Google leva processo por monopólio ilegal em buscas e anúncios on-line


A situação do Google pode se complicar daqui para frente. O Departamento de Justiça dos Estados Unidos entrou com processo contra a mega empresa, acusando-a de manter um monopólio ilegal sobre buscas e anúncios. Trata-se do maior desafio legal do governo americano relacionado a uma empresa de tecnologia em uma década, de acordo com funcionários da agência.

No processo, o governo americano acusa o Google de manter ilegalmente seu monopólio sobre a pesquisa por meio de vários contratos comerciais exclusivos e acordos que impedem a concorrência, disseram os funcionários. que não foram autorizados a falar oficialmente, segundo fontes com conhecimento do assunto.

Tais contratos incluem o pagamento de bilhões de dólares pelo Google à Apple para colocar o mecanismo de pesquisa do Google como padrão para iPhones.

Os criadores do Google Larry Page_e_Sergey Brin
Os criadores do Google Larry Page_e_Sergey Brin. Foto: divulgação

A agência argumentará que o Google, que controla cerca de 80% das consultas de pesquisa nos Estados Unidos, fechou acordos com fabricantes de telefones que usam o sistema operacional Android, da Alphabet, para pré-carregar o mecanismo de pesquisa em seus telefones e dificultar a entrada de mecanismos de pesquisa rivais.Segundo o Departamento de Justiça, ao usar contratos para manter seu monopólio, a competição e a inovação foram prejudicadas.

O processo reflete a resistência contra o poder das maiores corporações do país, especialmente gigantes da tecnologia como Google, Amazon, Facebook e Apple. Conservadores como o presidente Trump e liberais como a senadora Elizabeth Warren têm criticado fortemente a concentração de poder em um grupo restrito de gigantes da tecnologia.

O processo pode se estender por anos e desencadear uma enxurrada de outros processos antitruste apresentados por procuradores-gerais estaduais. Cerca de quatro dezenas de estados e jurisdições conduziram investigações paralelas e devem trazer queixas separadas contra o controle da empresa sobre a tecnologia para publicidade on-line.

 

Maju irá processar ex-diretor de TV Rodrigo Branco por racismo


O ex-diretor de TV Rodrigo Branco irá responder na Justiça sobre os comentários racistas que fez durante uma live no Instagram com a influenciadora digital Ju de Paulla, na noite de segunda-feira. Maria Júlia Coutinho, apresentadora do ‘Jornal Hoje’, já acionou seus advogados para avaliar a possibilidade de processar o rapaz.
Os administradores das redes sociais de Thelma Assis, participante do ‘BBB 20’, já se manifestaram avisando que vão tomar medidas cabíveis em defesa da sister. A médica e a apresentadora Maria Júlia Coutinho foram alvos diretos dos comentários do ex-diretor da Band.
Entre outras atrocidades, Rodrigo disse que “torcer por Thelma é racismo”, e que sua torcida existe apenas porque “ela é negra, coitada”. E ainda completou: “É a mesma coisa que falo da Maju Coutinho. Ela é péssima, é horrível. Eu assisti hoje e ela fala tudo errado. Ela só está lá por causa da cor”, afirmou. “Ela não tem uma carreira, ela nunca foi repórter de campo, ela fala tudo errado e eu como diretor de TV, vou te falar, ela lê o TP errado”, afirmou Rodrigo na conversa. Depois, ele gravou um vídeo pedindo desculpas pelas coisas que disse. Após várias denúncias, o Instagram derrubou a conta de Rodrigo Branco na tarde de ontem.

Brunet faz desabafo após perder processo contra Parisotto


O mundo caiu para a ex-modelo e empresária, Luiza Brunet. Ela perdeu na Justiça uma ação que movia contra seu ex “namorado”, o bilionário Lírio Parisotto. Luiza, que queria reconhecimento da união estável usou o seu Instagram para se pronunciar. Pasmem: No processo, Brunet pedia R$ 100 milhões ao empresário, que segundo o colunista Leo Dias, do jornal O Dia, correspondem a metade dos bens ganhos por ele durante o período em que o casal ficou junto. Segundo a Forbes, Parisotto tem uma fortuna estimada em 1.43 bilhões de dólares.

Os dois namoraram de 2012 a 2014 e depois de uma pausa, voltaram a se relacionar no começo de 2016. Meses depois, a atriz terminou o relacionamento e acusou o empresário de agressão. Com a decisão, Luiza terá que pagar as custas do processo. Segundo estimativas, o valor beira 1 milhão de reais.

Veja o desabafo Luiza Brunet!

“Bom dia! Nunca fugi do meu papel de pessoa pública. Foi assim desde que me lancei na moda, com minha biografia, as reportagens e redes sociais. Com todos os ônus e bônus que isso traz para a vida pessoal. E foi tornando pública uma parte triste da minha vida pessoal que me deu uma visão transformadora da minha própria trajetória. Ter sido agredida por um homem, ter tido a coragem de denunciar e ajudar mulheres no Brasil e no mundo a tomar esse tipo de iniciativa, me orgulha demais. E exigir meus direitos nesse processo é algo que não abro mão. Meus advogados vão recorrer da decisão do Tribunal de Justiça por não ter reconhecido a união estável com o empresário que me agrediu. A sentença não reflete as provas e eu continuo acreditando na justiça. E agradeço a manifestação de apoio de todos vocês, disse ela.

Anitta pode ter que pagar R$2,8 milhões de multa


A situação da cantora Anitta pode se complicar. O advogado de Kamilla Fialho, ex-empresária da cantora, acaba de entrar com um pedido na Justiça do bloqueio de bens e do passaporte da cantora. No último dia 16 de outubro, o desembargador Adolpho Andrade negou o recurso de Anitta no processo movido por Kamilla, que pede indenização de R$ 2, 8 milhões por multa de quebra de contrato. “Rejeitou impugnação a laudo pericial e determinou a realização de depósito complementar a título de multa contratual”, diz trecho do texto sobre a decisão. A Justiça determinou o pagamento imediato desse valor.

“Entramos com um pedido de bloqueio de bens e do passaporte que será apreciado pela Justiça. É uma forma de garantir o pagamento da multa porque o prazo já passou. É o que eu posso fazer como advogado para que o depósito seja feito. Segundo a lei, o juiz pode usar de todos os meios para exigir o pagamento, pode requerer medidas coercitivas, como o bloqueio também do passaporte”, diz Leonardo Gomes da Silva, advogado de Kamilla Fialho, que aguarda para logo a decisão: “A previsão é que saia na semana que vem”.

anitta2
Anitta Foto: divulgação

Em nota, os advogados da cantora disseram que “O pedido feito pelos advogados da K2L ainda não foi julgado. De qualquer forma, ele é incabido, uma vez que o recurso negado ainda cabe apelação e é nisso que estamos trabalhando no momento. A hipótese de Anitta estar desrespeitando qualquer medida judicial esta fora de cogitação. Ela sempre colaborou com o processo e assim seguirá.”

Vale lembrar, que Anitta e Kamilla Fialho brigam na Justiça desde 2014, quando a cantora decidiu romper com a empresária e começar a gerenciar sua própria carreira. Kamilla era empresária da cantora quando ela estourou no país inteiro com “Show das Poderosas”.

Chances de cassação de Temer aumentam


michel-temer-by-lula-marques
Presidente Michel Temer: na berlinda

O processo que pode levar à cassação do mandato do presidente Michel Temer já tem 15 000 páginas e reuniu evidências que não deixam margem a dúvida: dinheiro sujo, oriundo de múltiplos esquemas de corrupção, foi usado para reeleger Dilma Rousseff (PT).

Parte dessas transações já foi amplamente mapeada pela Lava Jato. A outra parte vai complicar a situação do peemedebista no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que julgará ação que pede a cassação da chapa.

O relator, ministro Herman Benjamin, decidiu requerer ao Supremo Tribunal Federal (STF) cópias dos depoimentos dos executivos da Odebrecht tão logo suas delações sejam homologadas. Pelo que já foi revelado, sabe-se que a empreiteira, além de comprometer Dilma e os petistas, relatou ter feito doações clandestinas ao PMDB, a pedido de Temer. Os dois partidos, portanto, teriam se beneficiado fraternalmente do mesmo dinheiro ilegal, alcançado os mesmos benefícios e praticado os mesmos crimes eleitorais. O conjunto das evidências de irregularidades ganhou um potente anexo na semana passada.

Em relatório ao TSE, a Polícia Federal disse que parte dos valores desembolsados a gráficas pela chapa não resultou na prestação de nenhum tipo de serviço. O dinheiro teria sido desviado para pessoas físicas e jurídicas “em benefício próprio ou de terceiros”.

José de Abreu está uma fera com Fabíola Reipert


O ator José de Abreu está revoltado com a postura da TV Record. Tudo começou porque a jornalista Fabíola Reipert publicou uma matéria falando sobre a vida pessoal do artista, que se separou recentemente de Priscila Petit. A cineasta preferiu não estender seu casamento com o ator, que nos últimos tempos esteve metido em polêmicas como a da “cusparada” e da Lei Rouanet. Petit e Abreu tinha um relacionamento desde o ano de 2015 e confirmaram o divórcio na última semana. Fabíola disse ainda que Zé teria se separado por descobrir que a ex recebeu uma pequena fortuna do antigo marido, cerca de R$ 600 mil.

Uma fonte da jornalista teria dito que o ator está precisando de dinheiro para pagar uma multa relativa a um projeto da Lei Rouanet. O Ministério da Cultura diz que viu irregularidades na turnê do ‘Fala, Zé’, solicitando a devolução de R$ 300 mil aos cofres públicos. Abreu, de acordo com Reipert, sentiu-se traído. Já Priscilla queria fazer uma surpresa para o marido, mas não teve tempo.

O profissional da dramaturgia disse que Fabíola era uma “canalha” e que a TV Record, caso insistisse em falar “merda” dele, seria processada. Os relatos de José foram feitos através do Twitter. “É a única madeira de me terem na emissora dos exploradores do povo brasileiro”, disse Abreu sobre o fato de ter seu divórcio exibido durante o ‘Balanço Geral São Paulo’. Fabíola comanda na atração o ‘Hora da Venenosa’, um dos quadros de maior audiência da Record.

Ze de abreu
José de Abreu Foto: divulgação

Segundo José, ele está processando alguns veículos de comunicação, como a Revista Veja. O ator contou que a publicação teria publicado inverdades sobre ele e disse que ela seria “coxinha”.

No ano que passou, o artista teve o seu nome marcado por diversas polêmicas. Uma delas foi uma briga em um restaurante japonês de São Paulo. Ele cuspiu em um casal que jantava. Na época, o ator disse que ele e sua agora ex-esposa foram ofendidos. Entrevistado por Fausto Silva, o famoso disse que não se arrependia de seus atos. #Entretenimento

Renato Aragão perde processo em segunda instância


Renato Aragão (Didi Mocó) perdeu mais um round na disputa judicial milionária movida pela atriz Fernanda Brasil, que interpretou a protagonista do filme ‘A Filha dos Trapalhões’, lançado em 1984 pela Renato Aragão Produções Artísticas. No processo de número 0325301-19.2010.8.19.0001, Fernanda, hoje com 36 anos, pede indenização sobre os direitos de imagens, já que o longa foi relançado diversas vezes. O processo envolve ainda a Europa Filmes, a TV Globo e a Infoglobo.

renato_didi
Foto: divulgação

Na apelação, Fernanda ganhou em segunda instância uma indenização por danos morais no valor de R$ 20 mil, com juros e correção desde agosto de 2014. O valor a ser pago referente aos danos materiais ainda vai ser calculado por um perito judicial. A indenização deve passar de R$ 1 milhão, mas ainda cabe um recurso. “Decidi entrar na Justiça no dia em que um amigo me deu um DVD deste filme de presente e disse a seguinte frase: ‘Você deve estar rica, hein’. Aí, eu cheguei à conclusão de que não poderia mais ficar parada”, disse Fernanda Brasil à coluna.