Cup, em inglês) está com inscrições abertas e tem o objetivo de identificar e apoiar negócios inovadores.

A terceira edição do torneio busca avaliar diferentes áreas de atuação e estágio de desenvolvimento – e vai distribuir até US$ 1,75 milhão em prêmios, entre dinheiro, oportunidades de investimento e outras vantagens.

Sobretudo, aqui no Brasil, será a primeira vez dessa competição e ela contará com a organização da Rede+, grupo com foco em inovação corporativa e aceleração de startups, baseada em Salvador.

Segundo o CEO, Rodrigo Paolilo, a Rede+ tem “o propósito de ajudar o mundo através do empreendedorismo inovador, contribuindo tanto com organizações mais maduras no processo de reinvenção, e também startups, formando, investindo e mentorando”.

Paolilo explicou sobre os critérios de participação e ressaltou que a participação é ampla e pretende abranger projetos que possuem estágios diferentes.

Processo de inscrição

“Qualquer negócio inovador, de diferentes estágios, pode participar. Desde quem está na fase saindo da ideia para a operação. Para quem já está operando, ou crescendo bem. Os prêmios e a competição são divididos por esses estágios. E a gente avalia esse potencial para fazer a seletiva nacional primeiro, em julho. E aí, em outubro, a gente vai levar as melhores do Brasil para competir no cenário global, em um evento que vai acontecer na Arábia Saudita, em novembro”, afirmou o CEO.

A princípio, estimasse que sejam feitas até 300 inscrições. Entre 10 e 12 participantes vão à seletiva nacional, e três devem ir à etapa final, ele detalha. “Vamos avaliar produto, solução, a capacidade de inovação, crescimento, time, potencial de impacto e previsibilidade de receita, de ganhos. É diferenciação e capacidade de se colocar à prova em um mercado global”, diz.

História de sucesso

Antes de mais nada, se você busca um modelo para se inspirar, pode conhecer um pouco da história do empreendedor na área de impacto social José Rubinger. Ele foi um dos vencedores da etapa final da edição 2020 da Copa do Mundo de Empreendedorismo.

Fundador da mineira Tix Tecnologia Assistida, a empresa desenvolve ferramentas de comunicação alternativa e estímulo cognitivo para pessoas com deficiência.

Criada em 2009, desde 2018 a startup está internacionalizada e atua hoje nos Estados Unidos, Chile, Emirados Árabes e faz plano de entrar no Canadá.  Rubinger, 50, conta que a empresa está na fase de “crescimento”.

“Não nascemos startup, mas com o intuito de ajudar cegos a pegarem ônibus. Só entre 2012 e 2013, após ganharmos prêmio em inovação do Financiadora de Estudos e Projetos, vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia (Finep), foi que abriu-se uma perspectiva”, disse, de Abu Dhabi.

Geração de riqueza e oportunidade

Para o coordenador de Negócios Inovadores do Sebrae Bahia, Tauan Reis, desafios de aceleração, maratonas e outras ações na área possuem um papel importante.

Segundo ele, o objetivo é “fomentar a cultura da inovação”. Além disso, inovar seria “usar a criatividade para gerar riqueza, que traduzida gera resultado. Por meio de produto, serviço, processo”.

Foi a conquista de uma bolsa de iniciação científica em 2018 que levou o engenheiro da computação em formação o baiano William Rocha, 30, a apostar na ideia de drones e câmeras com reconhecimento facial, até chegar a uma inteligência artificial.

Com o sistema, empresas de qualquer segmento podem realizar o controle de produção, rastreio de transporte, descarte de resíduos e logística reversa, com dados em tempo real.

Terminou Sweet Tooth? Veja se série terá 2ª temporada


Carregando um sucesso surpreendente, série da Netflix já provoca dúvidas sobre continuação

Se você tem acompanhado as redes sociais recentemente, provavelmente percebeu que a série Sweet Tooth acabou viralizando e caiu nas graças do público pela sua temática e também fofura dos personagens. Após algumas mudanças e revelação de alguns detalhes do seu desenvolvimento, a produção foi lançada recentemente pela Netflix.

Será que Sweet Tooth terá mesmo 2ª temporada?

Antes de mais nada, é sempre bom lembrar que a maioria dos projetos lançados pela Netflix nos últimos meses não têm status de renovação oficialmente anunciado. Sendo assim, ainda não sabemos se uma 2ª temporada realmente acontecerá.

Se você, assim como muitos, também está ansioso para ter mais informações sobre o futuro dos personagens, temos alguns pontos a serem considerados e que podem satisfazer um pouco a sede de novidades sobre o futuro da produção.

O primeiro deles é que a série vem sendo avaliada como um grande fenômeno da plataforma, chegando a ser comparada como um novo estilo de Stranger Things. Sendo assim, isso é um bom motivo para ter uma continuação.

Além disso, Sweet Tooth atualmente aparece também como um dos destaques da plataforma em diversos países. Ou seja, algo que certamente pode vir a influenciar na definição de um status para definir o futuro da série, já que como citado em muitos artigos isso também acaba sendo extremamente importante para uma renovação.

E as datas de estreia?

Levando em conta o atual cenário relacionado a pandemia de coronavírus (Covid-19), é improvável que uma eventual 2ª temporada de Sweet Tooth acabe contando com algum atraso na sua produção e isso pode deixar os fãs mais felizes.  

Então, é bem provável que uma nova leva de episódios da série baseada nas HQs da DC Comics/Vertigo seguirá um formato de calendário já conhecido dos assinantes da Netflix. A aposta vai para que a 2ª temporada de Sweet Tooth seja lançada no final do primeiro semestre de 2022, ou então em algum momento dos meses seguintes.

Mas, é importante saber que em um cenário menos otimista, talvez isso só acabe acontecendo em 2023.

E o elenco? Como fica?

Assim como aconteceu na primeira temporada, o ator Christian Convery certamente retornará para o elenco de Sweet Tooth como o intérprete de Gus em uma eventual segunda temporada da série na Netflix. Algo que, como é esperado, também deve acontecer com Josh Brolin como o seu narrador.

Confira outros nomes que certamente também estarão no elenco de uma eventual nova temporada da produçã: Nonso Anozie como Jepperd, Stefania LaVie Owen como Bear, Adeel Akhtar como Aditya Singh, Dania Ramirez como Aimee, Aliza Vellani como Rani, e Neil Sandilands como o General Steven Abbot.

Ilhéus abre cadastro para vacinação dos profissionais de imprensa


Marcelo Carvalho

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) abriu cadastro para os profissionais de imprensa com idade acima de 40 anos na vacinação contra a Covid-19 em Ilhéus. Segundo a Sesau, os interessados deverão enviar planilha para o e-mail: [email protected], constando as seguintes informações:

– Nome da empresa;

– Quantidade de colaboradores; 

– Nome completo e função de cada colaborador;

–  CPF e cartão do SUS;

– Telefone para contato

Os dados são fundamentais para planejar e organizar a aplicação da vacina, conforme novas doses forem repassadas ao município. É necessário comprovar o vínculo empregatício. O envio da planilha não garante a imunização imediata, mas agiliza o serviço, à medida que as doses estiverem disponíveis.

O grupo foi inserido na prioridade da vacinação, de acordo com a decisão da Comissão Intergestores Bipartite da Bahia (CIB-BA).

Ilhéus: Prefeitura e Câmara vistoriam obras do Hospital Materno-Infantil de Ilhéus


Marcelo Carvalho

Hoje, (26), o vice-prefeito do Município de Ilhéus, Adalberto Souza Galvão (Bebeto), acompanhado da primeira-dama Soane Galvão visitaram, acompanhados de um grupo de vereadores, a fase final das obras do Hospital Materno-Infantil Dr Joaquim Sampaio, erguido no prédio do antigo Hospital Regional Luiz Viana Filho, na Conquista. A comitiva municipal percorreu as principais alas da unidade de alta complexidade, que será entregue ainda no primeiro semestre de 2021.

A obra está entre os principais investimentos realizados pelo Governo da Bahia na área da saúde. De acordo com o vice-prefeito, a articulação com o governador Rui Costa enfatiza a importância econômica e social de Ilhéus. Ele frisou que por meio do alinhamento entre os poderes Executivo e Legislativo é possível dar sequência ao processo de reconstrução do município.

A vistoria foi realizada com a presença dos vereadores Fabrício Nascimento; Alzimário Belmonte (Gurita); Aldemir Almeida; Ivo Evangelista; Luciano Luna; Éder Junior; Nerival Reis; Kaique Souza; César Porto e Edvaldo Gomes. Os representantes do Legislativo Municipal enfatizaram que o compromisso é firmado com a população de Ilhéus e do Sul da Bahia.

O hospital materno-infantil possui um moderno centro cirúrgico e obstétrico, abrigando 105 leitos de internação, integrados à Rede Cegonha e atenção às urgências e emergências, distribuídos em leitos de terapia intensiva e semi-intensiva neonatal e leitos para parto normal e cesárea com funcionamento 24 horas e acesso por demanda espontânea e referenciada.

Também estiveram presentes na visita a médica pediatra Zilda Alves dos Santos; o secretário municipal de Saúde, Geraldo Magela; o médico cardiologista e coordenador do Comitê Operacional de Emergência (COE), André Cezário; o presidente da Maramata, Davidson Sousa Santos; e o advogado Marcos Flávio Rehem.

Itabuna: SMS divulga novo cronograma da vacinação


Marcelo Carvalho

A Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da Prefeitura de Itabuna divulgou o calendário de vacinação contra a Covid-19 e contra o vírus Influenza (gripe) correspondente à semana de 24 a 28 desse mês. Nesta fase, estarão incluídos os rodoviários, além dos profissionais de Educação das redes pública e privada e da saúde.

Nesta semana, das 8 às 11 horas, prossegue a vacinação contra o vírus Influenza para idosos acima de 60 anos, criança de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas. Além de professores, profissionais de saúde da rede pública ou particular, sendo necessária a apresentação da Carteira Profissional ou crachá. A vacinação acontece nas Unidades Básicas de Saúde.

A vacinação das primeiras e segundas doses contra a Covid-19 vai acontecer no período vespertino, entre às 13 e 16 horas, nas Unidades Básicas e de Saúde da Família.

Amanhã, quinta-feira, dia 27, a vacinação contra a covid é destinada às pessoas com idade a partir de 58 anos nascidas entre janeiro a abril. Atendendo também, quem tem idade a partir de 30 anos com comorbidades.

Já na sexta-feira, dia 28, a vacinação se destina às pessoas com idade a partir de 58 anos nascidas entre, maio a agosto. Além das pessoas a partir de 30 anos com comorbidades, que devem apresentar laudo médico, contendo a CID.

Em todos as datas é necessária apresentação da Carteira de Identidade (RG); CPF ou Cartão do SUS e comprovante de residência. Para pessoas com comorbidades é sempre necessário relatório médico atualizado (seis meses) com CID.

Profissionais da Saúde

Na sexta-feira, dia 28, a vacinação no CEEP será para trabalhadores da Educação da Rede Estadual e UFSB, de 30 a 44 anos, entre 8h30min e 14 horas.

Aos profissionais de Educação de todas as redes e da UFSB será exigida a apresentação dos documentos necessários: Carteira de Identidade (RG); CPF ou Cartão do SUS e Contracheque impresso.

Rodoviários

Enquanto que na quinta-feira, dia 27, a vacinação contra Covid-19, acontece no SEST/SENAT, no Bairro Lomanto, é destinada aos trabalhadores dos transportes rodoviários municipal e intermunicipal. É necessária a apresentação da Carteira de Identidade, CPF ou Cartão do SUS, Contracheque impresso ou fotocópia da Carteira de Trabalho (parte do contrato e da identificação civil).