Pesquisa revela que mulheres sofrem mais para manter negócios no empreendedorismo brasileiro


Levantamento foi realizado pelo Sebrae

Thais Paim

Apesar do empreendedorismo brasileiro ser majoritariamente feminino, viver do próprio negócio acaba sendo bem mais difícil para as mulheres. Foi isso que a 11ª edição da pesquisa de Impacto da Pandemia do Coronavírus nas Micro e Pequenas Empresas, do Sebrae em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), revelou. 

O estudo apontou que apenas 28% das donas de pequenos negócios conseguiram pagar os gastos do dia a dia com recursos provenientes da própria empresa nos últimos 12 meses. Além disso, 80% delas experimentaram queda de faturamento em 2020. 

No cenário masculino, os resultados são um pouco diferentes.  Os empreendedores homens registram os percentuais de 37% e 78%, respectivamente. E mais: as empresas comandadas por homens são o principal rendimento da família em 81% dos casos, enquanto, entre as mulheres, a proporção é de 68%. 

O presidente do Sebrae, Carlos Melles, diz que a diferença pode ser explicada pelo fato de grande parte das empreendedoras ter de dividir seu tempo entre trabalho, família e casa. “Sobra menos tempo para a gestão do negócio. Houve um crescimento muito grande de mulheres no empreendedorismo por necessidade: ou seja, elas não tiveram muito tempo para se capacitar e planejar. Isso tudo afeta o faturamento da empresa.”

Essas dificuldades fazem com que as mulheres acabem ficando mais aflitas que os homens. A pesquisa revela que 58% das empreendedoras ainda têm dificuldade para manter o negócio, contra 55% entre os homens. Apesar disso, elas são mais otimistas: eles esperam melhora só daqui a 18 meses, mas elas acreditam que a situação vai voltar à normalidade em 17 meses.

Mesmo com as dificuldades, as mulheres não deixam de inovar e de aderir ao comércio eletrônico. Os negócios femininos são mais digitalizados (72%) e 30% deles tem mais da metade do faturamento oriundo das plataformas online. No universo masculino, 64% usam os meios eletrônicos e mais da metade do faturamento vem da internet para 25% deles.

Fonte: CanalTech

Portaria determina que beneficiário do INSS que recebeu Auxílio Emergencial indevidamente terá valor descontado


Informação foi anunciada nesta quarta-feira (14)

Thais Paim

A portaria publicada nesta quarta-feira (14) determina que aposentados, pensionistas e beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que receberam indevidamente o Auxílio Emergencial terão que devolver os valores ao governo por meio de descontos feitos diretamente no pagamento do benefício previdenciário ou assistencial. 

As regras estabelecidas definem que o desconto será de, no máximo, 30% do benefício pago mensalmente pelo INSS. 

“Os débitos serão apurados por competência de recebimento acumulado, corrigidos monetariamente pelo mesmo índice utilizado para os reajustamentos dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social – RGPS e lançados na forma de consignação automática”, diz o texto.

 “Desconto Acumulação Auxílio Emergencial”, assim será registrado o débito no extrato de pagamento.

A portaria, assinada pelo INSS e pelo Ministério da Cidadania informa ainda que os cidadãos poderão recorrer quanto aos descontos automáticos, no prazo de 30 dias corridos a contar do primeiro pagamento com desconto.

Segundo as regras do Auxílio Emergencial, pessoas que têm emprego com carteira assinada ou que recebem algum benefício do governo (exceto o Bolsa Família e o abono salarial) não têm direito ao benefício. 

No ano passado, o governo federal lançou um site para facilitar a devolução do Auxílio Emergencial: devolucaoauxilioemergencial.cidadania.gov.br.

No começo do ano, 119.688 aposentados ou beneficiários do INSS foram notificados pelo governo para devolver parcelas do Auxílio Emergencial recebidas indevidamente.

Fonte: G1  

6ª edição do Prêmio Kindle Literatura está com inscrições abertas


Prêmio para vencedor é de R$ 50 mil

Thais Paim

Para quem é escritor e busca uma oportunidade de reconhecimento na profissão, essa é uma excelente oportunidade. A Amazon e o Grupo Editora Record anunciaram a 6ª edição do Prêmio Kindle de Literatura. 

O vencedor dessa edição receberá um prêmio de R$ 50 mil. Sendo R$ 40 mil e um adiantamento de direitos autorais de R$ 10 mil pelo contrato de publicação da versão impressa do livro pelo Grupo Editorial Record em qualquer de seus selos editoriais.

Assim como já aconteceu nas edições anteriores, os títulos participantes serão avaliados por especialistas editoriais, selecionados pela própria Amazon em parceria com o Grupo Editorial Record. A iniciativa tem o objetivo de reconhecer autores brasileiros independentes e suas obras literárias.

Serão escolhidos cinco finalistas a serem avaliados por um júri especial. Os selecionados vão receber um selo de “livro finalista” para inserir na capa da versão original não editada do eBook. Além disso, uma versão em audiolivro da obra também será disponibilizada no Audible.

Os autores que desejem participar da 6ª edição do Prêmio Kindle de Literatura devem publicar suas obras inéditas pelo KDP entre os dias 15 de julho e 15 de setembro de 2021. É necessário incluir #PrêmioKindle no campo de metadados de palavras-chave durante o processo de autopublicação e cadastrá-lo na categoria Ficção.

Mais informações sobre o prêmio estão disponíveis no site oficial.

O anúncio dos finalistas será feito até dezembro deste ano e a previsão é de que o reconhecimento do vencedor seja feito no início de 2022.

Fonte: Jovem Nerd 

Marvel anuncia que Loki será renovada para a 2ª temporada


Produção tem provocado grande movimentação entre os fãs 

Thais Paim

O Marvel Studios anunciou que ‘Loki‘ terá um segundo ano no Disney+ , para a alegria dos fãs. A renovação da série foi divulgada durante os créditos finais do último episódio, nesta quarta-feira (14). 

Para dar a notícia aos fãs, o arquivo do caso do antagonista é marcado com o selo que diz: “Loki retornará na 2ª temporada”. Apesar de ainda não haver datas definidas, a renovação representa o bom desempenho da produção entre os espectadores. 

De acordo com o Deadline, mais informações devem ser divulgadas em breve. Em entrevista ao site, inclusive, Tom Hiddleston havia dado a entender que os seis episódios da produção não seriam “o fim do caminho”. “Aprendi, neste ponto, depois de me despedir do personagem mais de duas vezes, talvez duas vezes e meia, a não fazer suposições”, afirmou o ator.

Além da confirmação exibida no episódio, Hiddleston ainda publicou uma mensagem misteriosa no Twitter oficial de ‘Loki’, que deixou no ar a possibilidade da existência de uma segunda temporada da série. Em vídeo, ele diz que o episódio final iria providenciar “muitas respostas às perguntas e provavelmente muitas mais perguntas.”

Loki e seu desempenho 

Essa é a primeira vez que uma série do Marvel Studios na plataforma anuncia uma segunda temporada. ‘WandaVision’, por exemplo, não deverá receber novos episódios, enquanto ‘Falcão e o Soldado Invernal’ pode vir a ter mais capítulos, porém nada foi confirmado ainda. 

De forma exclusiva no Disney+, ‘Loki’ estreou em 9 de junho e teve novos episódios todas as quartas-feiras. Além de Tom Hiddleston, Owen Wilson (‘Marley e Eu’), Gugu Mbatha-Raw (‘The Morning Show’), Sophia Di Martino (‘Yesterday’) e Richard E. Grant (‘Poderia Me Perdoar?’) também estão no elenco da produção. Todos os seis capítulos da primeira temporada estão disponíveis no serviço de streaming.

Fonte: Olhar Digital 

Governador da Bahia diz que salário de professor que não comparecer às aulas poderá ser cortado


Posicionamento foi dado após anúncio do retorno das aulas semipresenciais 

Thais Paim

O governador Rui Costa (PT) disse que os professores poderão ter o salário cortado pelos dias que não comparecerem às unidades de ensino. A informação foi anunciada após a determinação de que as aulas sejam retomadas em modo semipresencial na rede pública da Bahia. 

 A decisão não está sendo bem avaliada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, que protesta contra o retorno às escolas antes que toda a categoria esteja imunizada com as duas doses da vacina contra a Covid-19, o que a entidade estima que vá acontecer até a primeira quinzena de agosto.

Durante entrevista, o governador afirmou: “Dia 26 as aulas retornam e, a partir daí, será contabilizada as presenças para, evidente, implicar na remuneração dos professores que serão remunerados com os dias que derem aula, assim como todo trabalhador é remunerado com os dias que comparece ao seu trabalho”. 

Rui Costa também foi questionado se isso significaria corte de salário para os faltantes e ele foi enfático ao afirmar: “exatamente”. 

“No caso do servidor público, ele precisa faltar 30 dias seguidos para, eventualmente, responder por um processo administrativo por abandono de emprego e, eventualmente, não ter mais seu emprego”, alertou. 

O presidente do sindicato, professor Rui Oliveira, disse que os colegas não vão atender ao chamado da Secretaria de Educação do Estado (SEC) enquanto todos não estiverem completamente imunizados.

Quanto a isso, o governador afirmou que eles estão em situação de privilégio se comparados a outras categorias profissionais. “Todos os trabalhadores do Brasil inteiro já estão trabalhando e outros que ainda não estão, que organizam shows, eventos, estão ansiosos pra trabalhar, então precisamos dar nossa parcela de contribuição”. 

Além disso, Rui afirmou disse que: “os professores, eu diria, têm reunido uma condição que nenhum outro trabalhador reuniu. Ou seja, de ir à aula já vacinado. Muitos, eu vou dizer a grande maioria, já com a segunda dose porque vários tomaram a segunda dose e mesmo que uma parcela [esteja] como eu, que só tomei a primeira dose, e continuo trabalhando”, comparou. 

Fonte: Bahia Notícias 

Instituto oferta vagas para 11 cursos gratuitos; saiba como participar


Inscrições são voltadas para pessoas em vulnerabilidade social 

Thais Paim

Para quem sempre está buscando uma oportunidade de se profissionalizar e adquirir mais conhecimento, essa pode essa a oportunidade ideal para você. O Instituto Centro de Ensino Tecnológico (Centec) está com inscrições abertas para 11 cursos gratuitos online. 

As vagas foram disponibilizadas nesta segunda-feira (11) e terminam amanhã ou até o término das vagas. Para participar é só acessar o site do instituto.  

As formações são voltadas para cearenses a partir de 16 anos em situação de vulnerabilidade social – desempregados, com renda mensal de até um salário mínimo e/ou beneficiários do cartão Mais Infância. 

Se você se interessou e gostaria de saber um pouco mais sobre os cursos ofertados, confira abaixo: 

Técnicas de negociação e vendas

Eletricidade básica residencial

Excelência no atendimento ao cliente

Noções de liderança e gestão de pessoas

Técnicas do assistente administrativo

Ferramentas digitais

Noções de higiene e segurança no trabalho

Formação inicial em Linux

Fundamentos do empreendedorismo

Noções de informática

Prevenção e controle de verminoses em ovinos e caprinos

A escolaridade necessária varia entre ensino fundamental e ensino médio.

Requisitos para participar 

Os alunos que desejam participar precisam ter acesso a um computador ou celular com internet. Apenas os cursos de Formação inicial em Linux e Noções de informática só podem ser realizados pelo computador. 

Só é permitida uma inscrição por pessoa. A relação dos aprovados será divulgada na sexta-feira (16). Após a divulgação, o professor de cada curso entrará em contato com os alunos por e-mail, para fornecer informações sobre as aulas.

Os cursos são ofertados pelos Centros Vocacionais Tecnológicos (CVTs) do Centec em 12 cidades do Ceará, em parceria com a Secretaria Estadual da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece). Como são formações remotas, é possível participar de qualquer município.

Fonte: Diário do Nordeste 

Produtora de Xand Avião demite DJ Ivis após artista aparecer em vídeo agredindo ex-mulher


As imagens foram compartilhadas nas redes sociais neste domingo (11)

Thais Paim

A internet foi tomada por uma grande repercussão neste domingo após vídeos gravados por câmera de segurança interna mostrarem Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, agredindo a ex-mulher na frente da filha e de outras duas pessoas.

Apesar de não ser possível identificar nas imagens quais os dias das agressões, a vítima, Pamella Holanda, divulgou os registros em seu perfil neste domingo. 

Logo após a notícia tomar conta da internet, a produtora Vybbe, responsável pelo gerenciamento da carreira do DJ Ivis, informou que desligou o artista da empresa. Além disso, Xand Avião também informou no seu perfil que o artista teria sido desligado da empresa e destacou ainda que não compactua com nenhum tipo de violência. 

Ivis era produtor de Xand Avião desde a época do Aviões do Forró e, neste ano, se lançou como artista, tendo sucesso nacional com músicas como “Volta Bebê, Volta Neném” e “Esquema Preferido”.

No seu perfil, além dos vídeos, Pamella também postou fotos de como o seu rosto teria ficado após as agressões. Depois da publicação, ela não comentou mais o caso nas redes sociais.

A arquiteta e influenciadora havia feito um boletim de ocorrência contra o ex-marido há pouco mais de um mês. A Secretaria da Segurança Pública do Estado (SSPDS) informou que Pamella registrou ocorrência de lesão corporal no âmbito da violência doméstica em 3 de junho, no Eusébio, município da Região Metropolitana de Fortaleza.

Segundo informações, o inquérito policial foi instaurado, mas não foi possível prender Ivis em flagrante, porque as agressões ocorreram no dia 1º. Com isso, a Polícia Civil solicitou ao Poder Judiciário medidas protetivas de urgência em favor de Pamella. 

DJ Ivis se pronuncia sobre o caso 

Após a divulgação dos vídeos, DJ Ivis se pronunciou por meio de nota e nas redes sociais. No comunicado, o artista foca no término com Pamella e não menciona as agressões.

“Infelizmente não temos vivido uma relação saudável há algum tempo e já faz uma semana que estamos separados de fato. Estamos tentando de todas as maneiras que tudo isso tenha uma solução. Temos uma filha que não precisa viver no meio de conflitos. Desde a separação, semanalmente, envio um valor para as despesas, já deixei pago pediatra e vacinas da nossa filha”, comentou DJ Ivis.

Já em uma série de vídeos publicados numa rede social, o artista falou do relacionamento conturbado que tinha com Pamella, confirmou as agressões e disse que vinha sendo ameaçado. Ele não dá detalhes sobre o teor das ameaças, nem os motivos.

Cena pós-créditos de Viúva Negra impacta o MCU; saiba como


Filme já está disponível nos cinemas e na Disney +

Thais Paim

A espera dos fãs pode ter fim após vários adiamentos, finalmente o filme solo da Viúva Negra chegou ao Brasil e marca o retorno de Scarlett Johansson ao papel de Natasha Romanoff, além de trazer uma empolgante cena pós-créditos.

A produção já está disponível tanto nos cinemas, quanto no Premier Access do Disney+ e sua estreia atingiu recordes nos Estados Unidos. 

Como sempre, o trecho planta sementes interessantes para o futuro e os questionamentos sobre como Viúva Negra impacta os próximos passos do Universo Cinematográfico da Marvel já começaram a surgir.

História da personagem 

O filme Viúva Negra é ambientado no passado da heroína, focando especialmente no período em que ela fugiu das autoridades após os eventos de Capitão América: Guerra Civil. Já a cena pós-créditos volta aos dias atuais e mostra Yelena Belova se despedindo de Natasha, sua “irmã mais velha”.

A personagem de Florence Pugh visita o túmulo da Viúva Negra, falecida durante a missão dos Vingadores em Ultimato. O momento tocante é interrompido pela Condessa Valentina Allegra de Fontaine, misteriosa personagem de Julia Louis-Dreyfus. Afirmando que só estava ali para “prestar homenagem” à Vingadora, ela propõe um trabalho para a espiã.

Quando Yelena pede um aumento, indicando que elas trabalham juntas para uma agência de espionagem, Valentina responde que ela vai conseguir graças ao próximo alvo. Alegando que quis fazer a oferta pessoalmente, Fontaine questiona se a jovem não quer a oportunidade de caçar o “homem responsável pela morte de sua irmã” e entrega uma foto do Gavião Arqueiro.

Apesar de não ser possível precisar o futuro, a cena indica que Yelena realmente irá participar da série do Gavião Arqueiro e que a jovem será uma das antagonistas da produção. Mesmo com essa confirmação, não é possível saber se ela irá aceitar ou não caçar Clint, já que sua irmã tinha uma relação de amizade tão próxima com o herói

Por outro lado, esse momento também confirma que a Condessa Valentina Allegra de Fontaine terá um papel fundamental no desdobramento das próximas Fases do MCU. Considerando que ela trabalha para uma organização ainda misteriosa, é possível que a personagem seja pela formação dos Thunderbolts no MCU. 

Outra possibilidade, é que ela acabe formando os Vingadores Sombrios. Nas HQs, essa equipe foi reunida por Norman Osborn, que se tornou chefe do M.A.R.T.E.L.O. — organização que substituiu a S.H.I.E.L.D. após sua queda. 

Considerando que Val já tem um “Capitão América do mal” nas mãos, é possível que ela esteja promovendo uma versão alternativa dos Vingadores. Especialmente porque não se sabe se a equipe ainda existe após os eventos de Vingadores: Ultimato.

Apesar de todas as suposições e possíveis futuros para o universo, no momento só resta aguardar o próximo lançamento da série Gavião Arqueiro que está previsto para 2022. 

Fonte: Jovem Nerd 

2ª Semana do Empreendedorismo Musical começa nesta segunda


Evento será transmitido através do Instagram 

Thais Paim

Um tema que desperta grande interesse das pessoas é como empreender no mundo da música, tão cobiçado e também tão concorrido. Para trazer um debate sobre esse assunto de forma ampla, a 2ª Semana do Empreendedorismo Musical acontecerá do dia 12 a 16 de julho, a partir das 19h. 

Para quem deseja acompanhar os conteúdos, o evento será totalmente online, gratuito e transmitido pelo perfil do Instagram @gugagoncalvesoficial.

Motivação para o projeto 

O organizador do evento, Gustavo Gonçalves, também conhecido como Guga Gonçalves, contou que o objetivo da iniciativa é inspirar estudantes e profissionais a enxergarem a música como um negócio altamente lucrativo. 

De acordo com Gonçalves, a música é um processo intangível, difícil de mensurar se fará sucesso ou não, fazendo com que seja um pouco mais difícil dos profissionais se destacarem. Apesar dessas circunstâncias, é também altamente lucrativo, uma vez que é um espaço onde empresas e marcas conseguem patrocinar e anunciar.

“Por exemplo, no Rock in Rio, há diversas marcas grandes patrocinando, além de fazer a economia girar, gerando empregos para produtores, pessoal da limpeza, segurança, gastronomia, técnicos e etc.”, explica o empreendedor. “Inclusive, no início da pandemia houve um investimento alto na música, laboratórios farmacêuticos, lojas de shopping e outros empreendimentos de campinas e região patrocinaram Lives e até mesmo convidaram músicos para participar das suas próprias Lives”, relata ele. 

Gustavo conta que com o evento, quer mostrar para os profissionais e estudantes de música as várias etapas presentes, desde a pré-produção, produção e pós-produção, além de abordar também assuntos como monetização no mercado musical, principalmente com as tecnologias streaming. Além disso, o organizador também destaca que percebeu uma mudança no cenário atual da música durante a pandemia. 

Confira abaixo as atrações do evento online:

Marcello Pompeu, da banda Korzus; Gustavo Missola, sócio proprietário da SALA V; Daniel Neves, curador e diretor da Conecta+ Música & Mercado; José Celso Rodrigues Guida, sócio fundador da CulturaXchange; Célio Ramos, dono e atual Diretor do IG&T-Instituto de Guitarra e Tecnologia; Marcelo Claret, fundador do Instituto de Áudio e Vídeo; a cantora Feh Simionato; Neila Abrahão, guitarrista e jurada do Reality Canta Comigo da TV Record; Maurício Adorno Cunha, CEO da Odery Drums, Jonas Henrique Campedelli e Silva, diretor da Timbres Instrumentos Musicais e Guga Gonçalves, produtor multimídia e coach personal branding.

Além dos conteúdos apresentados ao longo da semana, no último dia do evento será realizado um sorteio de uma guitarra. Para quem deseja participar, é só seguir o perfil @gugaconcalvesoficial no Instagram ou confirmar presença através do evento criado no Facebook, dessa forma você terá acesso ao link redirecionando para o Instagram no horário da transmissão.

Fonte: A Cidade ON 

Governo oferta curso gratuito para guias de turismo e condutores


As vagas são para quem deseja adquirir conhecimento em idiomas

Thais Paim

Através de uma parceria entre o Ministério do Turismo e Instituto Federal do Tocantins (IFTO), está sendo ofertado um curso gratuito de idiomas para guias de turismo e condutores interessados em adquirir conhecimento nos idiomas inglês ou espanhol. 

Para quem deseja participar é só acessar o site do Ministério do Turismo e realizar a inscrição. Ao todo serão ofertadas 3,8 mil vagas e se o número de inscritos ultrapassar a quantidade de vagas, será realizado um processo seletivo.

O curso conta com uma carga horária total de 200 horas e traz uma matriz curricular inovadora, com temas transversais que serão adaptados aos idiomas, aproximando-se assim da realidade profissional dos estudantes. 

O objetivo da iniciativa é capacitar a categoria desse segmento do turismo, oferecendo qualificação necessária, por meio de novos idiomas, de modo a gerar benefícios para esses profissionais, bem como valorizar o potencial de cada trabalhador e suas comunidades locais.

“Sabemos que o Brasil ocupará um lugar de destaque no cenário do pós-pandemia com seu enorme potencial de turismo de natureza que será a grande tendência dos viajantes. Ao saber atender o turista estrangeiro, ganhamos competitividade no cenário internacional e garantimos uma experiência ainda melhor para quem nos visita”, afirmou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, por meio de nota. 

O curso e seu alcance 

A iniciativa atende profissionais de todas as regiões brasileiras, através da parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a Federação Nacional dos Guias de Turismo (Fenagtur) e o Conselho Municipal de Turismo (Comtur) de Alto Paraíso-GO.

As aulas que forem gravadas serão disponibilizadas na plataforma Moodle do IFTO e as ao vivo serão ministradas uma vez por semana por meio de webconferências, facilitando o acesso dos alunos ao conteúdo ministrado. 
Fonte: Mercado e Eventos