Liquida Goiabeiras reúne ofertas, música e culinária


Marcelo Carvalho

Está acontecendo no bairro de Goiabeiras, em Vitória (ES) mais uma edição do “Liquida Goiabeiras Outlet“. O evento, que iniciou no último dia 8 e vai até o próximo domingo (12), faz parte do “Calendário Oficial de Eventos de Vitória”, sendo realizado nas ruas José Alves e José Vicente Rocha, em frente à faculdade Multivix, das 9 às 22 horas.

Sâo 2,5 mil metros quadrados, divididos entre 200 lojistas e expositores, que estarão vendendo produtos da moda masculina, feminina e infantil, artesanato, calçados, maquiagem e acessórios a preços acessíveis para a população, com descontos de até 80% nas mercadorias.

Mais oportunidades de emprego e negócios

A quarta edição do evento conta ainda com uma praça de alimentação completa, que terá o horário de funcionamento estendido todos os dias até as 23 horas e contará com 30 opções diferentes de alimentação.

A iniciativa das Associações de Moradores e de Empresários de Goiabeiras recebe apoio da Prefeitura de Vitória, por meio da Secretaria de Cultura (Semc) e da Companhia de Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Vitória (CDTIV).

“Esse evento vai gerar aproximadamente 800 empregos diretos e indiretos e será muito importante para os lojistas da região da Grande Goiabeiras, que tiveram os dois últimos anos muito difíceis devido à pandemia de Covid-19. Estamos apoiando o desenvolvimento e a recuperação econômica desse setor tão essencial para a economia da cidade, que são os comerciantes”, explicou o presidente da Companhia de Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Vitória (CDTIV), Evandro Figueiredo.

De acordo com a organização, a expectativa é que o “4º Liquida Goiabeiras Outlet” movimente aproximadamente R$ 2 milhões nos cinco dias de evento.

Atrações

Além de boas compras, o público poderá desfrutar de momentos de muita animação e música. A programação, elaborada pela Semc, inclui os mais variados ritmos entre samba, pagode, sertanejo, forró, pop e MPB.

“A realização desse evento, além de impulsionar a economia local, vai proporcionar lazer e entretenimento para a população, com uma vasta programação cultural”, afirmou o secretário municipal de Cultura, Luciano Gagno.

As atrações musicais se apresentam a partir das 17h.

Confira a programação:

10/06 – Sexta

17h – Dj Equipe Radical Mix

20h – João Medeiros

11/06 – Sábado
16h – Dj Equipe Radical Mix

18h – Paulo Bruni

20h – Vlad AKS

12/06 – Domingo

14h – Dj Equipe Radical Mix

16h – Velha Guarda Chegou o que Faltava (samba de Raíz)

18h – Bateria da Chegou o que Faltava (samba)

Serviço

4º Liquida Goiabeiras Outlet

Quando: 8 a 12 de junho de 2022 de 9 às 22h

Onde: ruas José Alves e José Vicente Rocha, em frente a faculdade Multivix – Goiabeiras Vitória

Entrada Franca

Rádio Carvalho News: entretenimento e informação em um só lugar


Isabelle Carvalho

Se você deseja encontrar música, notícias atualizadas e vídeos, a Rádio Carvalho News pode ser uma ótima opção para a sua rotina. Hoje em dia, existem diversos aplicativos e sites com esse tipo de serviço, mas dificilmente é possível encontrar um que agregue esses três conteúdos.

Na correria do dia a dia, sabemos o quanto é complicado parar para ler uma matéria ou assistir ao jornal na televisão. No entanto, é crucial nos dias atuais nos mantermos informados sobre acontecimentos diários da nossa cidade, país e mundo. Além disso, a rádio também conta com conteúdo sobre esporte. 

Você pode acessar o veículo através do site www.radiocarvalhonews.com.br ou baixar o aplicativo na play store do seu celular. A plataforma combina entretenimento e informação em um só meio. Enquanto você ouve suas músicas preferidas, pode se atualizar dos assuntos mais relevantes do dia. 

Ao acessar o link, você pode ter acesso à programação semanal. De domingo a sábado, você encontrará os programas “Adora Top”, “Diante do Altar”, “Estação Louvor”, “Gospel Hits”, “Para Adorar” (O melhor do gospel e da palavra do Senhor), “Review Gospel”, “Super Manhã”, “Café com Notícias”, “Mandou Bem” (As músicas mais pedidas de ouvintes de todo Brasil), “Music Pop” (O melhor do pop nacional e internacional), “Nitro Music”, “Jornal é Notícia” (notícias, previsão do tempo, esporte e muito mais), “Conexão Notícia” (as principais notícias do Brasil e do mundo), “Pop Play” (as 12 músicas mais tocadas do segmento pop), “Super Mais” (programa com conteúdo diversificado), “RCN Entrevista”, “Super Tarde”, “Super Hits”, “Retro Hits” (as músicas que foram sucesso em todo Brasil), “Sem Parar”, “Super 10” (os melhores sucessos do momento), “The Music of Time” (uma viagem pelas mais lindas canções para recordar os melhores momentos da sua vida)  e “Você que Manda”. 

Lá também estão videoclipes de variados gêneros musicais. A rádio consegue evocar os melhores elementos das rádios tradicionais para uma plataforma moderna e atualizada. Com ela, você terá acesso a vários tipos de conteúdos de qualidade a qualquer momento do seu dia. A programação diversificada pode te acompanhar em muitas atividades da sua rotina e também atrai diferentes públicos ao abordar múltiplos assuntos. Religião, atualidades, esportes e uma diversidade de músicas, tudo isso em um só lugar. 

Isabelle Carvalho é carioca, tem 27 anos, sendo graduada em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Também é graduada em Cinema. Além de possuir especialização em Jornalismo Cultural, é apaixonada por cultura, cinema, ciência e atualidades.

Roberto Carlos, Ritchie e o lado sombrio da indústria musical


Andie Carolina

O Rei da Jovem Guarda. O Rei da Música Popular Brasileira. O Maior Vendedor de Discos na História do Brasil. Esses são só alguns dos títulos ostentados por Roberto Carlos, ao longo de seus mais de 50 anos de carreira. E ser considerado um dos maiores ícones da indústria musical poderia garantir ao Rei uma bela autoconfiança e segurança de que ninguém poderia ultrapassá-lo em termos de popularidade, certo?

Errado! Mesmo com todos os motivos para não se incomodar nenhum pouco com o sucesso alheio, parece que o artista não gostou nenhum pouco do enorme sucesso conquistado por Ritchie nos anos 80 e fez de tudo para atrapalhar a carreira do cantor inglês.

Início da narrativa

 Os primeiros boatos de um boicote de Roberto a Ritchie surgiram em 2015, quando o jornalista André Barcinksi divulgou trechos de seu livro “Pavões Misteriosos: A Explosão da Música Pop no Brasil”.

Na obra, é relatado como o álbum Voo de Coração lançado em 1983, fez de Ritchie a maior sensação musical daquele momento no Brasil, o que incomodou bastante o intérprete de Amada Amante. O livro de Barcinksi relata que foi Tim Maia, durante uma entrevista à revista Isto É quem relatou que RC trabalhou nos bastidores da gravadora CBS Records para que um novo sucesso como Garota Veneno não se repetisse na carreira de Ritchie.

Para isso, Roberto que também era contratado da CBS Records, ameaçou sair da gravadora caso Ritchie continuasse a fazer parte do casting da empresa. Para não perder o maior nome de seu elenco e sem poder romper o contrato com o jovem inglês, os executivos da gravadora teriam decidido, então, boicotar as divulgações dos próximos dois álbuns de Ritchie, fazendo com que seus singles fossem pouco tocados nas rádios, passando despercebidos pelo grande público, o que logicamente, impactaria nas vendas dos LP´s.

Roberto Carlos e o velho Guerreiro Chacrinha. Foto: divulgação

Queda de Ritchie

Dito e feito. Enquanto o álbum de estreia Voo de Coração 1,2 milhão de cópias e lançou o megassucesso Menina Veneno, o segundo trabalho “A Mulher Invisível” vendeu 100 mil cópias e o terceiro e último pela CBS, Circular vendeu apenas 60 mil, números considerados baixos para um astro em ascensão. Além da baixa nas vendas, Ritchie também teve que lidar com boicotes em programas de televisão, notas tendenciosas por parte da imprensa e uma de suas maiores decepções: ficar de fora do Rock In Rio.

Recentemente, essa história voltou à tona. Em março deste ano, o compositor Arnaldo Brandão foi entrevistado no podcast Clemente. Durante a conversa, ao ser questionado sobre o suposto boicote de Roberto a Ritchie, ele confirmou a história de que o presidente da CBS Records na época, Thomaz Munhoz estava desesperado com as ameaças do Rei de sair da gravadora caso eles lançassem mais um álbum de sucesso para Ritchie. E para não desagradar a voz de Esse Cara Sou Eu, a gravadora teria desembolsado altas quantias para as rádios não tocarem os singles dos álbuns de Ritchie.

Para colocar mais lenha nessa fogueira, também durante um podcast, mais precisamente o Corredor 5, no Youtube, o cantor Fagner se irritou ao ver o compositor Michael Sullivan defendendo Roberto das acusações de perseguir outros artistas. Incomodado, ele se retirou do estúdio e disse nos bastidores que negar à perseguição do Rei aos colegas de profissão só poderia ser “uma brincadeira”.

Vale lembrar, no entanto, que Roberto Carlos ou sua equipe nunca fizeram nenhum comentário sobre este assunto. E que o cantor Ritchie, por sua vez, negou qualquer problema com o artista, afirmando que essa história é apenas mais um “grande mito” na carreira dos dois. Será?

Andie Carolina é graduada em Publicidade e Propaganda. E, apaixonada por música, séries, televisão e cinema. Instagram: @AndieCarolinaP

Meia Maratona do Descobrimento terá a participação de mais de 3 mil atletas


A 6ª edição da Meia Maratona do Descobrimento será realizada no próximo dia 24 de abril. A prova terá quatro distâncias:3k, 5k, 10k e 21k (corrida principal do evento), sendo disputada na orla norte. 

Porto Seguro será o ponto de partida, para correr e conhecer as primeiras páginas da História do Descobrimento Brasil. Além de passear, comer bem, ou simplesmente relaxar.

A Meia Maratona do Descobrimento terá a participação de mais 3 mil atletas inscritos e contará com a participação do cantor Marcos Val, recepcionando os atletas com sua banda. O aquecimento será ao som de muito axé e música baiana. “Venha você também fazer parte dessa festa ao som de Marcos Val”, convida o cantor.

Governo da Bahia lança o Fazcultura


Marcelo Carvalho

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) abre, a partir desta terça-feira (08/02), as inscrições para o Programa Estadual de Incentivo ao Patrocínio Cultural (Fazcultura). Propostas culturais podem ser apresentadas até 1º de dezembro de 2022, pelo Sistema de Informações e Indicadores em Cultura (SIIC), disponível no endereço https://siic.cultura.ba.gov.br/. O Sistema é simples e auto-explicativo. Após a inscrição o proponente receberá um e-mail automático, certificando a inscrição.

🎯 O Governo da Bahia assegurou por mais um ano 15 milhões de reais para o Fazcultura, o documento foi assinado pelo governador Rui Costa no dia 25 de janeiro de 2022. A legislação do programa aprova o patrocínio de propostas de qualquer segmento cultural, realizadas por pessoas físicas ou jurídicas sediadas no estado da Bahia. A iniciativa tem gestão compartilhada entre a Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) e SecultBA.

💰 A iniciativa, através de incentivo fiscal concedido pela Lei n° 7.015, de 09/12/1996, tem por objetivo promover as atividades culturais mediante parceria entre o poder público estadual – que disponibiliza até 80% dos recursos advindos da renúncia fiscal do ICMS (Imposto de Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) e a iniciativa privada. Pessoas Jurídicas no Estado da Bahia, contribuintes do ICMS, podem financiar propostas culturais em qualquer segmento, com benefício fiscal de até 80% do valor total do projeto. Para receber o abatimento, é necessário que a empresa patrocinadora contribua com recursos próprios equivalentes a, no mínimo, 20% dos recursos totais transferidos à proposta.

SecultBA #CulturaqueMovimenta #EditaisdaCultura #ProducaoCultural #LeideIncetivoCultural #GovBA #Bahia

Bebê que foi capa do disco ‘Nevermind’ processa Nirvana por exploração sexual


Spencer Elden está pedindo uma indenização de US$ 150 mil

Thais Paim

Spencer Elden, que apareceu aos 4 meses de idade na capa do disco “Nevermind”, do Nirvana, está processando a banda e afirma que foi explorado sexualmente quando ainda era criança. A notícia tem provocado uma grande polêmica entre os fãs.  

O jornal “The Guardian”, afirmou que o processo aberto na Califórnia, nos EUA, cita diversas partes e conta com 15 réus, incluindo membros da banda, Courtney Love – viúva de Kurt Cobain -, e a gravadora que lançou e distribuiu o disco nas últimas três décadas. O álbum foi lançado em 1991.

Spencer Elden, que atualmente tem 30 anos, pede uma indenização de US$ 150 mil (cerca de R$ 787 mil) de cada uma das partes e quer que seu caso seja analisado por um júri.

Sobre o caso 

Os advogados de defesa alegam que houve “exploração sexual infantil comercial, desde quando Elden era menor de idade até os dias atuais”. Ainda segundo eles, a imagem fez com que Elden se assemelhasse a “um trabalhador do sexo – agarrando-se por uma nota de um dólar”.

No processo, Elden alega produção de pornografia infantil com sua imagem, que o mostra nadando nu em direção a uma nota de um dólar. Segundo ele, sofreu danos permanentes com a capa, incluindo “sofrimento emocional extremo e permanente com manifestações físicas”.

O processo cita também que Elden nunca foi pago para aparecer na capa e que seus pais não assinaram uma autorização de direito de imagem. 

História da foto

“Nevermind” foi lançado em 24 de setembro de 1991 após diversos ensaios para definir quem seria o bebê da foto. Apesar de Elden ter sido o escolhido, tinha mais meninas nos testes — e o pai do eleito era amigo do fotógrafo.

A foto foi feita especialmente para a capa. Informações prévias davam conta de que os pais de Elden receberam US$ 250 na época para o ensaio exclusivo.

           

De novo na piscina

Em 2008, o site da MTV norte-americana divulgou uma foto de Spencer Elden, então com 17 anos, repetindo a imagem da capa. Elden voltou a mergulhar em uma piscina atrás de uma nota de um dólar, mas, desta vez, usando um calção de banho.

Na época, Elden disse que “era estranho pensar que tanta gente já me viu pelado – me sinto como a maior estrela pornô do mundo”.

Fonte: G1