Cabelos bonitos e saudáveis e uma estima alta


Marcelo Carvalho

Primeiramente, no “vale tudo” para manter a auto estima em dia, cuidar da saúde e do bem estar dos cabelos é essencial para homens e mulheres. Nessa tarefa um bom cabeleireiro pode ajudar e muito.

Além disso, o profissional capilar, que pode atuar em salões de beleza ou mesmo de forma autônoma, alia talento, criatividade, bons produtos, simpatia para literalmente dar “um tapa” no visual da clientela.

Porém, engana-se quem acredita que a vida deste “artista” não possui desafios. “A carreira requer muito comprometimento e dedicação, além de um olhar atento às tendências”, esclarece o cabeleireiro Fábio Silva.

O amazonense revela que aprendeu a profissão aos 13 anos. ” Foi minha primeira profissão”, conta ele que após um período decidiu atuar como modelo e dançarino, indo trabalhar na distante China. “Fiquei lá por dois anos”, lembra.

Ao retornar ao Brasil, Silva decide voltar a retomar a profissão que tanto amava e monta o seu próprio negócio. “Estou há 13 anos na profissão, auxiliando os clientes a manterem sua estima elevada”, comemora.

Nesse interim, o profissional garante que esse trabalho lhe traz uma sensação muito boa. “É gratificante fazer o que se gosta e conseguir tirar dali o seu próprio sustento”, afirma.

O empresário, Fábio Silva, em frente ao seu salão Lufaro Studio Hair. Foto: arquivo pessoal

O Sucesso na Profissão

Celso Kamura, Anh Cotran, Marco Antonio de Braggi, Marcos Proença, bem como, Rodrigo Cintra são algumas das nossas referências quando o assunto é cabelos. Eles são os famosos hair stylists, que além de fazer os mesmos cortes e procedimentos que o cabeleireiro, trabalham como consultores de imagem.

Nesse sentido, os cabeleireiros conhecem os cortes e procedimentos existentes e os aplicam nos clientes, normalmente, como são solicitados.

Por isso. mesmo é importante buscar inovações e aperfeiçoamento profissional para ficar sempre a par das novas técnicas e produtos lançados e produtos lançados. “Tem que amar verdadeiramente a profissão, pois o cabeleireiro cria arte e trabalha com a sensibilidade, a autoestima e até mesmo os sonhos das pessoas”, finaliza Silva.

Uma das “obras” do cabeleireiro Fábio Silva. Foto: arquivo pessoal

Saiba Mais

Origem do Dia do Barbeiro

Essa data comemorativa foi instituída através da Lei nº 12.592, de 18 de janeiro de 2012. No seu artigo 5º, consta que a mesma deve ser comemorada no dia da promulgação da lei.

Acontece que a lei foi promulgada no dia 18, mas se tornou comum considerá-la no dia seguinte. Isso porque no artigo 6º consta que a lei entra em vigor na data da sua publicação, o que aconteceu em 19 de janeiro.

Enfim, o mesmo acontece com as comemorações relativas aos dias do barbeiro, esteticista, manicure, pedicure, depilador e maquiador.

Cursos de Cabeleireiro

https://www.institutoloreal.com.br/curso/curso-de-cabeleireiro-intensivo/

https://www.institutomix.com.br/cursos/cursos-de-beleza

https://mundodecursos.com.br/curso-cabeleireiro-senac/

Quase 250 mil mulheres estão envolvidas na geração de um negócio em Pernambuco


A Lei estadual 16.241, artigo 309, estabelece o dia 8 de outubro como o Dia Estadual da Mulher Empreendedora.

As mulheres estão cada vez mais envolvidas na geração do próprio negócio. No Estado pernambucano, 234.289 são sócias, representantes legais, empresárias, titular de eireli ou administradora de empresas, segundo dados da Junta Comercial de Pernambuco. Os números representam 34,49% do total, mas, desde o dia 14 dezembro de 2017, a Lei de número 16.241, artigo 309, é mais um estímulo ao empreendedorismo feminino em Pernambuco. O Dia Estadual da Mulher Empreendedora é comemorado nesta quinta-feira (08).

Empreendedora Amanda Bezerra (E) e multiplicadora do Ela Pode pela SETEQ, Lúcia Costa Foto: Carolina Romão/SETEQ
Empreendedora Amanda Bezerra (E) e multiplicadora do Ela Pode pela SETEQ, Lúcia Costa
Foto: Carolina Romão/SETEQ

 No Estado, 330.394 (48,73%) empresários ou empreendedores se identificam como homens e mais 114.535 (16,78%) não estão com o sexo definido. Apesar de os números das mulheres ainda serem menores em relação ao dos homens, o empreendedorismo feminino cresceu nos últimos anos e a expectativa é de aumento para os próximos. Empreendedoras demonstraram maior agilidade e competência durante a crise econômica causada pelo novo coronavírus, segundo pesquisa encomenda pelo Sebrae.

  “A Secretaria do Trabalho dá auxílio à mulher empreendedora de forma que elas possam crescer ainda mais com cursos e programas disponíveis ao seu favor. Somente este ano, pela SETEQ, três mil mulheres foram capacitadas pelo Ela Pode. Existe, também, a nova plataforma on-line o Compre Pe, que tem, como objetivo, aproximar as comerciantes e clientes, sendo uma alternativa a mais para população feminina devido à pandemia da covid-19”, disse o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes.

  Uma das mulheres que participou de cursos promovidos pela Seteq, como o Ela Pode, e também cadastrada no Compre PE foi a Amanda Bezerra, 32. Ela comentou que, além de se tornar empreendedora, começou a entender o papel da mulher na sociedade, especialmente em meio à maior crise da nossa geração, uma pandemia. “Hoje, me sinto uma mulher empoderada, por contribuir com a renda dentro da minha casa e poder ser exemplo para outras mulheres.”

  Amanda é casada e mãe de dois filhos. Atualmente, ela tem sua empresa e trabalha com doces e salgados “Delícias de Doce Damanda”. Ela ainda conta que foi a realização de um sonho “Sempre quis ter meu próprio negócio e ter mais tempo para ficar com minha família”. Hoje sua empresa tem quatro meses e ela ressaltada que é só o começo do seu grande sonho.

Palestra sobre empreendedorismo, com Carlos Wizard em Salvador


CarlosWizard2
Carlos Wizard Fotos: divulgação

Empreendorismo, liderança e sucesso será o tema da palestra que o empresário Carlos Wizard vai ministrar em Salvador, no dia 14 de março no Centro de Convenções do Fiesta Bahia Hotel, a partir das 19h.

Wizard é um dos maiores empresários do mundo. Em 1987 ele fundou a Wizard, rede que alcançou, através do franchising, a liderança absoluta no setor de ensino de idiomas. Mais tarde, visionário, colocou em prática uma das mais agressivas estratégias de consolidação de mercado já vistas no Brasil ao adquirir outras oito redes de ensino, como Yázigi, Microlins e Skill, formando o Grupo Multi Educação. Em 2013, o grupo foi vendido para a britânica Pearson por R$ 2 bilhões, no maior acordo da história do setor de educação já realizado no País.

Além de investidor, Carlos Wizard é autor do best seller ‘Desperte o Milionário que Há em Você’, publicado no Brasil, Europa, Estados Unidos e China. É co-autor do livro Sonhos ‘Não Têm Limites’. Lançou, em maio de 2017, o livro ‘Do Zero ao Milhão’ (Editora Buzz). Carlos Wizard continua transmitindo suas práticas de gestão por meio de palestras no Brasil e exterior.

Os ingressos estão sendo vendidos por R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia) no site eventocarloswizard.com. Outras informações através do número (79) 99874-2976.