Ilhéus incentiva segmento de Capoeira


Desde o último dia 30, mestres, contramestres ou grupos de capoeira de Ilhéus já podem inscrever projetos para o edital Manoel Barreto. O chamamento público é um concurso promovido pela Secretaria Municipal da Cultura (Secult), com o objetivo de selecionar propostas para o desenvolvimento da capoeira em diversos bairros e distritos de Ilhéus, organizar as solicitações e a distribuição de recursos financeiros. A inscrição fica aberta até 15 de outubro e os projetos podem ser executados entre janeiro e fevereiro de 2019. Serão contemplados 10 grupos, com prêmios de R$ 2,5 mil.

Segundo o secretário municipal da Cultura, Pawlo Cidade, o edital baseia-se em princípios para garantir a simplificação, ampliação e descentralização da distribuição de recursos para a capoeira de Ilhéus. “Contempla atividades como batizados e troca de cordões, aquisição de materiais, realização de ações de formação (seminários, oficinas, cursos) e outras formas de criação e apresentação que propiciem o acesso à capoeira”, enfatiza.

Pawlo Cidade destaca a capoeira como uma representação cultural que mistura esporte, luta, dança, cultura popular, música e brincadeiras. Está presente em inúmeros bairros e distritos de Ilhéus. “O Plano de Ações Estratégicas da Cultura, da Secult, também chamado de Cultura 500, aponta questões e proposições sobre a importância simbólica, cidadã, econômica e estratégica da cultura. Sua capacidade de otimizar as engrenagens da economia de Ilhéus, seja pela sua transversalidade, sua multiplicidade, e pelo seu poder criativo”, disse.

Governo da Bahia libera R$ 500 mil para fortalecer Capoeira


Uma ótima notícia para os capoeiristas baianos. O Governo do Estado da Bahia lançou, hoje (12/06) edital, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego Renda e Esporte (Setre), que destinas R$ 500 mil para projetos que contemplem eventos esportivos. O edital foi apresentado a representantes de instituições ligadas à capoeira em evento realizado no Largo Tereza Batista, no Pelourinho.

De acordo com o secretário da Setre, Vicente Neto, a iniciativa demonstra o empenho da gestão estadual em garantir a preservação de uma expressão cultural brasileira que mistura arte marcial, esporte, cultura popular e música. “A capoeira é um traço cultural da Bahia que o mundo inteiro conhece. A Setre resolveu fomentar essa manifestação do nosso povo por meio desse edital público que garante apoio às instituições que fazem a capoeira acontecer. É motivo de muita satisfação poder lançar esse edital e chamar os capoeiristas e suas organizações para estarem conosco nesta nova empreitada”, afirmou.

Cada iniciativa pode receber até R$ 30 mil, quando a execução for realizada por uma entidade, e R$ 60 mil quando o projeto for executado por duas ou mais organizações. As propostas devem ser entregues na sede da Superintendência dos Desportos do Estado (Sudesb), em Lauro de Freitas, entre os dias 25 e 27 de junho, das 8h às 12h e das 13h30 às 16h30.

Ilhéus promove IV Festival de Capoeira


Contemplado pelo edital de apoio Calendário da Capoeira, mantido pela Secretaria de Cultura (Secult) de Ilhéus, o Grupo de Capoeira Malê promove, durante os dias 5, 6 e 7 deste mês o IV Festival Ilheense de Capoeira. O evento, gratuito, com início às 17h30, no Colégio Vitória, situado no Alto da Conquista.

A programação será iniciada com relatos sobre a história da capoeira, desde a retirada dos negros do continente africano para serem escravizados até a chegada e resistência dos mesmos no Brasil e a importância dos Mestres Pastinha e Bimba; em seguida, às 18h30, terá apresentação de maculelê e dança afro; às 19h a roda de capoeira aberta e às 19h20 o batizado e troca de cordéis. Para finalizar, às 20h30, serão distribuídos acarajés e abarás para o público presente.

Evento capoeira

No sábado, dia 6, o evento terá início às 9h com a puxada de rede, na Praia da Avenida Soares Lopes; às 10h, será realizada a Caminhada Cultural, que partirá da Praça Dom Eduardo, em frente à Catedral de São Sebastião, passando pela Praça J.J. Seabra (do Palácio Paranaguá), Avenida Dois de Julho, finalizando na Praça Pedro Mattos, em frente ao Teatro Municipal de Ilhéus.

Pela tarde, a partir das 15h, no Condomínio Morada do Porto, na rodovia Ilhéus-Itabuna, serão oferecidas gratuitamente para comunidade oficinas de Maculelê, Samba de Roda, Capoeira Angola e Regional. Também haverá oficina para o público infantil, com movimentos lúdicos, recreativos e educativos que induzem e desenvolvem. Às 19h será ministrada a palestra com o tema “3 de agosto, o Dia do Capoeirista”.

No último dia de evento, no domingo, dia 7, a partir das 8h, no Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães, a programação terá início com um café da manhã, logo em seguida, às 9h, serão realizadas palestras e apresentações culturais. Às 10h ocorrerá o batizado e troca de cordéis do Grupo Arte Malê e Grupo Aliança de Ouro.