Verbas Públicas são destinadas para pagar cachê de cantores sertanejos em evento realizado em Minas Gerais


Na Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, tem repercutido o cancelamento de um Show do cantor Gusttavo Lima, cujo valor do evento estaria estimado em torno de R$ 1,2 milhão de reais.

William Gama

As verbas públicas das prefeituras, são destinadas para arcar com as despesas das cidades. O gestor municipal é o principal responsável em administrar esse dinheiro junto a sua equipe administrativa. Assim desta forma, garantir os serviços essenciais a população.

Recentemente, surgiram escândalos que expôs altos cachês pagos a artistas que poderiam serem investidos diretamente ao município. Na Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, que fica localizada a 167 km de Belo Horizonte, Estado de Minas Gerais, tem repercutido o cancelamento de um show do cantor Gusttavo Lima, cujo valor do evento estaria estimado em torno de R$ 1,2 milhão de reais.

Segundo informações do G1, a verba que seria pago ao sertanejo era proveniente de fundos destinados a saúde, educação e a infraestrutura do município. 

Gusttavo Lima envolvido em polêmica

O contrato firmado com o cantor seria para ele se apresentar nos festejos do mês de junho, na cidade, onde Gusttavo faria sua apresentação na 30ª Cavalgada do Jubileu do Senhor Bom Jesus do Motozinhos. No último sábado (28), o prefeito da cidade Zé Fernando (MDB), cancelou as apresentações não só de Gusttavo Lima, mas, também da dupla Bruno e Marrone.

Segundo o gestor municipal, os comentários feitos pelo cantor Zé Neto, que faz dupla com o cantor Cristiano, transformaram o evento em uma disputa político partidária e que a prefeitura e a sua gestão não têm nada a ver com os comentários proferidos pelo artista. 

Deputado André Janones é citado

Zé Neto criticou artistas que recebem pagamentos da Lei Rouanet, e por este motivo, criou-se uma polêmica em torno de sua fala. Neste episódio divulgado, escancarou diversas investigações a respeito desse dinheiro. Segundo a nota divulgada pela Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, a assessoria informou ‘’Não houve pagamentos aos artistas, já que o contrato administrativo, ao contrário das relações civis, exige procedimentos prévios ao pagamento, que não foram supridos”, divulgou a nota. 

Neste caso, o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), mencionou que ainda não existe uma investigação aberta sobre as denúncias apuradas, embora foi aberta uma Notícia de Fato, que é um procedimento que serve para verificar indícios e elementos que fundamente e justifiquem a sindicância de investigação pelo Ministério Público.

Em nota, a assessoria do artista destacou que o valor do cachê do artista é fixado obedecendo critérios internos e que são baseados de acordo com o cenário nacional. Estes critérios vão desde o transporte da equipe, o tipo do evento que foi contratado e dos custos das despesas operacionais. 

Deputado André Janones (Avantes-MG), destina verba milionária para custear evento de Gusttavo Lima. Foto: divulgação

Com esse cenário escancarado, outros escândalos envolvendo dinheiro público pagos através de caches a cantores sertanejos vieram à tona, com envolvimento até de políticos. O deputado federal André Janones (Avante-MG), que está pré-candidato à Presidência da República, fez uma emenda parlamentar que destinou R$ 1,9 milhão de reais para custear um evento do cantor Gusttavo Lima e de outros músicos do gênero sertanejo.

A apresentação estava prevista para ser realizada na cidade natal onde o parlamentar nasceu e que seria realizada no mês de outubro, nas prévias das eleições presidencial.  O candidato aparece com 2% de intenção de voto no primeiro turno, de acordo com a pesquisa data folha. A assessoria do parlamentar informou que R$ 1,9 milhão seria usado para bancar a festa e o resto seria para arcar com investimentos na saúde e educação, divulgou. 

Fontes: G1, UOL.

William Gama é formado em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) e Mestrando em História (UNICAP). Gosta de produzir matérias de diferentes nichos em Mídias e Redes Sociais. Instagram: williamgama.j