Veja dicas para ter um bom exame no Enem


A hora da verdade para os estudantes que prestarão as provas do Enem está chegando. As provas do Exame Nacional do Ensino Médio serão realizadas nos dias 3 e 10 de novembro e, nessa reta final de preparação é importante manter o foco.

Separamos algumas dicas que podem ser úteis para os nossos estudantes, que buscam uma vaga em uma das universidades do país. O Carvalho News deseja boa sorte a todos!

Durma bem: o sono tem um papel fundamental na consolidação das aprendizagens cotidianas.

  1. Alimente-se adequadamente: para o bom funcionamento de nosso corpo e mente, é necessário consumir alimentos saudáveis – tais como frutas, verduras, grãos e proteínas. Para fortalecer sua memória, invista no consumo de ovos, peixes ricos em ômega 3 e frutas que contenham vitamina C.
  2. Evite situações estressantes, baladas e viagens na véspera do exame: esta carga de imprevisibilidade pode gerar impactos sobre os quais não temos controle e você não quer perder o exame para o qual tanto se dedicou, não é mesmo? Outra dica: se o seu deslocamento será de uma cidade para outra, é melhor ir no dia anterior à prova e se hospedar em um local próximo à realização de sua prova.
  3. Revise os principais conteúdos: para isso, o aluno pode utilizar esquemas e mapas mentais feitos ao longo do ano. Caso você não tenha esse hábito, existem diversos sites, portais e blogs que disponibilizam gratuitamente estes recursos para todos.
  4. Planeje seu deslocamento: é fundamental pensar a maneira como você vai chegar ao local da prova e o tempo de deslocamento – considerando o trânsito carregado deste dia. Independentemente do meio de transporte que escolher, planeje-se para chegar com uma hora de antecedência, pois imprevistos podem acontecer, inclusive, nas vias de acesso ao seu local de prova.
  5. Prepare seu lanche: você precisará de alimentos que não te causem trabalho e nem sonolência. O ideal é levar uma garrafa de água e alimentos leves, como castanhas e frutas. Balas, chicletes e chocolate apenas para o caso de uma crise de hipoglicemia.
  6. Entenda o tema da redação: para garantir que você compreendeu corretamente a proposta, é necessário ler o tema e ficar atento às palavras-chave.
  7. Planeje seu texto: faça um planejamento, organizando e hierarquizando as informações e os argumentos, relacionando-os a um repertório sociocultural. Verifique sua tese, selecione argumentos para defendê-la e elabore uma proposta relacionada a ela.
  8. Elabore uma proposta de intervenção: é fundamental que o candidato seja capaz de elaborar uma proposta de intervenção pertinente à discussão desenvolvida no texto, apresentando uma ação concreta, o modo como ela será executada e os efeitos – buscando o máximo de detalhamento.
  9. Revise o seu texto: é muito importante reler o texto, garantindo a ortografia e a pontuação correta, além de uma boa conexão entre as ideias, ou seja, a coesão textual.