Itabuna: situação é preocupante com várias lojas inundadas


Rio Cachoeira transborda desabrigando inúmeras famílias e impedindo tráfego para outras cidades

Marcelo Carvalho

Rio Cachoeira subindo mais de nove metros, cerca de 600 famílias desabrigadas ou desalojadas, estabelecimentos comerciais invadidos pela água… Este foi o saldo das últimas chuvas que atingiram o Município de Itabuna (BA).

De acordo com a prefeitura, o volume do rio afetou todos os bairros que ficam próximos. No entanto, não há registros de feridos e desaparecidos. Mais de 10 prédios da cidade estão sendo utilizados para abrigos dos moradores.

Voluntários vêm sendo convocados para fazer revezamentos com funcionários do órgão, que trabalham há mais de 24 horas.

Saiba Mais

Temporais castigam sul baiano


Marcelo Carvalho

Itamaraju e Jucuruçu são as mais afetadas e decretaram calamidade pública

Os temporais vieram mesmo para ofuscar o brilho das celebrações natalinas na Bahia. A região sul do estado foi uma das mais castigadas, deixando um melancólico saldo de quase 4,2 mil desabrigados, 11,2 mil desalojados, além de 286 feridos e 17 mortos. Esses números são da Defesa Civil do estado.

Já a população atingida chega perto de 380 mil pessoas de 66 municípios. Entre eles, Ilhéus, Prado, Vitória da Conquista, Porto Seguro, Itamaraju, Floresta Azul, Ibicaraí, Itororó, Itabuna e Itapé.

Vale destacar, que a situação em Itamaraju e Jucuruçu está ainda mais crítica. Ambos os locais decretaram estado de calamidade pública. O fornecimento de água nestas cidades está interrompido por tempo indeterminado. Importante ressaltar que toda essa chuva tem a ver com o La Ninã, o fenômeno climático que deve permanecer influenciando o estado até os primeiros meses de 2022.

Saiba Mais

Vídeos de Itamaraju compartilhados pelo servidor público Sílvio Mendonça.

Vídeos de Floresta compartilhados pelo servidor público José Alves.