Site revela que pesquisadora encontrou carta de Bolsonaro em páginas neonazistas


Informação tem provocado grande repercussão nas redes sociais

Thais Paim

A internet tem sido tomada nos últimos dias por uma descoberta feita pela antropóloga Adriana Dias. O motivo? Enquanto fazia uma busca sobre a movimentação de grupos neonazistas no Brasil, a pesquisadora encontrou, por acaso, uma carta assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicada em sites do movimento neonazista, em 2004.

“Vocês são a razão da existência do meu mandato”, diz trecho do conteúdo – mas não fica claro se a referência é aos integrantes dos sites ou o texto foi publicado apenas como referência a alguém de quem gostavam. A informação foi divulgada pelo site The Intercept Brasil.

Descoberta

Doutora em antropologia social, Dias já imprimiu milhares de páginas de dezenas de sites neonazistas em língua portuguesa – isso antes de derrubá-los para sempre. Sempre que encontra um desses sites, ela pede aos provedores para que o conteúdo seja tirado do ar. Antes, no entanto, imprime todas as páginas para arquivar em sua pesquisa e tê-los como prova.

“Eu abri em uma página aleatória e ali estava o nome de Jair Bolsonaro”, revela a pesquisadora ao The Intercept.

De acordo com ela, três sites diferentes de neonazistas trazem um banner com a foto de Bolsonaro – com link que leva diretamente ao site que o político tinha na época – e uma carta em que o parlamentar afirmava: “Ao término de mais um ano de trabalho, dirijo-me aos prezados internautas com o propósito de desejar-lhes felicidades por ocasião das datas festivas que se aproximam, votos ostensivos aos familiares”.

E continuava: “Todo retorno que tenho dos comunicados se transforma em estímulo ao meu trabalho. Vocês são a razão da existência do meu mandato.”

A reportagem não conseguiu descobrir se Bolsonaro enviou a carta, via gabinete em Brasília, apenas para as pessoas que administravam os sites neonazistas.

Fonte: Metrópoles