Alfa – A primeira ordem 2 vem aí


A campanha de financiamento para a produção da segunda parte da HQ que reúne dezenas de heróis nacionais continua até o próximo dia 6 de outubro no site Catarse.  Os colaboradores podem escolher entre os diversos “pacotes” de preços, que garantem brindes exclusivos de acordo com o montante investido.

A primeira parte de Alfa – A Primeira Ordem foi lançada em dezembro de 2017 e teve uma excelente aceitação do público leitor, com muitas críticas positivas da mídia especializada. A revista também teve campanha de financiamento coletivo no site Catarse, que captou 64% da meta proposta de R$ 20 mil, possibilitando sua produção pela Editora Kimera. Desta vez, o autor Elyan Lopes espera arrecadar a meta estipulada, para que os custos totais sejam cobertos.Capacomlogo-01

Alfa – A Primeira Ordem: Parte 2 continua a história de onde a anterior parou, com a investida do vilão Aéris, o arqui-inimigo da equipe A Primeira Ordem, grupo formado pelos heróis Capitão 7, Raio Negro, Homem-Lua e O Flama. Após enviar seu mais poderoso aliado, o General Zeta, para deter os heróis da nova geração, Aéris retorna mais forte do que nunca e entra na briga pela dominação mundial. Cabe aos heróis do presente e do passado juntar forças para derrotar o vilão numa batalha sem precedentes.

Entre os personagens presentes na história, estão Capitão R.E.D., Lagarto Negro, Jou Ventania, Velta, Jaguara, Anjo Urbano, Homem-Trator, Vênus, Coruja e muitos outros. São mais de 40 personagens lutando juntos contra o poderosíssimo vilão! A criação é de Elyan Lopes, com roteiro de Gian Danton, arte de Márcio Abreu e cores de Vinícius Townsend.

A revista terá 52 páginas (48 páginas no miolo + capa), formato americano (16cm X 25cm), capa em papel couché 170g com verniz e miolo em couché brilho 115g, totalmente em cores e lombada com grampos.

Os interessados em financiar o projeto podem entrar no site: www.catarse.me/alfa2 . Os valores de apoio são a partir de R$ 40,00 e a previsão de lançamento é para dezembro de 2018.

A volta do Capitão 7


A revista Alfa – A Primeira Ordem, história em quadrinhos que reunirá um time de super-heróis brasileiros na mesma aventura ganhou um reforço de peso para o elenco de personagens participantes da saga. Trata-se de ninguém menos que o Capitão 7, o primeiro super-herói brasileiro, criado em 1954 e considerado a versão tupiniquim do Superman.

O Capitão 7 foi interpretado pelo cantor de rádio e campeão de boxe Ayres de Campos, que personificou o herói no programa de TV As Aventuras do Capitão 7, exibido pela Rede Record (de onde o herói tirou o 7 de seu nome, numa alusão ao número do canal, em São Paulo).  Posteriormente, virou uma revista em quadrinhos, em 1959, que durou mais de 50 edições.Capitão_7 Jaime Cortez

O herói também virou marca de uma fábrica de fantasias infantis na década de 1960, após o término do seriado. Com o tempo, o Capitão 7 perdeu sua popularidade, mas nunca caiu em total esquecimento. Com a morte de seu criador em 2003, os direitos do personagem foram licenciados raríssimas vezes – a última delas foi em 2006, para a revista Triplik, publicação oficial das marcas de roupas infantis Lilica Ripilica e Tigor T. Tigre, escrita e desenhada por Danyael Lopes.

Dez anos depois, o Capitão 7 retorna como convidado da revista Alfa, A Primeira Ordem. Segundo Elenildo Lopes, o idealizador do projeto, a participação do Capitão 7 é fruto de negociações com os herdeiros de Ayres Campos. “Sempre foi um sonho reunir oficialmente os super-heróis clássicos com os dessa nova geração e agora ele se torna realidade.” comemora Lopes.

unnamed

A HQ é uma reformulação de um projeto antigo chamado apenas A Ordem, que esteve no site Catarse em 2014 para captação de recursos, mas não conseguiu o montante desejado. A ideia foi reformulada e volta com um novo nome: Alfa – A Primeira Ordem. A trama reúne os maiores e mais clássicos super-heróis brasileiros atuando em conjunto numa saga cósmica, diferente de Protocolo: A Ordem, lançada em 2016, onde os heróis se reuniram para conter uma invasão espacial. Porém, os eventos serão uma sequência desta história.

O projeto Alfa entrará no Catarse em breve e a previsão de lançamento é para o segundo semestre de 2017. A presença de Capitão 7 na história, com certeza será um fator que despertará o interesse dos leitores, pois o personagem é um dos mais importantes da mitologia de super-heróis brasileiros – talvez o mais importante, já que é o pioneiro – e faz parte da história da televisão e da infância de muita gente.