Após o período de final de ano, Bahia registra recorde na média móvel de casos do coronavírus


Dados são da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab)

Thais Paim

Apesar da felicidade e expectativa envolvendo o início da imunização, o alerta para o avanço da pandemia segue ativo. A Bahia registrou recorde em dois dias seguidos na média móvel de casos de Covid-19, segundo dados obtidos por meio do boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). 

 Os números foram estabelecidos na segunda-feira (18) e nesta terça (19), dia do início da vacinação em Salvador e em outros municípios baianos, de acordo com informações da própria secretaria. 

Nesta terça, a média móvel ultrapassou pela primeira vez os quatro mil casos, com 4.066. Na última segunda, foram 3.795. O recorde anterior havia sido registrado apenas em 28 de julho do ano passado, quando a Sesab identificou a média de 3.781 casos.

Sobre o crescimento dos números 

Como a “média móvel de 7 dias” faz uma média entre o número de casos do dia e dos seis anteriores, isso indica que as notificações advindas do período pós-Réveillon estão refletidas nesses dados, momento em que houve registros de aglomerações em diferentes partes do estado.

O indicativo se manteve acima dos dois mil desde o início de dezembro. Contudo, entre 23 e 30 de dezembro, retrocedeu de 3.232 para 1.940. No último dia de 2020, no entanto, o número teve um tímido aumento para 1.978 e, desde então, cresce progressivamente.

Enquanto a média móvel registra picos nunca antes vistos no estado, a imunização começa, mesmo sendo numa porcentagem reduzida da população.

Plano de imunização 

Em Salvador, o plano de imunização segue nesta quarta-feira (20). A campanha terá prosseguimento a partir das 9h, no Hospital Martagão Gesteira. Na unidade hospitalar, serão 273 profissionais imunizados.

A estimativa é que 5,3 mil doses sejam aplicadas nesta quarta, contemplando trabalhadores de 18 unidades de saúde, a exemplo de hospitais de grande porte, UPAs es gripários. Uma equipe formada por 30 vacinadores percorrerá as unidades para efetuar a imunização, que só termina por volta das 18h. 

Segundo o secretário municipal de Saúde (SMS) de Salvador, Leo Prates, o plano é finalizar a primeira parte da campanha até sábado (22). “Já dei a missão aqui ao meu COE [Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública] para que a gente termine essa vacinação até sábado com os nove pontos ativos”, resumiu, em entrevista ao programa Bahia Notícias no Ar, da rádio Salvador FM 92,3, nesta terça.