Saiba o significado das cenas pós-créditos do filme ‘O Esquadrão Suicida’


Fãs tinham grande expectativa para o lançamento do longa

Thais Paim

Os fãs não precisam mais aguardar, O Esquadrão Suicida já chegou aos cinemas e streamings do mundo todo trazendo de volta a equipe formada por vilões do Universo DC. Sendo escrito e dirigido por James Gunn (Guardiões da Galáxia), o filme conta com as já tradicionais cenas pós-créditos, que são ansiosamente esperadas.

Confira abaixo quais são elas e como podem impactar o futuro do DCEU.

A primeira cena pós-créditos é exibida logo após o final do longa. Ela revela que um dos membros do Esquadrão mortos durante a missão, na verdade está vivo. É o caso do Doninha, besta mutante interpretada por Sean Gunn.

Para a grande surpresa dos espectadores, o personagem é dado como morto logo no início do filme, quando o grupo chega à ilha de Corto Maltese pelo mar. Como não sabe nadar, o Doninha aparentemente se afoga e é deixado na praia. Após o final do longa, é revelado que na verdade ele sobreviveu para contar história e segue livre no país sul-americano.

Já a segunda cena é exibida após o final dos créditos e também surpreendeu os fãs. Nela, descobrimos que outro integrante do Esquadrão sobreviveu aos eventos do filme: o Pacificador. Durante o filme, o personagem de John Cena é baleado na garganta pelo Sanguinário e acaba deixado para morrer em Corto Maltese.

Mas na verdade, ele é salvo pelo governo dos EUA e passa a ser responsabilidade da equipe de Amanda Waller, que deixa o grupo à cargo do psicótico Pacificador como uma espécie de vingança por desrespeitarem suas ordens.

Considerando que Emilia Harcourt afirma que precisam dele para “salvar a p**** do mundo”, a cena se revela um gancho para Peacemaker, a série derivada do longa.

O Esquadrão Suicida está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Fonte: Jovem Nerd 

Novo trailer do ‘O Esquadrão Suicida’ coloca Superman na UTI; entenda a referência


Fãs repercutem revelações da trama 

Thais Paim

Os fãs de Esquadrão Suicida tiveram motivos para comemorar, nesta terça-feira (22), já que um trailer inédito da trama foi lançado. Além de alguns detalhes sobre a história, a prévia também revelou uma curiosa ligação entre Sanguinário, o vilão vivido por Idris Elba, e o Superman.

Nos segundos iniciais do trailer, Amanda Waller (Viola Davis) afirma que o criminoso está preso após mandar o Homem de Aço para a UTI com uma bala de kryptonita. Além de revelar uma surpreendente conexão entre o personagem e o herói vivido por Henry Cavill, esse momento faz uma referência direta às HQs.

O Sanguinário apareceu pela primeira vez na HQ Superman #4. Escrita e desenhada por John Byrne, a história apresentou o vilão como alter-ego de Robert DuBois, um habilidoso atirador que atacou a população de Metrópolis. Ao chamar a atenção do Superman, o mercenário atira no herói com uma bala de kryptonita e só não o mata pois Jimmy Olsen surge no último segundo.

Relação entre Sanguinário e Superman: confronto 

O trailer de O Esquadrão Suicida trouxe sequelas mais severas em Kal-El do que as indicadas nos quadrinhos. Apesar de passar por uma delicada operação, o herói não chega a ficar internado em uma UTI e logo parte em busca de DuBois, que parecia motivado a promover caos na cidade. 

 A revelação de que Robert não é veterano, pois fugiu do alistamento e sua real motivação é a culpa que sente por seu irmão ter ido à guerra em seu lugar, é feita no segundo confronto. Com isso, ainda não se sabe se o Sanguinário de Idris Elba terá uma motivação similar, com ligações à Guerra do Vietnã.

 A prévia mostra que o vilão tem uma forte ligação com sua filha e, portanto, indica uma nova origem para o personagem nos cinemas.

Com direção de James Gunn, O Esquadrão Suicida tem estreia prevista para 5 de agosto de 2021 no Brasil.