Nenê está em alta no Vascão


vasco

A boa fase de Nenê pelo Vasco pode ser comprovada em números. O camisa 10 cruzmaltino lidera nada menos do que cinco fundamentos nas estatísticas do Campeonato Carioca, com a curiosidade de, por exemplo, ter o maior número de finalizações certas e erradas.

O meia tem ainda mais assistências junto a Luis Ricardo, do Botafogo (4), cruzamentos certos (18) e dribles certos (8).

No caso das finalizações certas, chama a atenção a disparidade em comparação aos segundos colocados Gegê (Botafogo) e Gustavo Scarpa (Fluminense): 21 contra 13.

Com cinco gols, Nenê também é o segundo colocado no quesito assistências para finalizações e lidera um fundamento negativo: o de perda de posse de bola.

Técnico do Vasco, Jorginho ressaltou a contribuição que o esquema da equipe tem para esse bom momento do meia.

“O sistema é todo montado para que ele contribua. O Nenê é um jogador muito qualificado tecnicamente e seria uma burrice se as jogadas não passassem pelos pés dele. O mais importante é que ele busca o jogo e está sempre próximo da bola. Isso faz toda a diferença”, frisou.

Nenê concorda e destaca a obediência tática do elenco desde o fim de 2015.

“Nós entendemos o que ele queria desde o ano passado. Conseguimos manter a base, a intensidade, e cada jogo é uma final. Isso está sendo um trabalho muito bom. É uma soma de fatores. Ter essa consciência, a união no vestiário também é muito grande e isso faz a diferença”, disse o jogador ao Esporte Interativo.

Fogão e Vascão fazem jogo alucinante


No duelo dos grandes invictos no Carioca, Vasco e Botafogo permaneceram nesta condição. O Gigante saiu na frente com Riascos, mas Emerson fez um belo gol de falta e empatou a partida para o Glorioso. As duas equipes lideram os seus grupos e já estão classificadas para a segunda fase.

Na próxima rodada, o Vasco enfrenta o Bonsucesso para fechar a sua participação na primeira fase da competição. O Botafogo encara o Boavista. Inicialmente, ambas as partidas estão marcadas para domingo. (Fotos:Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 x 1 BOTAFOGO

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 28/2/2015, às 19h
Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior
Cartões amarelos: Luis Ricardo, Airton, Bruno Silva (BOT); Marcelo Mattos, Rodrigo, Andrezinho, Bruno Gallo (VAS)
Renda/Público: R$ 291.570,00 / 7.921 pagantes
Gols: Riascos, 15’/1ºT (1-0); Emerson, 42’/2ºT (1-1)

VASCO: Martin Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos (Bruno Gallo, 32’/2ºT), Julio dos Santos (Eder Luis, 13’/2ºT), Andrezinho e Nenê; Riascos (Thalles, 25’/2T) e Jorge Henrique. Técnico: Jorginho.

BOTAFOGO: Jefferson, Luis Ricardo, Carli, Emerson e Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva e Rodrigo Lindoso (Lizio, 38’/2ºT); Gegê (Salgueiro, 16’/2ºT) e Ribamar; Luis Henrique (Neilton, intervalo). Técnico: Ricardo Gomes.

Flamengo dá show


Flamengo vence Resende por 5X0 Foto: Gilvan de Souza
Flamengo vence Resende por 5X0 Foto: Gilvan de Souza

 

O Flamengo está garantido na próxima fase do Carioca. Para vencer o Resende, o Rubro-Negro só precisou pressionar os rivais no começo dos dois tempos. Com dois gols no início em cada etapa, a equipe da Gávea derrotou o time do Sul Fluminense, Sheik ainda fez mais um no fim e o Fla venceu a partida por 5 a 0 e garantiu a classificação para a segunda da competição.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 5 X 0 RESENDE

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Árbitro: Luis Antonio Silva dos Santos
Cartões amarelos: Guerrero (Flamengo) e Jeff Silva (Resende)
Cartões vermelhos: Não houve.
Público e renda: 7.605 pagantes / R$ 188.760,00
Gols: Emerson, 1’/1°T (1-0); Marcelo Cirino, 5’/1° T (2-0); Marcelo Cirino, 6’/2° T (3-0); Gabriel, 7’/2° T (4-0); Emerson, 38’/2° T (5-0)

Flamengo: Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Mancuello (Everton, 38’/1°T e depois Gabriel, no intervalo); Marcelo Cirino (Felipe Vizeu, 38’/2° T), Emerson e Guerrero. Técnico: Muricy Ramalho.

Resende: Arthur, Muriel, Lucão, Thiago Sales e Kim; Gustavo Moura, Léo Silva, Robinho e Marcel (Jeff Silva, 37’/2°T); Wandinho (Báez, 9’/2°T) e Borja (Jeferson Silva, 9’/2°T). Técnico: Ailton.