Veja quem foi a dupla vencedora da primeira prova do BBB 21


Vitória garante imunidade para um dos participantes 

Thais Paim

Na estreia do programa, dia 25, Tiago Leifert tinha anunciado que a vitória na primeira prova garantiria a imunidade. Para Nego Di e Lucas Penteado, vencedores do desafio, essa é uma ótima notícia. Apesar da conquista, só um dos dois podia ficar com o cordão da imunidade. 

Na área externa da casa, no jardim, havia duas caixas, uma estava com o colar e a outra com um PlayStation 5. Lucas escolheu a caixa certa e se livrou do primeiro paredão. Além de Lucas, outros seis participantes também estão imunes no paredão que será formado no próximo domingo (31): Projota, Fiuk, Juliette Freire, Lumena Aleluia, Viih Tube e Arthur Picoli.

Sobre a prova 

A primeira prova do reality foi feita em duplas e teve duração de nove horas e acabou já de manhã. Cada dupla deveria ficar de pé em uma base estreita. Conforme a campainha tocasse, um integrante precisava descer da estrutura e completar um circuito em, aproximadamente, 30 segundos. Caso o jogador não voltasse para o ponto inicial ou colocasse uma peça errada, a dupla era desclassificada. 

O desafio não começou com muita sorte para a dupla Caio e Rodolffo, que acabou sendo a primeira eliminada. Logo em seguida foi a vez de Carla Diaz e Camilla de Lucas que também não acharam o produto indicado. A terceira dupla eliminada da disputa foi Karol Conká e Arcrebiano.  A quarta dupla a deixar a prova foi Thaís e João Luiz. Logo depois, foi a vez de Pocah e Kerline deixarem a disputa após mais de sete horas.

As duplas que disputaram a final foram Lucas Penteado e Nego Di e Sarah Andrade e Gilberto Nogueira. Lucas e Nego venceram após Sarah depositar o produto errado no escaninho. O objeto correspondente era uma caixa de som bluetooth, mas a sister entregou uma mochila. 

Conheça a brasileira que tem sido alvo de ataques no ‘BBB da Itália’; torcidas têm se mobilizado


Modelo conquistou simpatia dos brasileiros

Thais Paim

Apesar da distância, uma brasileira do outro lado do Atlântico: Dayane Mello tem ganhado as redes sociais e o gosto dos brasileiros ao ter polêmicas envolvidas com seu nome em um reality show. 

Gran Fratello Vip, espécie de Big Brother da Itália, já levou a brasileira 8 vezes para a berlinda. Mas a perseguição sofrida por ela não está apenas nas indicações. Comentários misóginos e xenofóbicos, também fazem parte da revolta das torcidas brasileiras. 

Recentemente começaram a circular, nas redes sociais, vídeos em que os participantes do reality fazem comentários sobre ela. Em uma ocasião, ao ver a roupa que a brasileira estava vestindo, Francesco Oppini, um dos participantes, disse:

“Em Verona (cidade italiana), ela seria estuprada”, disse. Ao perceber o desconforto do outro brother, ele acrescentou: “Mas no bom sentido”, como se tivesse “bom sentido”.

Esse e outros comentários provocaram uma disputa entre os telespectadores brasileiros e italianos. 

Inconformados com o tratamento dado à modelo, os brasileiros subiram a tag “Dayana Merece Respeito” no Twitter, que se tornou um dos assuntos mais comentados da rede social no Brasil. Foi também esse apoio que resultou em 8 retornos dos paredões do reality. 

Agora, esse apoio parece ter provocado uma briga entre brasileiros e italianos. Revoltados com o fato de que alguns dos seus “queridinhos” foram eliminados, eles prometem revidar a situação. Em uma postagem da Globo sobre o BBB 21 no Twitter, eles ameaçaram sabotar os paredões do programa, previsto para estrear em 25 de janeiro. 

“Brasileiros, viemos para desfazer cada casal”, comentou um italiano. “Estarei com a lista de seus favoritos em mãos, pronto para tirá-los um por um”, publicou outro. 

História cheia de dificuldades 

Mesmo não sendo famosa no Brasil, Dayane Mello já é conhecida entre o público italiano. Antes do Gran Fratello VIP, ela participou de outros quatro reality shows, entre eles o Monte Bianco, versão italiana do Dança dos Famosos, e o Ilha dos Famosos, que lembra o nosso No Limite. 

Durante sua participação no programa, a modelo revelou detalhes sobre sua infância, que ela diz ter sido pobre e marcada pela ausência da mãe. Natural de Joinville, Santa Catarina, ela tem 31 anos e trabalha como modelo desde os 16.

“Minha mãe teve 10 filhos. Morávamos em uma pequena casa com três outros irmãos e ficávamos sem comer por uma semana. Ela era uma prostituta. Vivíamos cheios de piolhos, sujos e magros”, contou ela. 

Além disso, Dayne contou que chegou a roubar supermercados para ter o que comer. “Lembro-me vagamente de que minha mãe vinha uma vez por semana, cada vez com um homem diferente, e nos trazia comida. Depois foi embora”, acrescentou.

Aos 17 anos, ela se mudou para o Chile, onde começou a fazer trabalhos internacionais. Em 2014, ela foi para Milão e desde então já participou de campanhas publicitárias, videoclipes e programas de televisão. Dayane é mãe de Sofia, de seis anos, fruto de seu relacionamento com o também modelo Stefano Sala.

Advogados de Dani Calabresa pedem que Ministério público investigue o caso


Outras duas mulheres foram até a Ouvidoria da Mulher denunciar Marcius Melhem por assédio sexual

André Lucas

As acusações de assédio só vieram a publico em dezembro do ano passado em uma reportagem do portal UOL afirmou que Marcius Melhem, ator e diretor da parte de humor da emissora Rede Globo de televisão, estava sendo acusado de assédio moral por  diversas atrizes Globais. 

As notícias de assédio sexual vieram depois , a revista  Piauí, em uma super reportagem assinada pelo jornalista João Batista Jr, ouviu 43 pessoas que estavam envolvidas no caso. Duas delas se dizem vítimas de assédio sexual, sete, de assédio moral; e três, dos dois tipos de assédio: moral e sexual. 

Um dos casos relatados por uma das moça que mais chamou a atenção, foi num bar no Rio de Janeiro em 2017 em uma festa de confraternização da equipe do zorra total. Nessa ocasião o ator e diretor teria tentado beijar a atriz Dani calabresa 2 vezes, uma no palco do karaokê, em quanto o elenco do zorra brincava o Marcius tentou agarrar a atriz, a segunda tentativa foi na porta do banheiro quando a atriz saía do banheiro, Melhem agarrou ela segurou seus braços e tentou beijar a boca dela, Dani fechou os lábios e virou o rosto, mas deu tempo do diretor de humor lamber a Buchecha dela e ainda botar a genital para fora das calças.  Dani diz que conseguiu sair de perto dele e foi para o salão do bar, onde se encontrou com os colegas de profissão e teve um crise de choro. Em uma entrevista a CNN a atriz disse:

“Escutei longamente as vítimas, eu escutei os seus relatos e o que eu posso dizer é que Marcius Melhem foi um chefe que instrumentalizou a sua posição hierárquica para coagir suas funcionárias, que tomou sim as atitudes de coração, de prejudicar a carreira delas, de se vingar quando era rejeitado, e de usar sua posição hierárquica pra assediá-las sexualmente. Ele chegou a ser violento em alguns episódios”

Os advogados de Dani Calabresa pedem que o ministério publico investigue o agora ex ator e diretor da Globo por crimes sexuais, e que a atriz seja indenizada após ser constrangida pelas conversas em mensagem e áudio vazadas pelo ex diretor do núcleo humorístico da Globo.      

Melhem reuniu e divulgou diversas mensagens e áudios de conversas entre 2017 e 2019,para mostrar a relação de amizade que existe entre eles. “Estou mostrando coisas que expõem a relação amistosa que temos. Não é expor uma suposta vítima. Estou mostrando que eu e a suposta vítima tínhamos uma relação no período que a revista diz que ela estava traumatizada comigo. É só para contrapor uma narrativa falsa” disse o ex ator e diretor.

Nesta terça feira dia 22 de dezembro, outras duas atrizes que se dizem vítimas de assédio foram prestar depoimento na ouvidoria das mulheres no conselho nacional do ministério público. Elas foram ouvidas pela promotora Gabriela Manssur sobre as denúncias de crimes sexuais feitas contra ele.  

Marcius Melhem teve a oportunidade de se defender, em entrevista na rede Record de televisão:

“Se isso tivesse mesmo acontecido, a festa teria acabado. Imagina, uma atriz que sai chorando e é amparada por colegas. Não existiu nada, a gente brincou no palco e até aí tudo bem. Se você olhar o grupo de atores no dia seguinte, todos estão apenas comemorando. Eu e Dani trocamos mensagens. Não teve nenhum constrangimento. O que aconteceu comigo e Dani Calabresa só falo na Justiça, porque não vou expor ninguém. Eu nunca agarrei a Dani. Essa narrativa não é nem fantasiosa, ela é falsa. Eu nunca imobilizei ninguém na vida, é essa descrição que está me causando problemas. Eu nem sei quantos braços eu tenho para agarrar, bater a cabeça de alguém na parede e abrir o zíper”.

Teatro: muito mais que uma forma de entretenimento


Em pleno, Dia Nacional do Teatro, atores refletem sobre sua paixão por esse tipo de arte e a importância da mesm para a sociedade.

O diretor Anselmo Soares Farias Foto: divulgação
O diretor Anselmo Soares Farias Foto: divulgação

Uma das manifestações artísticas mais antigas da humanidade está sendo homenageada hoje: o teatro! Esta forma de arte surgiu na Grécia Antiga, sendo muito importante para o desenvolvimento da cultura grega, servindo inclusive de influência e inspiração para outros povos da antiguidade, principalmente os romanos.

Em terras brasileiras o teatro surgiu no século XVI, com o objetivo de espalhar a crença religiosa. Só em 1808, com a chegada da Família Real Portuguesa, que o teatro passou a ser visto como uma forma de entretenimento. Para se ter uma ideia, naquela época era hábito os reis convidarem companhias de teatro estrangeiras para fazer as suas apresentações para a nobreza.

Em seu projeto de pesquisa, realizado para a Universidade de Brasília – Instituto de Artes Cênicas, o ator, diretor e produtor cultural, Anselmo Soares Farias analisa que, embora tenha se originado como uma expressão acessível de identidade cultural, em tempos recentes o teatro passa a ter um corte socioeconômico que não é uma característica sua, mas de todas as demais expressões artísticas. “Não somente as plateias são selecionadas a partir de sua capacidade de pagar para ter acesso a grandes espetáculos com grupos e atores renomados; como também uma parcela considerável de pessoas só tem acesso ao teatro por meio de grupos amadores que atuam de forma mambembe, despendendo esforços que vão desde sua organização até a produção”, declara Farias.

Elyan Lopes(E) na peça Três Reportagens Malditas, de Plínio Marcos. Foto|: divulgação
Elyan Lopes(E) na peça Três Reportagens Malditas, de Plínio Marcos. Foto: divulgação

Mas, quem apenas assiste a uma apresentação teatral talvez nem imagine os desafios que são enfrentados para que uma peça, finalmente, entre em cartaz. O ator e quadrinista, Elyan Lopes sabe bem o que é isso. “É sempre muito difícil encontrar empresas dispostas a investir nesse tipo de projeto”, lamenta.

O ator Frank Araújo. Foto: divulgação
O ator Frank Araújo. Foto: divulgação

Segundo o ator, que fez este ano uma participação na novela “Malhação” da Rede Globo, uma das estratégias utilizadas é buscar o apoio logístico de pequenas empresas como, por exemplo, restaurantes e lojas que vão oferecer itens de figurino. “Pequenos empresários são mais receptivos a esse tipo de parceria”, avalia Lopes.

Para muitos, a paixão pelo teatro é algo difícil de se explicar com palavras. “O teatro é algo magnífico. Ele faz a gente se desenvolver todos os dias, despertando emoções diversas. Você pode ter 15, 20, 30 anos, mas a cada apresentação que faz é uma emoção diferente”, declara o ator Frank Araújo.

Segundo Araújo, que também é modelo e empreendedor, o teatro é uma espécie de terapia, que prepara o indivíduo para qualquer situação da vida. “O teatro é vida, é alma, é uma sementinha que é plantada diariamente por quem representa”, finaliza.

O teatro é uma das manifestações artísticas mais completas e encantadoras. Nós do Carvalho News parabenizamos a todos os profissionais que contribuem para que o espetáculo literalmente aconteça: figurinistas, coreógrafos, aderecistas, iluminadores, cenógrafos, auxiliares de camarins, atores, atrizes, diretores…

Regina Duarte é alfinetada por artistas e atacada por Olavo de Carvalho


Regina Duarte definitivamente vem atravessando um logo “inferno astral”. A ex-namoradinha do Brasil vem defendendo abertamente todas as atitudes e posicionamentos polêmicos do presidente Jair Bolsonaro. E, em contra-partida, vem sendo detonada em todas as redes sociais. Até mesmo os aliados do “Mito”, como por exemplo o astrólogo Olavo de Carvalho, também não apoiam a presença da atriz no governo.

Recentemente, a atriz Julia Lemmertz reagiu a uma postagem feita pela ex-colega da Globo na manhã desta quinta-feira (02/04). Regina, que é a atual secretária de Cultura do governo Bolsonaro compartilhou uma imagem do presidente no Instagram. “Triste realidade. Bolsonaro enfrenta uma barreira para governar, enquanto governos anteriores tiveram liberdade para roubar e para saquear nosso país. Eu apoio Bolsonaro”, escreveu na foto.

Em uma entrevista para a Rádio Jovem Pam, o astrólogo afirmou que a atriz interpretou de maneira errada o ambiente da secretaria ao assumir o comando da pasta. “Ela chegou falando de tirar a ala ideológica da secretaria. A Regina Duarte está gagá. Usou o termo ‘facção’. Facção é a p…. Ela nem veio procurar diálogo comigo”, relatou.

Olavo que já tinha elogiado Regina Duarte, mostrou arrependimento. “Eu a recomendei. O presidente me deu a honra de perguntar o que eu achava dela. E eu disse que achava uma boa pessoa. Eu recomendei a desgraçada. E ela vem me dizer que estou querendo tirar o cargo dela. Não, ajudei a dar o cargo. Mas ela não sabe nada e sai falando do que não sabe”, afirmou. #CarvalhoNews_Oficial #ReginaDuarte #OlavodeCarvalho