Itabuna: Prefeitura disponibiliza novas linhas de ônibus e reforço no sistema de transporte pública


Saulo Santos

Itabuna já dispõe de novas linhas de ônibus, que foram implantadas pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (Settran). Ao todo nove ônibus a mais já circulam na cidade.

Entre as rotas que foram beneficiadas estão as que fazem a linha Centro, Hospital de Base via Mangabinha e condomínio Gabriela, Centro, via São Caetano, que ganhou dois ônibus. Jardim Primavera – Centro, via Vila Anália e Novo São Caetano. Maria Pinheiro – Centro, via Vila Zara e São Pedro, além da rota Nova Itabuna – Beira Rio.

O coordenador de Transporte Coletivo Settran, Cláudio Gilberto Silva, informou que os bairros onde já havia a circulação de ônibus, ganharam reforço para atender à demanda da população seguindo orientação do secretário Thales Silva.

As rotas são: Jardim América – Centro, Santa Clara – Centro e Jorge Amado – Centro. “Cada linha desta ganhou mais um ônibus. No Jardim América, por exemplo, a espera reduziu-se de 15 para 12 minutos”, afirmou Cláudio Gilberto. Atualmente, Itabuna tem 49 ônibus na zona urbana e 4 na zona rural. Só a região do Jardim Primavera ganhou mais dois ônibus do transporte público.

Outra novidade é que após a inauguração da Maternidade Otaciana Pinto, situada no Loteamento Nossa Senhora das Graças, foi acrescentado mais um ônibus para atender aquela localidade. A rota é Centro – Mangabinha – Centro Comercial – Maternidade e Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães.

“A ampliação dos ônibus, linhas e itinerários foi determinada pelo de Itabuna, prefeito Augusto Castro (PSD), para melhorar o dia a dia da população. Nós observamos, inclusive, que o número de reclamações, na nossa central caiu em relação a horários”, comemora o coordenador de Transporte Coletivo da Settran.

Ele disse ainda, que todos os dias é realizada a fiscalização na saída dos ônibus. “Estamos atentos ao sistema de transporte coletivo. Começamos a fiscalizar às 4 horas da madrugada, quando o ônibus sai da garagem para cumprir as linhas e encerramos à meia-noite. Observamos o sistema, a estrutura física, iluminação e sinalização do transporte”, garantiu Claudio Gilberto Silva.