Rio São Francisco recebe operações do Cipe Semiárido


1e2ae304-7cdd-4c74-95f6-4989e3a54f04
Cipe em operação no Rio São Francisco Fotos: Alberto Maraux

Duas embarcações da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Semiárido ampliam o combate às práticas criminosas nas ilhas da região, do Rio São Francisco, entre as cidades baianas de Xique-Xique e Barra ganhou um parceiro especial nos últimos 547 dias.

Em um ano e meio foram oito criminosos presos em flagrante, quatro mortos em confronto, oito armas de fogo apreendidas, dois veículos roubados recuperados e oito ocorrências com localização de drogas.340198c9-b151-4fe9-8ca3-f7e45565b5c2

O comandante da Cipe Semiárido, major PM Carlos Maltez, contou que 10 policiais fizeram o curso de condutor de embarcações com a Marinha do Brasil. “Temos uma parceria importante no que diz respeito a treinamento e ações ostensivas”, destacou o oficial.

Lembrou que nas primeiras rondas ostensivas os moradores das ilhas ficaram surpresos. “Eles agradeceram e relataram que pela primeira vez a polícia colocava os pés, de maneira preventiva, nas localidades. Isso encheu a nossa tropa de orgulho, pois mostra a evolução da PM baiana”, enfatizou.

Marinha do Brasil abre concurso


A Marinha abre, nesta terça-feira, as inscrições do Concurso Público para Ingresso no Corpo Auxiliar de Praças (CPA-CAP). São 90 vagas para candidatos de ambos os sexos, que tenham concluído curso técnico de nível médio. É necessário ter entre 18 e 25 anos de idade, no dia 1º de janeiro de 2018. As inscrições ficarão abertas até 31 de agosto, pelo site da Marinha. A taxa de participação custa R$ 60.

As chances são para jovens com curso técnico em contabilidade, desenho de arquitetura, estatística, eletrônica, enfermagem, estruturas navais, gráfica, geodésia e cartografia, marcenaria, metalurgia, meteorologia, motores, processamento de dados e química.Marinha_do_Brasil_07102016120822

O processo seletivo terá prova de conhecimentos profissionais, redação, inspeção de saúde, teste de aptidão física e Verificação de Dados Biográficos. O candidato será matriculado no curso de formação como Praça Especial, no grau hierárquico de Grumete, e ao ser aprovado no curso, que terá a duração de até 17 semanas, será nomeado Cabo do CAP. O soldo dos grumetes é de R$ 936 e de cabo engajado de R$ 2.243.