Enfrentamento à violência contra as mulheres na Bahia: conheça o roteiro das Unidades Móveis no mês de junho


UnidadeMovel_LaurodeFreitas_130416_CreditoDanieleSilva_05Durante o mês de junho, as Unidades Móveis seguem realizando atendimentos no estado da Bahia. Após marcar presença nos municípios de Ibirapitanga, Valença, Itacaré e Gandú, será a vez de atender mulheres de Ubaitaba e Presidente Tancredo Neves.

O município de Ubaitaba, que está localizado a 172 Km de Salvador, receberá as Unidades Móveis nos próximos dias 15, 16 e 17 de junho. Já a cidade de Presidente Tancredo Neves, que está a 170 Km da capital baiana, contará com o atendimento nos dias 16 a 18 de junho.

As Unidades Móveis

Fazem parte do Programa “Mulher, Viver sem Violência”, lançado em 2013, fruto de uma parceria entre o Governo Federal e o Governo da Bahia, e integram as ações de implementação do Pacto Nacional pelo Enfrentamento à Violência contra as Mulheres.

Os ônibus têm como objetivo ampliar o acesso das mulheres do campo aos serviços da rede de atendimento às mulheres em situação de violência, através do trabalho de uma equipe multidisciplinar, composta por profissionais das áreas de Serviço Social, Psicologia e Direito.

A ação busca promover a interação efetiva dos diversos serviços de proteção à mulher e prestar orientação adequada e humanizada àquelas vítimas de violência, visando fomentar e consolidar as medidas previstas na Lei Maria da Penha (Lei n° 11.340/06).

Unidade móvel do Sesc Saúde Mulher é apresentada


Aconteceu na manhã desta sexta-feira (15), no Sesc Piatã, a apresentação da unidade móvel do Sesc Saúde Mulher. A Secretária Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia, Olívia Santana, marcou presença no evento.
A apresentação foi realizada pelo presidente da Fecomércio-BA, Carlos de Souza Andrade e pelo diretor regional do Sesc Bahia, José Carlos Boulhosa Baqueiro. O presidente da Fercomércio ressaltou que além de se tratar de um projeto importante por atender as mulheres trabalhadoras, é também essencial por se tratar de um trabalho de prevenção.
A Secretária Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia, Olívia Santana, afirmou que esta unidade é fundamental para atender e proteger as mulheres da Bahia, oferendo serviços que são essenciais, e ajudando a diagnosticar precocemente doenças que podem ser tratadas e curadas. Ela também mencionou que parcerias com a Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA) serão bem vindas, sobretudo, no Outubro Rosa, que é um mês dedicado à conscientização do diagnóstico precoce do câncer de mama.
A Assistente de Gerência do Restaurante do Sesc Comércio, Sandra Meire, também participou do ato, contando sua história de prevenção e luta contra o câncer de mama, emocionando e trazendo à tona uma reflexão sobre a importância dos cuidados preventivos com a saúde das mulheres.
00
A unidade móvel
Composta por uma equipe com um médico, uma enfermeira, duas técnicas de radiologia, uma educadora em saúde, artífice de manutenção e motorista, a unidade tem como objetivo atender gratuitamente as mulheres baianas, oferecendo exames de mamografia e citopatológico, no intuito de rastrear e prevenir as doenças que mais atingem o público feminino ─os cânceres de mama e do colo do útero.
O projeto irá beneficiar, prioritariamente, as comerciárias e suas dependentes habilitadas ao Sesc, e toda a comunidade. Na Bahia, 125 mil mulheres são habilitadas ao Sesc. A unidade começou a operar no Sesc Piatã, onde deve permanecer por cerca de dois meses. Após esse período, o Sesc leva o serviço para cidades do interior, com significativo número de comerciários, sempre em parceria com as prefeituras.
A previsão é de que a unidade Saúde Mulher realize mensalmente 540 mamografias e 540 preventivos (Papanicolau), totalizando 1.080 exames, além de atender a um público de 700 pessoas por mês nas atividades de educação em saúde, por meio de palestras e orientações.
Os exames e o agendamento prévio podem ser feitos na própria unidade, que funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 17h e sexta das 8h às 12h, no Sesc Piatã. Os documentos necessários são o Cartão Nacional de Saúde, RG, comprovante de residência e carteira do Sesc atualizada.

Mulheres do município de Lauro de Freitas recebem atendimento


Desde a última segunda-feira (11), o município de Lauro de Freitas esteve contemplado com a Unidade Móvel do Programa “Mulher, Viver sem Violência”, fruto de uma parceria entre o Governo Federal e o Governo da Bahia.
Ontem (13), foi realizado realizado o último dia de atendimentos na comunidade de Jambeiro, situada no município. As mulheres são convidadas para participar de uma roda de conversa, onde recebem orientações sobre violência de gênero e a Lei Maria da Penha. A partir desse primeiro contato, as participantes que solicitam, passam também por uma etapa de atendimento com uma equipe multidisciplinar (composta por profissionais das áreas de Serviço Social, Psicologia e Direito), onde são assistidas e encaminhadas.
A coordenadora da unidade, Aldinete Carvalho, ressaltou outro aspecto importante do projeto: a capacitação da rede de atendimento local, que acontece sempre nos dias anteriores aos atendimentos nas Unidades Móveis. “É o primeiro passo para trazer unidade para o atendimento da região, porque se não tivermos alinhamento entre a rede, não conseguiremos efetivar o trabalho”, explicou.
UnidadeMovel_LaurodeFreitas_130416_CreditoDanieleSilva_05
Foto: Daniele Silva
Roteiro

Durante o mês de abril, as Unidades Móveis realizam atendimentos nos seguintes municípios: Mata de São João (encerrou dia 13/04), Dias D’ávila (18 a 20/04), Simões Filho (18 a 20/04), Pojuca (26 a 28/04) e São Sebastião do Passé (26 a 28/04).

A escolha destas cidades levou em consideração o fato de possuírem as maiores taxas médias de homicídios de mulheres, além de necessitarem do fortalecimento de suas redes de atendimento e enfrentamento à violência.