Flu vence o Fla de virada e está vivo na luta pela vaga na liberta


Fluminense consegue uma Vitória importantíssima  em cima do Flamengo que perdeu a chance de colar no São Paulo

André Lucas

Quarta-feira de Brasileirão marcada por clássico no Rio De maneiros x Flu, em jogo com virada aos 48 do segundo tempo, o Fluzão saiu de campo com os três pontos. 

O Flamengo começou o jogo bem, com intensidade e domínio, criou as melhores chances, algumas chances claras de gols. Gabigol e Everton Ribeiro estavam conseguindo atacar o time tricolor carioca. 

O camisa 9 da Gávea obrigou o goleiro do Fluminense, Marcos Felipe, a fazer pelo menos 3 defesas importantes, BH quase fez um sem goleiro mais a zaga chegou antes, e ER7 deu dois chutes ao gol que levaram perigo. 

Mesmo com toda essa pressão foi só aos 40 do primeiro tempo o Flamengo conseguiu o fazer o primeiro gol do jogo, com Arrascaeta de cabeça no rebote que o goleiro deu. 

O jogo foi para o intervalo com um domínio completo do Flamengo, que mandou no jogo é parecia se concretizar como favorito a Vitória. 

Enquanto isso em São Paulo, o Bragantino vencia por 3 a 1, o líder do campeonato perdendo e o Fla ganhando, era a noite dos sonhos de todos os rubro negros, porém o jogo virou. 

No segundo tempo o Fla não jogou, entrou desligado e sem vontade, Everton Ribeiro e Bruno Henrique já não corria mais, o time Rubro Negro parecia estar satisfeito com o resultado e parou de buscar o jogo. 

Foi nesse cenário que o time tricolor cresceu demais em campo, com uma noite de galã, Welinton Silva,  o camisa 17 das laranjeiras, jogou muito, ele subia sozinho e conseguia levar perigo a zaga do Flamengo. 

O Fluminense começou a recuperação fechando o meio campo e obrigando o Flamengo a jogar pelas pontas, o agora terceiro colocado do Brasileirão só conseguia cruzar bola na área do Flu, e a defesa tricolor tirou todas. 

O Flu adiantou a marcação e começou a mandar no jogo. Aos 10 minutos em uma bola parada, o cruzamento perfeito para Lucas Claro fazer o gol do empate, e depois daí um apagão total no meio campo do Flamengo, e o jogo esfriou cada vez mais, não tinha criação, só muitas faltas e cartões amarelo.

O Fluminense deixava o Fla ter a pose mas não dava espaço para o time adversário trabalhar, e quando roubava a bola já acelerava o contra ataque. Antes do segundo gol aos 48 do segundo tempo, um dos contra ataque, Welinton Silva botou uma bola na trave. 

Ao apagar das luzes o meia Yago, interceptou um passe mal feito de Felipe Luís, ficou de cara para o gol e bateu na saída de neneca. O camisa 20 das laranjeiras conseguiu a virada aos 48 do segundo tempo, e colocou o Fluminense firme na briga pela libertadores. 

Agora com 43 pontos, o Fluminense ocupa a 7° colocação e briga contra coríntias, Santos,  Palmeiras e Inter por um vaga no G6, lembrando que vai virar G7. Já o Flamengo que a semanas vem secando o líder São Paulo, quando finalmente o time paulista tropeça o Fla não aproveita, e agora ainda ver o Galo que joga hoje podendo abrir vantagem. 

Próximos jogos do Flamengo: 

Ceará – 10/01 – 16:00 hrs

Goiás – 18/01 – 20:00 hrs

Palmeiras- 21/01 – 19:00 hrs 

Próximos jogos do Fluminense

Corinthians – 13/01 – 21:30 hrs.

 Sport – 16/01 – 19:09 hrs.

Curitiba – 20/01 – 20:30 Hrs.

Fluzão empata com o Bragantino e deixa escapar o G4


Em jogo morno e sonolento Fluminense e Bragantino ficam empatados e jogo sem gol

Por: André Lucas

O tricolor carioca perdeu a chance de alcançar o G4. Uma Vitória contra o Bragantino colocava o time das Laranjeiras entre os quatro primeiros na tabela de classificação do brasileiro.  A equipe do Rio entrou em campo com o time misto, e não conseguiu criar jogadas, nem levar perigo ao gol do adversário.

Com o time cheio de meninos da base, como, por exemplo, o Calegari, André, Marcos Paulo e Martinelli, o Flu encontrou muitas dificuldades. Saída de bola, criação, marcação, distribuição, nada funcionou nessa segunda feira dia 30 de novembro, a falta de entrosamento e de  organização se destacaram como principal motivos da péssima partida. Além de reservas perdidos em campo, os titulares também não se encontraram, nenê não apareceu no jogo e foi um dos mais criticados dentro de campo.

 A temporada do Fluzão é cheia de altos e baixos desde o começo da temporada. Primeiro foi eliminado de forma precoce na Sul Americana, perdendo por causa de gols fora de casa. O primeiro jogo no Maracanã foi 1 a 1, no jogo de volta um empate sem gols no chile, que teve como consequência a eliminação na Sul Americana na primeira fase ainda em fevereiro, depois em julho fez um bom estadual e terminou com o título da Taça Rio em cima do rival Flamengo. Já em setembro, outra eliminação, agora o tricolor carioca caía de ante do modesto atlético goianiense, no agregado 3 a 2, mesmo fazendo 1 a 0 no Maracanã, tomou 3 a 1 em Goiânia no estádio olímpico. Atualmente o time vive uma boa fase no campeonato Brasileiro, ocupa a oitava colocação na tabela, com 36 pontos, os 2 pontos perdidos contra o Braga levava o time a 38 pontos e era o suficiente para alcançar a quarta colocação, o tão sonhado G4.

O objetivo do clube esse ano é o G6, e vem fazendo bem o seu papel para cumprir a meta. Nos últimos 12 jogos, o time ganhou 6, empatou 4 e perdeu 2, de 36 pontos o time carioca conquistou 22 pontos. A campanha pós pandemia é muito regular e pode levar o clube a libertadores o que seria ótimo para a torcida, para o clube atrair investidores e para os cofres tricolor. Só a colocação em 6 lugar no Brasileirão já traz 23,5 milhões de reais. O aumento da cota televisiva e a receita com bilheterias na copa Bridgestone Libertadores pode salvar o clube de um colapso financeiro, fora as premiações por passar de fase, só a Pré-Libertadores se passar as 3 fases são cerca de 8 milhões de reais, já a fase de grupo são mais 4 milhões(os três jogos em casa).

O Fluminense da continuidade a sua caminhada rumo ao G6 até 24 de fevereiro. Os três próximos jogos tricolor são: Atlético Paranaense, no sábado dia 5/12, às 19:00 no Maracanã; clássico contra o Vasco na segunda dia 14/12 ás 20:00 em São Januário; Atlético Goianiense sábado de 20/12 ás 17:00 no estádio olímpico. E tudo sobre o pós jogo desses confrontos vocês encontram aqui no Carvalho News.

Fogão irá completo para clássico com Flusão


Com a força máxima à disposição, Ricardo Gomes iniciou ontem os preparativos para o duelo com o Fluminense. Poupados de algumas atividades na semana passada, Luis Ricardo, Airton e Bruno Silva voltaram a treinar em General Severiano. O desgaste físico da equipe pesou na decisão do treinador de escalar nove jogadores reservas contra o Boavista. Jefferson e Ribamar foram os únicos titulares que começaram a partida.

No treino tático, Ricardo Gomes manteve o esboço da equipe-base com apenas nove peças: Jefferson, Luis Ricardo, Carli, Emerson, Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Gegê. Salgueiro, Neilton, Ribamar e Luis Henrique prometem uma acirrada disputa pelas últimas duas posições entre os titulares para o clássico.

Airton deve enfrentar o Fluminense Foto: Vitor Silva / SS Press
Airton pode voltar ao time contra o Fluminense
Foto: Vitor Silva / SS Press

Se depender de Fernandes, a definição das vagas continuará aberta. Autor do gol da vitória sobre o Boavista, o volante pretende semear a dúvida na cabeça do técnico alvinegro. Substituto de Bruno Silva, poupado devido a uma torção no tornozelo direito, Fernandes agradou.

“Nosso time foi bem, fui coroado com o gol. Foi muito bom voltar. Não chorei, mas fiquei bastante feliz. Cheguei a falar que estava com saudade. Eu posso ser titular, sim, pelo trabalho que estou fazendo, pelo jogo que fiz domingo, mas isso deixo para o professor. Não tem onze definidos, quem entrar tem que estar bem para fazer bons jogos”, disse Fernandes.

Depois de iniciar a temporada com 16 jogadores formados na base, o Botafogo decidiu apostar em outra joia: Victor Lindenberg, de 18 anos. O lateral-esquerdo foi promovido da equipe sub-20 para um período de experiência entre os profissionais.

Destaque da última edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, ele teve o contrato prorrogado até o fim de 2017 e aumenta as opções de Ricardo Gomes, que já conta com Diogo Barbosa e Jean para a lateral-esquerda.

Fluminense pode acertar com Jorge Macedo


No último sábado, o Internacional emitiu uma nota em seu site oficial anunciando o desligamento do gerente executivo do clube, Jorge Macedo, que ocupou o cargo na equipe gaúcha por dois anos.

jorge_macedo
Foto: Internacional

O provável destino do dirigente é o Fluminense, que afastou o diretor de futebol Fernando Simone, nesta semana, e busca alguém para a vaga. O Tricolor também efetuou as demissões do técnico Eduardo Babtista e do vice-presidente Márcio Bittencourt.

Se concretizada, esta será a segunda passagem de Macedo pelo clube carioca. Em 2010 e 2011, ele coordenou as categorias de base do Fluminense. O dirigente passou a tarde desta sexta-feira conversando com Peter Siemsen.

Em entrevista na última quarta-feira, o presidente do Flu comentou as prioridades na reformulação do clube. “O futuro do departamento? Vou comunicar nos próximos dias. O mais importante é decidir o diretor executivo e o treinador. Vou me pronunciar em breve”.