Concurso do IBGE tem inscrições prorrogadas


Marcelo Carvalho

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou nesta terça-feira (4/1), que as inscrições para os processos seletivos de contratação temporária para o Censo Demográfico 2022 foram prorrogadas até o dia 21 de janeiro. 

No total, são 206.891 vagas disponíveis em todo o Brasil, sendo 183.021 para recenseador, 18.420 para agente censitário supervisor (ACS) e 5.450 para agente censitário municipal (ACM). 

Em Minas Gerais, 853 cidades estão participando da contratação e são cerca de 21 mil vagas disponíveis, sendo 18.935 para Recenseador, 230 para ACM e 2.360 para ACS.

Conforme o IBGE, a data final da inscrição foi mudada para que mais pessoas se candidatem às vagas, principalmente para o cargo de recenseador. Até o momento, o instituto recebeu cerca de 650 mil inscrições nacionalmente e em média de 64,9 mil em Minas Gerais. 

As provas serão no dia 10 de abril e cada cargo terá horários diferentes. Dessa forma, um candidato pode se inscrever em mais de uma função. O resultado final será divulgado dia 20 de maio.

As inscrições são feitas no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Para se candidatar para Recenseador clique neste link. E para as outras vagas nesse link

Para se inscrever, o interessado deve pagar uma taxa: a de recenseador é de R$ 57,50; a de agence censitário é de R$ 60,50, e podem ser pagas até 16 de fevereiro. Candidatos que são inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) podem ser isentos de pagar a taxa. 

Salário

O agente censitário supervisor (ACS) recebe um salário de R$1.700 e o agente censitário municipal (ACM) terá uma remuneração de R$2.100. 

Já o salário do recenseador é calculado conforme a produção do trabalho. Mas é possível calcular uma média no site oficial do IBGE.