Ex-goleiro Bruno pode ser libertado


bruno_fernandes
Foto: divulgação

O pedido de anulação da certidão de óbito de Eliza Samúdio pode resultar no habeas corpus e cancelamento do julgamento do ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes.

Desembargadores aceitaram o pedido dos advogados de Bruno, mas ainda não há data para o novo julgamento, de acordo com matéria do Portal Terra.

Se não há óbito, não há crimes e nem acusados. Bruno e os demais suspeitos seriam soltos.

Em 2013 a juíza Marixa Rodrigues já havia negado o pedido de cancelamento da certidão de óbito de Eliza.